Breaking News
Home / Corpo Humano / Pericárdio

Pericárdio

PUBLICIDADE

O pericárdio é uma bolsa fina que envolve o coração. Ele protege e lubrifica seu coração e o mantém no lugar dentro do seu peito.

Podem ocorrer problemas quando o pericárdio inflama ou se enche de líquido. O inchaço pode causar danos ao coração e afetar seu funcionamento.

pericárdio é constituído de uma dupla membrana que envolve o coração. A camada externa, pericárdio parietal, e constituído por uma camada densa de feixes colagenos.

A camada interna e formada por uma membrana serosa, pericárdio visceral. Entre estas duas camadas existe uma cavidade virtual, a cavidade do pericárdio, com uma quantidade de líquido apenas o suficiente para umedece-las.

O que é o pericárdio?

pericárdio é uma bolsa protetora que envolve o coração e as raízes das principais veias e artérias que conduzem a ele. Ele consiste em duas camadas primárias, uma das quais é dividida em duas subcamadas.

Seu principal objetivo é segurar e lubrificar o coração e garantir que ele não se expanda muito. Embora os problemas com o pericárdio sejam bastante raros, eles podem ocorrer se ele inchar ou acumular muito líquido.

Na maioria das vezes, esses problemas são tratáveis, embora um acúmulo particularmente grande de líquido, chamado de tamponamento cardíaco, possa ser uma emergência com risco de vida.

Estrutura

Esse saco é formado por duas partes principais: a camada fibrosa, que fica mais externa ao coração, e a camada serosa, que fica dentro dele.

A camada fibrosa é adjacente à pleura, ou a membrana que cobre os pulmões, e está presa ao esterno e ao diafragma.

A camada serosa é dividida em duas subcamadas: a camada parietal, que fica imediatamente dentro da camada fibrosa, e a camada visceral, que fica logo ao lado do coração.

Há cerca de 35 ml de líquido no espaço entre as camadas visceral e parietal, que é chamado de cavidade pericárdica.

Função

pericárdio tem três funções principais. Ele protege o coração e o mantém no lugar, garantindo que ele não seja afetado por mudanças na pressão arterial e que possa continuar funcionando mesmo se uma pessoa receber um golpe forte no peito.

Ele também mantém o coração lubrificado, para que ele possa bombear com eficiência e suavidade, sem que ele ou as diferentes camadas do saco pericárdico se prendam umas às outras.

Além disso, limita a quantidade de espaço em que o coração tem para se expandir, o que evita que o coração fique muito grande quando se enche de sangue.

Doenças pericárdicas

Um dos problemas mais comuns associados ao pericárdio é uma condição chamada pericardite, na qual ele fica inflamado e inchado, causando dor e falta de ar. Isso pode ser causado por uma infecção viral, uma condição inflamatória como lúpus, um tumor ou trauma direto no coração, como no caso de cirurgia cardíaca ou lesão.

Algumas pessoas também o desenvolvem em resposta a certos medicamentos, incluindo fenitoína e procainamida, e alguns o têm sem nenhuma razão aparente.

Muitos casos de pericardite se resolvem sozinhos e essa condição geralmente não é motivo de preocupação, desde que o inchaço não se torne muito sério.

O tratamento comum para a maioria dos casos de pericardite leve são os anti-inflamatórios não esteroidais (AINEs).

O excesso de fluido entre o coração e o pericárdio é conhecido como derrame pericárdico

Outro distúrbio pericárdico comum é o derrame pericárdico, no qual líquido extra se acumula no pericárdio, pressionando o coração. Pode ser decorrente de longos períodos de pericardite, trauma, infecção, lúpus ou câncer e geralmente desaparece quando a doença subjacente é tratada. Se muito líquido se acumular, pode ocorrer uma condição chamada tamponamento cardíaco, na qual o aumento da pressão afeta seriamente o funcionamento do coração.

Esta é uma emergência médica e pode ser mortal se não for tratada imediatamente.

O tratamento para tamponamento cardíaco geralmente é a pericardiocentese, na qual o líquido é removido do pericárdio com uma agulha e seringa, ou uma janela pericárdica, na qual um cirurgião faz um orifício no pericárdio e coloca um tubo torácico nele para drenar o líquido.

Pericárdio – Coração

coração está contido no pericárdio, que é um saco fibro-seroso, através do qual relaciona-se com as paredes e órgãos próximos.

O pericárdio é constituído por duas lâminas: a parietal e a visceral. A primeira apresenta uma porção externa e resistente, chamada de pericárdio fibroso, que é praticamente inextensível, sendo composta por uma densa camada de feixes coláge­nos e fibras elásticas.

O pericárdio parietal é revestido internamente por uma serosa.

Pericárdio

Pericárdio

Ele envolve o coração como se fosse uma bolsa desde o ápice até a base, onde se funde com a adventícia dos grandes vasos.

Inferiormente, o pericárdio fibroso confunde-se com o centro tendíneo do diafragma, ao qual está firmemente aderido formando o ligamento frenopericárdico.

pericárdio fibroso, posteriormente, é fixado por tecido conectivo frouxo às estruturas do mediastino superior, relacionando-se com a aorta torácica e com o esôfago.

Em suas faces laterais adere à pleura mediastinal, exceto quando dela separado pelos nervos frênicos, formando a membrana pleuropericárdica.

A lâmina visceral ou epicárdio, está densamente aderida à superfície das câmaras cardíacas.

pericárdio seroso é um saco fechado e invaginado, sendo normalmente virtual a cavidade delimitada entre suas duas lâminas, a qual contém líquido pericárdico que lubrifica as superfícies, diminuindo o atrito durante os movimentos cardíacos. As lâminas do pericárdio fundem-se próximo aos vasos da base, refletindo-se para o coração.

No interior da cavidade pericárdica encontram-se dois recessos ou seios: o seio transverso, que se apresenta como um túnel entre a superfície dos átrios e a superfície posterior das grandes artérias, e o seio oblíquo, localizado junto ao átrio esquerdo e limitado pela reflexão do pericárdio em torno das veias pulmonares e da veia cava inferior.

A vascularização do pericárdio é realizada pelos ramos pericardicofrênicos das artérias torácicas internas e através dos ramos pericardíacos das artérias brônquicas, esofágicas e frênica superior.

Esses vasos apresentam anastomoses extracardíacas com as artérias coronárias.

pericárdio seroso, em sua lâmina visceral ou epicárdio, é irrigado pelas artérias coronárias.

A inervação do pericárdio faz-se pelos nervos de ramos oriundos do nervo frênico que contêm fibras vasomotoras e sensitivas.

Pericárdio
Pericárdio fibroso

pericárdio é um saco fibrosseroso que envolve o coração e as raízes dos grandes vasos (Gardner, et al 1988).

É formado por duas membranas, uma de constituição fibrosa que envolve mais externamente o coração e grandes vasos em intima relação com as estruturas mediastinais, denominado pericárdio fibroso; e outras de consistência serosa, o pericárdio seroso constituído por 2 lâminas, as lâminas parietal e visceral.

pericárdio fibroso, é constituído de uma camada densa de faixas colágenas entrelaçadas com o esqueleto de fibras elásticas mais profundas (Gardner, et al 1988). É uma bolsa em forma de cone, cujo ápice termina onde o pericárdio se continua com a túnica externa dos grandes vasos.. Sua base está presa ao centro tendíneo do músculo diafragma, através do ligamento freno-pericárdico, um dos responsáveis em manter o coração em posição na cavidade torácica juntamente com os ligamentos esterno-pericárdicos superior e inferior.

pericárdio seroso é constituído de 2 lâminas, a lâmina parietal, externa que forra a superfície interna do pericárdio fibroso, constituindo com o último um pequeno espaço virtual, e uma lâmina visceral (ou epicárdio) que é a reflexão ao nível dos grandes vasos da lâmina parietal em direção ao coração recobrindo-o totalmente. As camadas visceral e parietal, cujas superfícies opostas são recobertas por mesotélio, acham-se separadas por um espaço potencial, a cavidade do pericárdio, e são umedecidas por uma película líquida.

O seio transverso do pericárdio é a disposição de maneira a constituir um espaço entre o tronco da pulmonar e aorta ascendente anteriormente ao átrio e veia cava superior posteriormente, onde essas estruturas são recobertas pela lâmina visceral do pericárdio seroso sendo apenas visualizadas externamente com devida ruptura do pericárdio fibroso e lâmina parietal do pericárdio seroso.

Doenças do Pericárdio

pericárdio é um saco constituído de duas camadas flexíveis e distensíveis que envolve o coração.

Ele contém uma quantidade apenas suficiente de líquido lubrificante entre as duas camadas que permite o deslizamento de uma sobre a outra. O pericárdio mantém o coração em posição, impede que este se encha demasiadamente de sangue e o protege das infecções torácicas.

No entanto, o pericárdio não é essencial à vida e, caso seja removido, ele não produz efeitos mensuráveis sobre o desempenho cardíaco. Em raros casos, ocorre ausência congênita do pericárdio ou este apresenta áreas frágeis ou orifícios em sua estrutura. Esses defeitos são perigosos, pois o coração ou um vaso sangüíneo importante pode formar uma protuberância (herniação) através de um orifício do pericárdio, tornando-se encarcerado e isto pode levar à morte em poucos minutos.

Por isso, esses defeitos comumente são reparados cirurgicamente e, caso a reparação não seja possível, pode ser realizada a remoção de todo o pericárdio. Além dos defeitos congênitos, as doenças do pericárdio podem ter como causa infecções, lesões e tumores que se disseminaram.

Fonte: www.medicinageriatrica.com.br/www.manuaisdecardiologia.med.br/www.medstudents.com.br/www.msd-brazil.com/www.auladeanatomia.com

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Córtex auditivo

PUBLICIDADE Córtex auditivo – Definição O córtex auditivo executa uma variedade de funções que nos permitem segregar …

Hipotálamo

PUBLICIDADE O que é o hipotálamo? O hipotálamo é a pequena estrutura em forma de cone dentro …

Sistema Nervoso Simpático

PUBLICIDADE Sistema Nervoso Simpático – Definição O sistema autônomo é composto de duas divisões, os …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.