Breaking News
Home / Corpo Humano / Sistema Cardiovascular

Sistema Cardiovascular

PUBLICIDADE

O que é o sistema cardiovascular?

sistema cardiovascular, também conhecido como sistema circulatório, é um sistema do corpo composto pelo coração, sangue e vasos sanguíneos. Este sistema é responsável pelo transporte de sangue.

À medida que o sistema cardiovascular move o sangue por todo o corpo, as células recebem oxigênio e nutrientes. O dióxido de carbono e outros resíduos também são removidos do corpo.

A palavra cardiovascular deriva da palavra grega kardia, que significa “coração”, e da palavra latina vasculum, que significa “pequeno vaso”.

O sistema cardiovascular

Nesse sistema complexo, o coração atua como uma bomba, forçando o sangue a se mover pelo corpo e relaxando para que mais sangue entre em suas câmaras. A maior parte do sangue é composta de plasma, um fluido aquoso cheio de proteínas.

Menos da metade do sangue é composta por plaquetas e glóbulos vermelhos e brancos.

As plaquetas ajudam o sangue a coagular se uma pessoa sofrer um corte ou hemorragia.

Um diagrama mostrando diferentes tipos de glóbulos brancos

sistema cardiovascular pode ser considerado o sistema de transporte do corpo.

Este sistema tem três componentes principais: o coração, o vaso sanguíneo e o próprio sangue.

O coração é a bomba do sistema e os vasos sanguíneos são como as vias de entrega.

O sangue pode ser considerado um fluido que contém o oxigênio e os nutrientes de que o corpo necessita e carrega os resíduos que precisam ser removidos.

sistema cardiovascular às vezes é chamado de sistema vascular do sangue ou simplesmente circulatório. Consiste no coração, que é um dispositivo de bombeamento muscular, e um sistema fechado de vasos chamados artérias, veias e capilares. Como o nome indica, o sangue contido no sistema circulatório é bombeado pelo coração em torno de um círculo fechado ou circuito de vasos à medida que passa repetidamente pelas várias “circulações” do corpo.

Como no adulto, a sobrevivência do embrião em desenvolvimento depende da circulação do sangue para manter a homeostase e um ambiente celular favorável. Em resposta a essa necessidade, o sistema cardiovascular surge no início do desenvolvimento e atinge um estado funcional muito antes de qualquer outro sistema orgânico importante. Por incrível que pareça, o coração primitivo começa a bater regularmente no início da quarta semana após a fertilização.

O papel vital do sistema cardiovascular na manutenção da homeostase depende do movimento contínuo e controlado do sangue através dos milhares de quilômetros de capilares que permeiam todos os tecidos e alcançam todas as células do corpo.

É nos capilares microscópicos que o sangue desempenha sua função de transporte final. Nutrientes e outros materiais essenciais passam do sangue capilar para os fluidos que cercam as células, à medida que os resíduos são removidos.

Numerosos mecanismos de controle ajudam a regular e integrar as diversas funções e partes componentes do sistema cardiovascular para fornecer sangue a áreas específicas do corpo de acordo com a necessidade.

Esses mecanismos garantem um ambiente interno constante em torno de cada célula do corpo, independentemente das diferentes demandas por nutrientes ou produção de resíduos.

O que é o sistema cardiovascular?

sistema cardiovascular ou aparelho cardiovascular se refere ao coração, vasos sanguíneos e sangue. O sangue contém oxigênio e outros nutrientes de que seu corpo precisa para sobreviver.

O corpo retira esses nutrientes essenciais do sangue. Ao mesmo tempo, o corpo despeja resíduos, como dióxido de carbono, de volta no sangue, para que possam ser removidos.

A principal função do sistema cardiovascular é, portanto, manter o fluxo sanguíneo para todas as partes do corpo, para permitir sua sobrevivência.

As veias transportam o sangue usado do corpo de volta para o coração. O sangue nas veias tem baixo teor de oxigênio (porque foi retirado pelo corpo) e alto teor de dióxido de carbono (porque o corpo o liberou de volta para o sangue). Todas as veias drenam para a veia cava superior e inferior, que então drenam para o átrio direito. O átrio direito bombeia sangue para o ventrículo direito.

Em seguida, o ventrículo direito bombeia sangue para o tronco pulmonar, através das artérias pulmonares e para os pulmões. Nos pulmões, o sangue capta o oxigênio que inspiramos e se livra do dióxido de carbono, que expiramos.

O sangue torna-se rico em oxigênio que o corpo pode usar. Dos pulmões, o sangue drena para o átrio esquerdo e é bombeado para o ventrículo esquerdo.

O ventrículo esquerdo bombeia esse sangue rico em oxigênio para a aorta, que o distribui para o resto do corpo por meio de outras artérias.

É importante manter um sistema cardiovascular saudável, uma vez que o sangue e os vasos sanguíneos são essenciais para uma boa saúde. O sistema cardiovascular é o carro-chefe do corpo, movendo-se continuamente para empurrar o sangue para as células. Se este importante sistema cessa seu trabalho, o corpo morre.

O coração se contrai mais de 100.000 vezes ao dia enquanto empurra o sangue através dos vasos sanguíneos. À medida que se contrai, força o sangue para a corrente sanguínea.

O sangue transporta nutrientes do sistema digestivo e oxigênio dos pulmões para as células do corpo. Em seguida, o sangue carrega produtos residuais que são removidos pelos rins e dióxido de carbono que é expelido pelos pulmões.

O coração é um músculo do tamanho de um punho e é dividido em quatro câmaras. Essas câmaras são o átrio direito, o átrio esquerdo, o ventrículo direito e o ventrículo esquerdo. Durante o processo circulatório, o sangue entra no átrio direito do coração. Conforme o coração se contrai, o sangue passa por uma válvula do átrio direito para o ventrículo direito. O sangue então flui por outra válvula cardíaca para os pulmões.

É aqui que o sangue capta oxigênio. Nesse ponto, o sangue flui para o átrio esquerdo do coração e através de uma válvula para o ventrículo esquerdo, de onde flui através de uma válvula para a aorta.

Ao deixar a aorta, o sangue viaja para o restante do corpo, levando os nutrientes e o oxigênio necessários para as células do corpo.

Quando surgem problemas no sistema cardiovascular, a pessoa sofre de uma doença cardiovascular. Mais de 60 tipos de doenças cardiovasculares podem causar sérios problemas de saúde.

As doenças comuns incluem acidente vascular cerebral ou doença cardíaca. Algumas condições, como doenças cardíacas congênitas, estão presentes quando uma pessoa nasce; outras doenças cardiovasculares se desenvolvem gradualmente à medida que a pessoa chega à idade adulta.

Como funciona o sistema circulatório?

O sangue com baixo teor de oxigênio se acumula no átrio direito do coração, uma das 4 câmaras do coração.

Ele se move para o ventrículo direito, que bombeia o sangue para os pulmões, onde as células vermelhas do sangue captam oxigênio e se livram do dióxido de carbono. Você exala o dióxido de carbono.

O sangue rico em oxigênio retorna ao átrio esquerdo do coração e, em seguida, ao ventrículo esquerdo. O ventrículo esquerdo bombeia sangue rico em oxigênio pela aorta, pelas artérias e, em seguida, por todas as partes do corpo. Ao longo do caminho, o sangue coleta nutrientes alimentares de seu intestino delgado.

Ao entrar nos capilares, o sangue entra em contato próximo com os tecidos e células. Ele fornece oxigênio e nutrientes e remove dióxido de carbono e resíduos. Agora com pouco oxigênio, o sangue viaja pelas veias para retornar ao átrio direito do coração, onde o circuito é reiniciado.

Sistema Cardiovascular – Função

A função primária do sistema cardiovascular é levar sangue para os tecidos, fornecendo assim,os nutrientes essenciais para o metabolismo das células, enquanto ao mesmo tempo, remove os produtos finais do metabolismo das células.

O coração atua como bomba
Os vasos que conduzem o sangue para os tecidos são artérias.
Os vasos que conduzem o sangue dos tecidos de volta ao coração são as veias.
Nos tecidos interpostos as veias e artéria temos os capilares, que são responsáveis pelas trocas de produtos finais do metabolismo e líquidos.

Funções do sistema cardiovascular:

O sistema cardiovascular permite que algumas atividades sejam executadas com grande eficiência, como veremos:

Transporte de gases: permite o transporte de gases dos pulmões (responsáveis pela obtenção de oxigênio e pela eliminação de dióxido de carbono), com os demais tecidos do corpo por meio do sangue.
Transporte de nutrientes: após a absorção dos alimentos pelo sistema digestivo, os nutrientes resultantes da digestão passam através de um fino epitélio e alcançam o sangue. São, então, carreados aos tecidos do corpo, nos quais se difundem para o líquido intersticial ao redor das células.
Transporte de resíduos metabólicos: os resíduos formados na atividade metabólica das células devem ser transportados até os órgãos de excreção, através do sangue.
Transporte de hormônios e substâncias: hormônios são substâncias secretadas por certos órgãos, distribuídas pelo sangue e capazes de modificar o funcionamento de outros órgãos do corpo. Os medicamentos também precisam da circulação sanguínea (e, às vezes das proteinas) para atingir o órgão-alvo e promover ação terapêutica.
Intercâmbio de materiais: algumas substâncias são produzidas ou armazenadas em uma parte do corpo e utilizadas em outra parte. Células do fígado, por exemplo, armazenam moléculas de glicogênio, que, ao serem quebradas, liberam glicose, que o sangue leva para outras células do corpo.
Transporte de calor: o sistema vascular também participa na manutenção da temperatura corporal, seja na distribuição homogênea de calor pelas diversas partes do organismo, como promovendo vasoconstrição ou vasodilatação, para equilibrar a mesma em relação à temperatura ambiente.
Distribuição de mecanismos de defesa: pelo sangue circulam anticorpos e células fagocitárias, componentes da defesa contra agentes infecciosos.
Coagulação sangüínea: pelo sangue circulam as plaquetas. O sangue contém ainda fatores de coagulação, capazes de bloquear eventuais hemorragias em caso de rompimento de um vaso sangüíneo.

O que o coração faz?

coração é uma bomba, geralmente batendo cerca de 60 a 100 vezes por minuto. A cada batimento cardíaco, o coração envia sangue por todo o corpo, levando oxigênio a todas as células.

Depois de fornecer o oxigênio, o sangue retorna ao coração. O coração então envia sangue aos pulmões para captar mais oxigênio. Este ciclo se repete indefinidamente.

CIRCULAÇÃO SANGUÍNEA

FUNÇÃO DA CIRCULAÇÃO

Atender as necessidades dos tecidos
Transportar nutrientes para os tecidos
Transportar produtos finais do metabolismo para longe dos tecidos
Transportar hormônios de uma parte do corpo para outra.
Manter ambiente adequado nos líquidos teciduais, para a sobrevida e funcionamento das células.

SANGUE

sangue é uma substância líquida que circula pelas artérias e veias do organismo. Em uma pessoa normal sadia, cerca de 45% do volume de seu sangue são células (a maioria de glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas). O sangue é vermelho brilhante, quando oxigenado nos pulmões (nos alvéolos pulmonares). Ele adquire uma tonalidade mais azulada, quando perde seu oxigênio, através das veias e dos pequenos vasos denominados capilares. Este movimento circulatório do sangue ocorre devido à atividade coordenada do coração, pulmões e das paredes dos vasos sanguíneos.

O sangue transporta ainda muitos sais e substâncias orgânicas dissolvidas.

No interior de muitos ossos, há cavidades preenchidas por um tecido macio, a medula óssea vermelha, onde são produzidas as células do sangue: hemácias, leucócitos e plaquetas.

Glóbulos vermelhos: Os glóbulos vermelhos são corpúsculos vermelhos do sangue. Um milímetro cúbico do sangue contém cerca de cinco milhões de corpúsculos ou glóbulos vermelhos, chamados também de eritrócitos ou hemácias. Uma variação de 4 a 6 milhões é considerada normal e uma de 8 milhões pode ser encontrada em indivíduos que vivem em regiões de grande altitude. Esse número pode ser menor que 1 milhão em caso de anemia grave. Os glóbulos vermelhos contêm hemoglobina.
Hemoglobina: 
A hemoglobina é constituída por um pigmento vermelho chamado heme, que dá a cor vermelha característica do sangue. É um pigmento especial predominante no sangue, cuja função é transportar o oxigênio. Transporta o oxigênio dos pulmões até os tecidos do corpo. Depois, inverte sua função e recolhe o dióxido de carbono, transportando-o até os pulmões para ser expirado.
Plaquetas: 
As plaquetas são pequenas massas protoplásticas anucleares, que aderem à superfície interna da parede dos vasos sanguíneos no lugar de uma lesão e fecham o defeito da parede vascular. Tem cerca de 200.000 a 300.000 plaquetas, denominadas trombócitos, no sangue.
Glóbulos Brancos: 
No sangue, temos de 5.000 a 10.000 corpúsculos ou glóbulos brancos (células brancas do sangue), que recebem o nome de leucócitos. De 4.000 a 11.000 glóbulos brancos por mm3.

São de vários tipos principais:

Neutrófilos: Que fagocitam e destroem bactérias
Eosinófilos: 
Que aumentam seu número e se ativam na presença de certas infecções e alergias; Basófilos – Que segregam substâncias como a heparina, de propriedades anticoagulantes, e a histamina
Linfócitos: 
Que desempenham um papel importante na produção de anticorpos e na imunidade celular; Monócitos – Que digerem substâncias estranhas não bacterianas.

VASOS SANGUÍNEOS

Atuam como sistema fechado de condutos passivos, que leva sangue aos tecidos, onde os nutrientes e os produtos finais do metabolismo são trocados, e promove-lhe o retorno.

Participam ativamente da regulação do fluxo sangüíneos para os rgãos.

Os vasos sanguíneos é uma rede de artérias, capilares e veias para transportar o sangue bombeado pelo coração

O CIRCUITO

Sangue oxigenado enche o ventrículo esquerdo.
Sangue é ejetado do ventrículo esquerdo para a aorta.
O débito cardíaco é distribuído pelos diversos órgãos.
O fluxo sangüíneo dos órgãos é coletado pelas veias.
Retorno venoso para o átrio direito.
Sangue misto enche o ventrículo direito para a artéria.
O sangue é ejetado pelo ventrículo direito para as artérias pulmonar.
O fluxo sangüíneo dos pulmões retorna ao coração por meio das veias pulmonar.

Fonte: healthengine.com.au/kidshealth.org/en.wikipedia.org/www.betterhealth.vic.gov.au/www.fisiologiaunifor.com/www.cancerindex.org/www.wisegeek.org/www.ceunes.ufes.br/training.seer.cancer.gov

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Nós musculares

PUBLICIDADE Nós musculares – O que são O fenômeno dos nós musculares não é incomum. Essencialmente, os nós …

Córtex auditivo

PUBLICIDADE Córtex auditivo – Definição O córtex auditivo executa uma variedade de funções que nos permitem segregar …

Hipotálamo

PUBLICIDADE O que é o hipotálamo? O hipotálamo é a pequena estrutura em forma de cone dentro …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.