Breaking News
Home / Turismo / Locais Turísticos de Gana

Locais Turísticos de Gana

ACCRA

PUBLICIDADE

A capital do Gana é uma cidade viva 24 horas do dia. Está lotada de árvores que coexistem com os escritórios de governo e as lojas por todas suas ruas. Ali encontrará o Mercado Makola na rua Kojo Thompsom cuja atividade é constante durante toda a semana.

Também encontra-se aberto todos os dias o Museu Nacional de Gana onde exibe-se mostras da história e cultura do país (horário entre 9 e 18 horas). Outro curioso mercado é o Obruni Wao, perto da estação, onde também vende-se roupa de segunda mão, e o Timber, mais longe do centro, onde encontram-se objetos curiosos com animais e fetiches típicos.

O Centro de Artes, oficialmente conhecido como Center for National Culture, é um lugar cheio de objetos de artesanato de Accra: roupa tradicional, objetos de madeira, esculturas, instrumentos típicos, etc. Na parte oeste da cidade encontra-se o Mercado Kaneshie, uma visita que vale a pena. Ali pode-se encontrar desde alimentos até as melhores telas.

Não deixe de visitar a Praça da Independencia, com seu arco, a Casa do Parlamento e as Cortes, pois estas construções são distintivos da cidade.

Os Tres Fortes de Accra (James Fort, Ussher Fort e Christianborg Castle -conhecido como “O Castelo”) guardam o panorama e são fieis testemunhas da história da civilização. O primeiro deles é agora uma cadeia e o segundo e o terceiro são utilizados pelas autoridades oficiais.

PRAIAS PRÓXIMAS A CAPITAL

Ao longo da rua Labadi encontrará o caminho que conduz a Praia Labadi, um popular ponto para os veranistas de fim de semana. Mais adiante aproximadamente, sete quilômetros fica Praia Coco, muito mais encantadora. Continuando pelo mesmo caminho chega-se a Praia Kokrobite, que acolhe a Academia de Artes e Música Áfricana (AAMAL). Devido a Academia, as noites nesta zona tornam-se verdadeiras festas de música tradicional, especialmente durante os finais de semana.

ARREDORES DE ACCRA

Um dos atrativos mais impressionantes da zona, a 35 quilômetros da capital, é o Parque Botânico Aburi, criado pelos britânicos há mais de 100 anos. A Universidade do Gana, a mais antiga do país, merece também uma visita.

COSTA LESTE DO GANA

TEMA

É um dos portos mais importantes do Gana. Sua atividade industrial e numerosa população fazem dela uma das principais cidades do país. Ao norte do porto está o verdadeiro coração de Tema, chamado “Community”, onde encontrará um mercado muito animado.

ADA

Fica na metade de caminho entre Accra e Lomé, uma pequena vila perto do rio Volta. Está rodeada de praias pequenas e formosas. Muito perto pode-se visitar a aldeia pesqueira de Prampram e alguns fortes que valem a pena serem vistos como Yernom e Kongensten.

AKOSOMBO

Ascendendo o curso do rio Volta, a primeira parada é Akosombo. É uma cidade que emerge vibrante a beira do Lago Volta, com impressionantes vistas. Pode-se tomar uma embarcação no porto e percorrer os arredores da zona, especialmente para a pressa, a dois quilômetros da cidade. Continuando para o sul, depois de percorrer uns cinco quilômetros, chega-se a Atimpoku. Não muito longe encontra-se um lugar perfeito para fazer excursões em canoa, Kpong.

HO, AMEDZOFE E KPETOE

Seguindo a rota norte pelo leste do país, encontra-se Ho, muito perto da fronteira com Togo. É uma cidade animada e interessante. Os maiores atrativos desta pequena população ewé são o mercado e o museu.

Nos arredores de Ho distinguem-se Amedzofe, um lugar ideal para fazer excursões pela montanha, mas se quer é adquirir tecidos confeccionados pelos nativos com uma destreza digna de admiração, deve ir na localidade fronteriça de Kpetoe.

KPANDU

Entrando para o interior e um pouco mais para o norte aparece Kpandu. É outra das povoações que descansam a beira do Lago Volta e além é uma das principais estações da rota Gana-Togo. Ali atracam numerosas embarcações. Na zona pode-se realizar passeios curtos para conhecer a zona.

A COSTA OESTE

WINNEBA

Partindo desde Accra pode-se percorrer a Costa Oeste. A primeira parada obrigatória é Winneba, onde encontram-se as melhores praias, as mais paradisiacas e tranquilas de tuda a costa de Gana. Na zona encontrará numerosas aldeias pesqueiras de grande encanto. Deve visitar Senya Beraku, o Forte e um dos paraísos do surf, Fete.

APAM

Ao oeste de Accra encontra-se esta pequena cidade onde levanta-se imponente o Forte Leydsaamheyd, também chamado Forte Patience. Está composto por uma série de construções realizadas por europeus nos tempos do tráfico de ouro, marfim e escravos.

CAPE COAST

Conhecida como Oguaa é uma cidade de fala fante. Possui um formoso castelo que data do século XVII. Foi construida pelos suecos e converteu-se rapidamente no centro de operações da posterior incursão britânica. Também é famosa pela universidade e as praias. Outra das razões para visitar Cape Coast é o Festival Fetu que celebra-se no mês de setembro.

Excursões desde Cape Coast

Desde Cape Coast podem-se fazer excursões até as pequenas aldeias nas redondeças. Biriwa, é famosa pelas praias, enquanto Anomabu oferece um forte chamado William, construido pelos alemães no século XVII e reconstruido após pelos britânicos. Também nesta vila pode-se ver um Santuário Asafo, que conta uma grande história. A uns 25 quilômetros ao leste de Cape Coast está Saltpond, que oferece também a possibilidade de visitar seu santuário asafo.

PARQUE NATURAL KAKUM

Encontra-se a uns 30 quilômetros direção norte desde Cape Coast e conta com uma reserva florestal do tipo tropical digna de admiração. A fauna da zona é composta por macacos, elefantes, antílopes e outros formosos animais típicos da África.

ELIMINA

É popular pelas construções do Forte St. George construido pelos portugueses no século XV, e pelo Forte St. Jago com mais de 150 anos de existência desde o passo dos holandeses. Ambos os dois foram cedidos aos britânicos e construiram centros de importância no tráfico da época. O povoado de Elimina é renconhecido pelo Festival de Pesca na primeira terça-feira de julho.

KOMENDA

O mais atrativo da localidade é seus dois fortes, um inglês e outro alemão, que refletem a antiga rivalidade na zona entre estas duas potências.

SHAMA

A seguinte parada na rota pela Costa Oeste é Shama. Aqui pode-se desfrutar do ambiente e o colorido do mercado, além de visitar o forte português, em boas condições.

BUSUA

Busua é a zona preferida das embarcações pesqueiras que chegam a suas costas. Pode-se comprar peixes a preços muito econômicos ou desfrutar de um apaixonante passeio noturno para praticar a pesca do jeito tradicional.

DIXCOVE

Dixcove é uma vila tranquila dominada por um forte de construção portuguesa. Ao longo das colinas podem-se obter as mais impressionantes vistas da natureza que rodeia a zona. Está bordeada de praias de real beleza. As melhores praias da zona encontram-se em Princes Town.

SEKONDI-TAKORADI

Takoradi é um importante porto em cujas proximidades encontra-se a Base Naval de Sekondi. Esta linda cidade mostra todo seu ar colonial nas velhas construções do bairroEuropeam Town. Um dos máximos atrativos é o Forte Orange, de construção alemã.

Em Takoradi encontram-se os melhores hotéis, além de um mercado e um Centro Artesanal. Pode-se realizar passeios pelo porto ou descansar em suas praias.

AXIM

Pode-se ver na zona um forte de construção portuguesa, Santo Antonio (St. Anthony), do século XVI, e um pequeno povoado que encontra-se não muito longe de Axim, chamado Nkroful, berço de Nkrumah. Desde aqui é fácil aceder ao Forte Apollonia e a Beyin.

HALF ASSINI

É este o último destino na rota pelo litoral ocidental. Daqui pode-se cruzar a fronteira para Costa de Marfim.

O CENTRO DE GANA

KUMASI

A antiga capital de Ashanti é o maior centro da cultura e comércio no Gana. Tem uma população aproximada de 400.000 habitantes e mostra na arquitetura uma mistura excepcional de herança colonial e características africanas.

Aqui pode-se visitar o Centro Cultural, com exposições da cultura do país, (tem uma livraria pequena e muito interessante) e o Museu Prempeh II ilustrando a história de Ashanti. Possui uma recopilação de fotografias e exposições de artesanato e objetos tradicionais. O Museu Militar está situado no antigo Forte St. George e está aberto diariamente. Também é interessante a visita ao Palácio Asantehem (não pode-se entrar de calção curto e vestidos muito decotados) e observar uma construção cheia de história. Porém, sem dúvida, o mais animado de Kumasi é seu enorme mercado, onde pode-se encontrar de tudo.

Arredores de Kumasi

A 30 quilômetros de Kumasi encontra-se o Lago Bosumtwi, com 100 metros de profundidade. É um lugar popular para excursões de fim de semana. Outra interessante excursão leva a Reserva Owabi, e ao pequeno povoado de Bonwire, onde pode-se encontrar o melhor artesanato da zona. O mesmo acontece em Ahwiaa, Ntonso e Kurofuforum, onde pode-se apreciar e comprar as apreciadas produções tradicionais.

OBUASI

Esta pequena localidade, ao sul de Kumasi, encontra-se belamente rodeada de montanhas e tem como principal atrativo suas minas de ouro.

SUNYANI

Voltando a Kumasi, em direção noroeste, localiza-se Sunyani, parada obrigada. Aqui encontrará bancos, hotéis e bons restaurantes. Daqui pode-se chegar á Costa de Marfim, passando primeiro por Berekum.

MAMPONG

A uns cinquenta quilômetros de Kumasi em direção nordeste localiza-se Mampong. O mais bonito é os arredores. Vale a pena conhece-los, a pé ou de bicicleta.

KUJANI E O PARQUE NACIONAL DIGYA

Situado no centro leste do país, nas aproximidades do Lago Volta, encontra-se este parque, um dos maiores do país.

YEJI

Ao norte do lago e da reserva acha-se Yeji. É uma boa parada no caminho para o norte do país. A cidade dispõe de um atrativo mercado.

KETE KRACHI

Descansa na beira norte do Lago Volta. Foi uma cidade que ganhou importância quando criou-se o lago, sendo um ponto importante nas antigas rotas de tráfico de escravos. Suas estações naturais são de singular beleza. Daqui pode-se chegar à localidade de Kpandai.

O NORTE DE GANA

TAMALE

É uma cidade comercial e a capital da província do norte. É um grande centro produtor de algodão e arroz. Entre os lugares que a cidade oferece como atrativo para o visitante encontra-sen o mercado, especialista em tecidos locais e o Centro Cultural Nacional.

Arredores de Tamale

Desde Tamale podem-se fazer excursões até algumas das localidades próximas como Daboya, conhecida pelos bons tecidos; Yendi, destacando pelo palácio e o Festival Damba de Dagomba. Para o oeste encontra-se o Parque Nacional Mole, um parque rodeado de natureza selvagem. Não muito longe acha-se a mesquita mais antiga do país, em Larabanga, de 1421, sem autor conhecido.

WA-LAWRA

Duas cidades situadas no extremo norodeste do país, famosas pelos festivais que celebram-se em outubro. Wa possui um colorido mercado e uma mesquita para visitar.

BOLGATANGA

É uma cidade de crescente desenvolvimento situada no extremo norte do país. Sua popular produção de artesanatos representa particular atrativo para os visitantes. Debe-se visitar seu mercado.

A zona de Paga Crocodile Ponds está habitada por grandes quantidades de crocodilos. Pode-se visitar durante a época mais seca do ano (de dezembro a abril).

NAVRONGO

Encontra-se no caminho à fronteira com Burkina Faso. O mais atrativo da cidade é sua Catedral e, claro, o Lago de Tono, situado a oito quilômetros.

NAKPANDURI

Nakpanduri é o lugar onde encontra-se a casa de descanso do governo, com razão pois é um lugar tranquilo e sereno. Daqui pode-se viajar até as encantadoras povoações próximas e conhecer um pouco mais desta bela parte do país.

Fonte: www.rumbo.com.br

Locais Turísticos de Gana

Gana

Capital: Accra
Idioma: inglês
Moeda: cedi
Clima: tropical úmido e savana
Fuso horário (UTC): 0

Pontos turísticos

Kumasi

Antiga capital do reino Ashanti, é rodeada por colinas verdejantes. O Centro Cultural National possui uma excelente exposição sobre a história Ashanti, entre eles o trono em ouro falso usado para enganar o exército britânico.

O Palácio de Asantehene (Palácio Manhyia) é uma amostra de como os reis Ashanti viviam de modo despretencioso. Os vilarejos ao redor da cidade são conhecidos pelos artesanatos.

Dixcove e Busua

Comunidades muito procuradas pelos amantes de boas praias e viajantes mais econômicos. Busua, embora bem menor e com apenas um hotel, possui uma longa praia de areias brancas procuradas principalmente pelos banhistas.

Já Dixcove é mais procurada por surfistas. As duas praias são conhecidas também pela lagosta pescada no local e vendida no mercado e em todos os restaurantes.

Costa Atlântica

Ao longo de toda a costa, por 250km de extensão, vilarejos pesqueiros e antigos fortes de comércio escravo se intercalam. A vila de Senya Beraku possui praias lindas e povo amigável, sendo a maior atração o forte Good Hope de 1706.

Fonte: www.geomade.com.br

Veja também

Hino Nacional da República Democrática do Congo

Debout Congolais PUBLICIDADE Debout Congolais (Levanta congolês) é o hino nacional da República Democrática do …

Locais Turísticos da República Democrática do Congo

BRAZZAVILLE PUBLICIDADE É um lugar muito interessante, muito verde, com uma Basílica, Mercados e o …

República Democrática do Congo

PUBLICIDADE O território que hoje leva o nome de República Democrática do Congo tem sido habitada por …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.