Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Vós, Ninfas Da Gangética Espessura, 1598  Voltar

Vôs, Ninfas da gangética espessura (1598)

Sonetos de Luís Vaz de Camões

A D. Leonis Pereira

Vós, Ninfas da gangética espessura,

cantai suavemente, em vez sonora,

um grande Capitão, que a roxa Aurora

dos filhos defendeu da noite escura.

Ajuntou-se a caterva negra e dura,

que na Áurea Quersoneso afouta mora,

para lançar do caro ninho fora

aqueles que mais podem que a ventura.

Mas um forte Leão, com pouca gente,

a multidão tão fera como nécia

destruindo castiga e torna fraca.

Pois, ó Ninfas, cantai! que claramente

mais do que Leonidas fez em Grécia,

o nobre Leonis fez em Malaca.

Fonte: www.bibvirt.futuro.usp.br

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal