Bandeira da Tunísia

PUBLICIDADE

Bandeira da Tunísia – História

bandeira mais antiga hasteada na área foi a bandeira da Tunísia Otomana, adotada durante o século 18, que era uma bandeira naval que apresentava duas listras azuis, duas vermelhas e uma verde.

Em 1705, os governantes da área da Baía de Túnis tinham a sua própria bandeira, que apresentava múltiplas listras horizontais amarelo-vermelho-verde com uma espada com língua de cobra no centro.

Em 1931, foi adotada uma versão da bandeira que hoje é conhecida como bandeira tradicional da Tunísia.

Era semelhante à bandeira do Império Otomano e apresentava um campo vermelho liso com um círculo branco no centro com uma lua crescente islâmica vermelha e uma estrela de cinco pontas.

Em 1881, a Tunísia tornou-se um protetorado francês e a bandeira permaneceu a mesma. No entanto, em algumas bases militares francesas, a bandeira foi hasteada com o tricolor vertical francês azul-branco-vermelho no canto superior esquerdo.

Em 1999, a lua crescente no centro da bandeira foi ligeiramente alterada para que as pontas circundassem mais a estrela vermelha de cinco pontas.

O vermelho simboliza o sangue derramado para proteger a Tunísia durante o conflito entre a Tunísia e a Turquia em 1574. O crescente e a estrela representam a unidade de todos os muçulmanos.

Bandeira da TunísiaBandeira da Tunísia

O design atual oficial data de 1999.

A estrela e crescente recorda a bandeira otomana e é, portanto, uma indicação da história da Tunísia como parte do Império Otomano.

As cores da Bandeira da Tunísia que lembram a cor do céu com o sol do deserto ao entardecer, astronomicamente, seus desenhos respeitam um arquétipo representativo duma imagem do mundo em movimento, um alinhamento planetário que só pode ser visto do espaço sideral, trata-se da imagem da terra e do Sol alinhada com uma estrela em primeiro plano visto por uma pessoa (Deus) estacionada além da esfera ultima esfera

Brasão de armas da Tunísia

Bandeira da TunísiaBrasão de armas da Tunísia

O atual brasão da Tunísia foi adotado em 1987 e apresenta um escudo dividido em três.

A parte superior mostra um barco que representa a galera púnica, símbolo de liberdade. As partes inferiores esquerdas são balanças que simbolizam a justiça e a parte inferior direita é um leão segurando uma espada, representando a justiça. Acima do escudo está a lua crescente islâmica e a estrela vermelha de cinco pontas.

No centro, logo abaixo do navio, é nacional lema escrito em árabe: Liberdade – Despacho – Justiça.

O emblema central da bandeira nacional é visto acima do escudo.

O fundo é ouro em todas as seções.

Fonte: www.portalsaofrancisco.com.br/flagmakers.co.uk

Veja também

Pontos Turísticos do Iêmen

PUBLICIDADE Aberto ao turismo de forma amável. O Iêmen oferece um paraíso de lendas e história única. …

Pontos Turísticos da Geórgia

PUBLICIDADE Locais Turísticos da Geórgia Geórgia conta com algumas cidades de grande riqueza cultural, tranquilas e …

Pontos Turísticos do Chipre

PUBLICIDADE O Chipre, situado no cruzamento de três continentes – Europa, Ásia e África – …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.