Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Framboesa  Voltar

Framboesa

 

Framboesa
Framboesa

A Framboesa é uma fruta pequena, arredondada, de cor vermelho-escura e muito suculenta.

É originária da Ásia, onde há mais de duzentas espécies.

Entretanto, no Brasil não existem espécies naturais, sendo cultivado somente um tipo, que dá frutos entre outrubro e janeiro, Apenas 10 % da produção brasileira é comercializada ao natural.

É rica em sais minerais como cálcio, ferro e fósforo.

O restante é utilizado para fabricar geléias, doces, compotas e licores.

Contem ainda vitaminas A, C e fibras.

A framboesa é muito delicada e deve ser manuseada o mínimo possível. Compre frutas que não estejam muito maduras, nem amassadas ou sujas.

Composição

Nas folhas há ácido tânico, ácido láctico, ácido succínico e ácidos não saturados, e nos frutos há a pectina, glicose e ácidos de fruta. As sementes secas ao ar obtém-se 13,5% de um óleo pouco espesso e de cor verde amarelada. A fruta possui frutose.

Indicações

As folhas da framboesa tem efeito antidiarréico e antiinflamatório.

Em inflamações das gengivas e de garganta usar a folha por infusão e fazer enxágües ou gargarejos para acalmar. A fruta excita o peristaltismo intestinal de um excesso de ácidos pela sua grande riqueza em bases. A cura pela framboesa é indicada contra a prisão de ventre, e reumatismo e outras doenças metabólicas, sobretudo contra as doenças do fígado, dos rins e hemorróidas.

Boa para equilibrar a falta de vitaminas no organismo pois ela apresenta um conteúdo abundante de vitaminas. O suco de framboesa com água é indicado para tirar a sede e ajudar na cura de doentes com febre

Uso

Folhas de framboesa com folhas de amoreiras são recomendados em catarros, nas irritações e inflamações das vias gastrintestinais, nas diarréias e catarros inflamatórios do intestino grosso e nas hemorragias por hemorróidas.

Utilizado para melhorar o sabor de remédios farmacêuticos. Em compotas, doces, pastéis, etc.

Framboesa
Framboesa

Como comprar

A framboesa é muito delicada e deve ser manuseada o mínimo possível. Compre frutas que não estejam muito maduras, nem amassadas ou sujas.

Como guardar

Para que a framboesa não amadureça demais nem perca o seu sabor, guarde-a na geladeira, mantendo-a na embalagem original, coberta com plástico ou papel de alumínio. Se quiser conservar por aproximadamente uma semana, coloque no congelador. Os doces preparados com framboesa ao natural não podem ser guardados por muito tempo.

Como preparar

Se a framboesa vai ser consumida ao natural, lave cada fruta com cuidado, para evitar que estoure e perca o suco. No entanto, se ela vai ser cozida, não é necessário lavar.

Nota

A framboesa não é uma árvore; é um arbusto que mede aproximadamente a altura da cintura ou menos se for podada ou mais alta quando velha, podendo até ser cultivada em vasos dentro de casa. Cuidar para não deixar a terra sempre úmida, manter ao alcance do sol. Tem espinhos e folhas verdes claras. A fruta é oca por dentro.

Fonte: www.plantaservas.hpg.ig.com.br/www.hortifrutigranjeiros.com.br

Framboesa

Nome científico: Rubus idaeus

Família: Rosáceas

Nome comum: Framboesa, framboeseira, frambueso (espanhol), raspberry (inglês)

Origem: Centro e Norte da Europa e parte da Ásia.

Descrição e característica da planta

A framboeseira é uma planta arbustiva, caule ereto, ramos armados de acúleos (acúleos – são espinhos facilmente destacáveis, semelhante aos da roseira), folhas compostas de 3 a 5 folíolos, flores brancas. Os ramos são conduzidos em suportes de arames, colocados a 0,60, 1,10 e 1,70 metro do solo, sistema esse conhecido como espaldeira.

Esse sistema melhora a condução das plantas, o arejamento e a incidência da luz solar nas diferentes partes das plantas, facilita os tratos culturais, as pulverizações para o controle de pragas e doenças e principalmente a colheita de frutos. Os frutos maduros são aromáticos, adocicados, comestíveis, de coloração rosa-vermelha ou, raramente, variedades com produção de frutos com cores brancas, amarelas ou roxas.

O que denominamos de fruto, é um agregado de 75 a 80 pequenos gomos, onde cada gomo constitui um fruto verdadeiro. A época da colheita é em dezembro a início de janeiro, nas condições brasileiras. Após cada colheita, todos os ramos que produziram devem ser eliminados através de poda, porque a frutificação ocorre nos ramos formados no ano.

A eliminação de excesso de ramos, dos vigorosos que crescem na vertical (ramos ladrões), dos ramos secos e doentes, durante o desenvolvimento vegetativo, é fundamental para manter o seu vigor e boa produtividade. A planta se desenvolve e frutifica bem em clima frio a ameno, solos ricos em matéria orgânica e com boa fertilidade e disponibilidade de água durante o desenvolvimento vegetativo e frutificação. Existe grande variação na exigência de frio entre as variedades para que ocorra a frutificação.

A propagação é feita através do enraizamento de estacas de brotações formadas a partir das raízes e dos ramos. As variedades mais recomendadas para as condições brasileiras são Heritage, September e Berkely.

Produção e produtividade

A produtividade normal é de 2 a 5 toneladas de frutos por hectare. Cada hectare tem uma área de 10.000 metros quadrados. Uma planta bem formada e conduzida adequadamente pode produzir 0,8 quilo por ano. No Brasil, a framboesa é produzida nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Minas Gerais, mas ainda em pequena quantidade.

Utilidade

Os frutos são consumidos ao natural ou preparados na forma de polpa congelada, sucos, geléias, xaropes e licores.

Classificação científica

Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Rosales
Género: Rubus
Espécie: R. idaeus
Nome binomial: Rubus idaeus

A framboesa (Rubus idaeus) é freqüentemente confundida com a amora (Rubus sp). Seu sabor suave e adocicado é utilizado para diversas finalidades.

Diferentemente da amora, a framboesa possui seu fruto oco e, além disso, seu cultivo é mais delicado. É necessário que a planta seja submetida a pelo menos 700 horas por ano a temperatura inferior a 7 ºC.

Cultivo

A framboesa, por possuir grande capacidade de propagação, a cada três ou quatro anos, as touceiras precisam ser desmanchadas e as mudas transplantadas em outro local, para que a concorrência entre os ramos não afete a produção. Os frutos começam a aparecer um ano e meio após as mudas serem levadas para o local definitivo.

Após a época de frutificação, deve-se fazer o desbaste das plantas, retirando-se todos os galhos que produziram. O desponte (poda verde) deve ser feito quando as plantas atingirem entre 1,10 m e 1,20 m de altura.

A framboesa também se caracteriza por ser um pouco mais rasteira que a amora. Mesmo assim, não se recomenda a formação de parreiras, já que ela só produz nas extremidades do ramo. Deixá-la crescer no canteiro, desde que obedecidas as indicações de poda e desbaste, é a melhor solução para se obterem mais frutos. Outra recomendação importante para manter regular a produção é não deixar mais de 5 a 7 hastes por planta. Desse modo, conseguem-se frutos de maior tamanho.

Se o pH do solo estiver em torno de 5,0 a 5,5, não é necessário o uso de calcário. Abaixo disso, aplica-se o produto para corrigir sua acidez. Solos férteis também dispensam adubação química. Já para os mais fracos, recomenda-se o uso de 25 gramas de adubo à base de 10-20-10 (NPK), para cada metro quadrado de área plantada.

Framboesa
Framboesa

Valor nutricional

Cada 100 gramas de framboesa (Rubus idaeus) contém:

Calorias 57 kcal
Proteínas 1 g
Gorduras 0,2 g
Vitamina A 130 U.l.
Vitamina B1 (Tiamina) 25 mcg
Vitamina B5 (Niacina) 0,45 mg
Vitamina C (Ácido ascórbico) 28 mg
Cálcio 35 mg
Fósforo 30 mg
Ferro 1,5 mg

Fonte: www.frutas.radar-rs.com.br

Framboesa

Framboesa
Framboesa

A framboesa é uma fruta da framboeseira (Rubus idaeus L.) que pertence à família das Rosáceas, planta originária do centro e norte da Europa e de parte da Ásia.

No Brasil a cultura da framboesa foi introduzida na região de Campos do Jordão (SP) e hoje os principais estados produtores são Rio Grande do Sul, São Paulo e Minas Gerais.

A safra da framboesa vai de outubro a janeiro. É uma fruta que se adapta em regiões de clima frio, tem sabor doce e suave e tamanho que raramente ultrapassa 20 milímetros. É formada por pequenos gomos e sua coloração varia de amarelo ao vermelho e preto.

A framboesa é bastante confundida com a amora. Uma das diferenças entre elas é que a framboesa é um fruto de centro oco enquanto a amora é um fruto com polpa homogênea.

A framboesa tem sido bastante difundida na industrialização de polpa congelada, sucos, iogurtes, sorvetes, gelatinas e geléias. Também é muito apreciada ao natural.

Propriedades

A framboesa é rica em sais minerais como ferro, fósforo e cálcio, e vitaminas A, C, B1 (tiamina) e B5 (niacina). Cada 100 gramas possui aproximadamente 4 gramas de fibra. É considerada uma fruta funcional, ou seja, além das funções nutricionais básicas produz efeitos metabólicos e fisiológicos com benéficos à saúde.

A framboesa é uma potente arma contra os radicais livres - vilões do corpo, responsáveis pelo envelhecimento celular- por conter grande quantidade de antioxidante e ter efeito protetor para o sistema imunológico e prevenir o câncer.

Tem propriedades laxativas, diuréticas e antiescorbúticas, sendo usada no tratamento do fígado e vesícula biliar. As folhas são popularmente usadas em quadros de diarréias, cólicas intestinais infantis, inflamação da gengiva e da garganta, desordens da menstruação, feridas, inflamação dos olhos, eczemas e erisipelas.

Outros estudos mostram a potencialidade da framboesa no combate à osteoporose e como tônico muscular durante a realização de práticas esportivas.

Receitas

Suco de framboesa para combater a TPM (tensão pré-menstrual)

Ingredientes

20 framboesas picadas
1/2 gengibre sem casca picado
5 ameixas
2 colheres de açúcar ou mel

Preparo: Bata todos os ingredientes no liquidificador e depois sirva-se. Se desejar, servir com pedras de gelo.

Geléia de framboesa

Ingredientes

½ kg de framboesas
1 colher de chá de suco de limão
200 gr de açúcar

Preparo: Coloque as framboesas em uma panela e amasse-as levemente com a ajuda de um garfo. Adicione o açúcar e o suco de limão, misture e leve ao fogo. Assim que ferver, abaixe o fogo e cozinhe até obter a textura desejada, fazendo um teste de vez em quando em um prato para verificar a textura porque ao esfriar a geléia irá ficar mais espessa. Coloque em vidros e guarde na geladeira.

Audicéia F. Januário

Fonte: www.ceasacampinas.com.br

Framboesa

Framboesa
Framboesa

Originária da Ásia, a framboesa amarela é um fruto com pequenas bagas, de tonalidades vermelha e amarelada. A framboesa amarela é suculenta e tem sabor doce e suave.

A camada externa deste fruto é formada por pequenos gomos e a interna é oca.

A framboesa amarela é rica em carboidratos, fibras (pectina), ácido fólico e vitaminas C e E. Contudo, quando a framboesa é conservada em calda, suas propriedades nutricionais tendem a diminuírem.

A framboesa contribui para a saúde da pele, ossos e dentes, ajudando também na aceleração dos processos de regeneração do organismo.

Suas folhas possuem efeitos contra a diarréia e antiinflamatório. Além disso, a framboesa amarela possui atividade antiviral, anticancerígena e apresenta alto teor de aspirina natural.

Na culinária, podemos utilizar a framboesa amarela no preparo de sobremesas, sucos, em compotas, geléias, sorvetes e também consumi-la ao natural. Cada 100 gramas de framboesa amarela fornecem 57 calorias.

A framboesa amarela pode ser utilizada na culinária, no preparo de sobremesas, sucos, em geléias, compotas e sorvetes. Cada 100 gramas de framboesa amarela fornecem 57 calorias, e também pode ser consumida ao natural.

É recomendado o uso do chá de folhas de framboesa amarela misturado com o chá de folhas de amoreira, contra irritações, inflamações das vias gastrintestinais, catarros, diarréias e hemorragias causadas por hemorróidas.

Dica

O chá de folhas de framboesa amarela misturado com o chá de folhas de amoreira é recomendado contra catarros, irritações, inflamações das vias gastrintestinais, diarréias e hemorragias causadas por hemorróidas.

Iogurte de Framboesa Amarela

Ingredientes: 1 litro de leite de pacote, 1 iogurte natural, 1/2 medida (copo de iogurte) de leite em pó, 1 colher de sopa de açúcar amarelo, 3 framboesas amarelas para cada iogurte
Preparo:
Comece por aquecer o leite (sem deixar ferver). Espere até que fique morno e misture bem o leite com o iogurte, o açúcar e o leite em pó. Coloque a mistura em copos de vidro, junte as framboesas amarelas e deixe no forno aquecido a 45º durante 5 à 6h. Retire e leve ao freezer.

FRAMBOESEIRO

Framboesa
Framboesa

Partes usadas: Frutos, flores e folhas.

Família: Rosáceas

Características

Também conhecida como framboesa, amoras-framboesas, é um arbusto de caule espinhoso de folhas esbranquiçadas pela face inferior e de flores branco-esverdeadas e pequenas. Pode alcançar até 2 m de omprimento..

Dicas de Cultivo

Cresce entre rochas de xisto ou granito, em regiões montanhosas da Europa. No continente americano encontra-se naturalizado. No Brasil, vegeta em lugares úmidos e sombreados.

Outros Nomes: Framboesa, amoras-framboesas; Portugual: framboeseiro, framboesa, amora-framboesa; Esp.: frambueso, sangüeso, chardón, chardonera, mora, fresal de montaña; Fr.: framboisier ; Ing.: raspberry.

Princípio ativo: Pectina, açúcares, ácidos orgânicos, sais minerais e vitaminas A, B e sobretudo C. Suas flores e folhas contém taninos.

Propriedades

Aperitivas, antiescorbúticas, refrescantes e tonificantes. Adstringentes, antidiarréicas.

Indicações

São úteis contra a prisão de ventre, o reumatismo e a isuficiência renal e hepática. Estimulam o metabolismo, nos processos de desintoxicação e eliminação de resíduos orgânicos - comem-se os frutos como sobremesa, se possível frescos, ou senão em compotas. Suas flores e folhas são adstringentes. Usa-se em infusão como antidiarréicas - 30 a 40 g por litro de água, 2 vezes ao dia.

Fonte: www.frugalfrutas.com.br/www.hetrosfrutas.com.br

Framboesa

Framboesa
Framboesa

Origem e dispersão

A framboeseira cresce silvestre nos países do Centro Norte da Europa, nas zonas montanhosas do Mediterrâneo e em parte da Ásia.

Características

Os frutos são arredondados, constituindo-se em um fruto agregado com 75 a 80 pequenos gomos, de coloração rosa-avermelhada e sabor adocicado.

Clima e Solo

A framboeseira deve ser cultivada em regiões frias, pois necessita de cerca de 600 horas de frio por ano, de 700 a 900 mm de precipitação pluviométrica.

Propagação

A propagação é feita por estruturas especializadas chamadas de rebentos.

Variedades

No Brasil, os cultivares mais recomendados são: Heritage, September e Berkeley.

Utilização

Devido à pouca produção, é consumida, basicamente, na forma “in natura”, porém as importações são feitas com produtos industrializados, principalmente na forma de geléias.

Fonte: www.paty.posto7.com.br

Framboesa

Nome da fruta: Framboesa

Nome científico: Rubus idaeus

Família: Rosáceas

Categoria: Ácida

A framboesa é rica em pectina (uma fibra solúvel), quercetina (combate radicais livres, afasta o enfarte, o derrame e o câncer).

Possui fibras e vitaminas A, B1, B5 e C.

Sais minerais: cálcio, ferro e fósforo.

Ajuda a prevenir o cancro do esôfago.

Esse poder anticancerígeno está em dois polifenóis da sua pele: o ácido elágico (um flavanóide) e as antiocianinas.

A framboesa é refrescante, diurética, laxante e combate as afecções do fígado e da vesícula biliar.

A framboesa

A framboesa é um fruto suculento de sabor doce e suave.
É um fruto que se adapta em regiões de clima frio.
Quando maduro este fruto torna-se muito delicado, dificultando seu transporte e manuseio.
Quando maduras as framboesas ficam vermelhas.
A camada externa deste fruto é formada por pequenos gomos e a interna é oca.
No Brasil, é época desta fruta é de outubro a janeiro.
É uma fruta em sais minerais como, por exemplo, ferro, fósforo e cálcio.
Possui uma boa quantidade de vitaminas A, C, B1 (tiamina) e B5 (niacina).
Cada cem gramas de framboesa possui aproximadamente 4 gramas de fibras.
Em função do seu sabor é muito utilizada para a fabricação de doces, bolos e tortas.
Muitas pessoas, em função da aparência e sabor, confundem a framboesa com a amora.

Framboesa
Framboesa Preta

As framboesas pretas podem ajudar a prevenir o câncer do intestino, revelou pesquisa publicada no jornal Cancer Prevention and Research. Estudos já haviam indicado que a fruta, nativa dos Estados Unidos, tem propriedade antioxidante e anticâncer.

Segundo o jornal inglês Daily Mail, os cientistas da Universidade de Illinois, em Chicago, Estados Unidos, descobriram que uma versão da fruta liofilizada poderia reduzir o número de tumores em uma linhagem de ratos propensos à doença em 60%. A incidência de tumores do intestino foi cortado em 45%.

No estudo, a fruta inibiu o desenvolvimento do tumor através da supressão de uma proteína chamada beta-catenina. A incidência do tumor e os números foram reduzidos em 50% em outra linhagem de rato vulneráveis à colite, uma inflamação do intestino grosso que pode contribuir para o câncer do intestino.

“A framboesa preta é um produto natural, muito poderoso, e de fácil acesso”, disse o líder do estudo Wancai Yang. As linhagens de camundongos foram alimentadas com uma dieta ocidental, rica em gordura, ou com a mesma dieta adicionada com 10% de fruta liofilizada por 12 semanas.

Os cientistas notaram grandes efeitos de proteção no intestino dos ratos que receberam o suplemento.

Fonte: poderdasfrutas.com

Framboesa

Framboesa
Framboesa

Origem

Centro e Norte da Europa e parte da Ásia.
Frutos de Cor Vermelha / Rosa
Arbusto de Frutos Comestíveis, pronto a plantar, com raiz e terraço, acondicionado em embalagem especial (Saco/Blister).

Descrição

A framboeseira ou framboeseiro é uma planta arbustiva, com cerca de 40 a 60cm de altura, que crescia originalmente, em locais pedregosos e montanhosos e em terrenos graníticos. Possui caule subterrâneo, curto, que emite os ramos ou varas anuais com espinhos (acúleos). Estas desenvolvem-se durante o primeiro ano e no ano seguinte florescem e frutificam, morrendo de seguida. No ano seguinte nascerão novas varas.

As folhas são compostas imparapinuladas ou alternadas com 3 a 5 folíolos, mais ou menos variáveis de tamanho e de forma, podendo ser ovais, acuminadas, dentadas, de cor verde na página superior e esbranquiçadas ou acizentadas e pubecentes na página inferior. As flores são brancas, pequenas, suspensas por um pedúnculo largo e espinhoso.

O fruto da framboeseira ou framboeseiro é de coloração rosa-vermelha ou, raramente, as framboesas são de cores brancas, amarelas ou roxas. O que denominamos de fruto, é um agregado de 75 a 80 pequenos gomos, convexos, rugosos, agrupados em forma de pinha, onde cada gomo constitui um fruto verdadeiro. A polpa de framboesa é muito aromática e de sabor agridoce.

Fonte: www.loja.jardicentro.pt

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal