Breaking News
Home / Obras Literárias / Sepa quién padece (1616)

Sepa quién padece (1616)

Redondilhas de Luís Vaz de Camões

Cantiga

PUBLICIDADE

a este moto:
Dó la mi ventura?
Que no veo alguna.

VOLTAS

Sepa quién padece

que en la sepultura

se esconde ventura de

quién la merece.

Allá me parece

que quiere fortuna

que yo halle alguna.

Naciendo mezquino,

dolor fué mi cama;

tristeza fué el ama,

cuidado el padrino.

Vestióse el destino,

negra vestidura;

huyó la ventura.

No se halló tormento,

que allí no se hallase;

ni bien que pasase,

sino como viento

Fonte: www.bibvirt.futuro.usp.br

Conteúdo Relacionado

 

Veja também

Velhas Árvores

Olavo Bilac PUBLICIDADE Olha estas velhas árvores, — mais belas, Do que as árvores mais …

Plutão – Olavo Bilac

Olavo Bilac PUBLICIDADE Negro, com os olhos em brasa, Bom, fiel e brincalhão, Era a …

O Trabalho – Olavo Bilac

Olavo Bilac PUBLICIDADE Tal como a chuva caída Fecunda a terra, no estio, Para fecundar …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.