Breaking News
Home / Obras Literárias / Quem vos levou de mim, saudoso estado (1668)

Quem vos levou de mim, saudoso estado (1668)

Sonetos de Luís Vaz de Camões

PUBLICIDADE

Quem vos levou de mim, saudoso estado,

que tanta sem-razão comigo usastes?

Quem foi, por quem tão presto me negastes,

esquecido de todo o bem passado?

Trocastes-me um descanso em um cuidado

tão duro, tão cruel, qual m’ordenastes;

a fé, que tínheis dado, me negastes,

quando mais nela estava confiado.

Vivia sem receio deste mal;

Fortuna, que tem tudo a sua mercê,

amor com desamor me revolveu.

Bem sei que neste caso nada val,

que quem naceu chorando, justo é

que pague com chorar o que perdeu

Fonte: www.bibvirt.futuro.usp.br

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Velhas Árvores

Olavo Bilac PUBLICIDADE Olha estas velhas árvores, — mais belas, Do que as árvores mais …

Plutão – Olavo Bilac

Olavo Bilac PUBLICIDADE Negro, com os olhos em brasa, Bom, fiel e brincalhão, Era a …

O Trabalho – Olavo Bilac

Olavo Bilac PUBLICIDADE Tal como a chuva caída Fecunda a terra, no estio, Para fecundar …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.