Breaking News
Home / Automóveis / Ferrari Dino

Ferrari Dino

PUBLICIDADE

A marca “Dino” foi criada para comercializar um preço mais baixo os carro esportivo.

O nome “Dino” homenageia o filho do falecido fundador, Alfredo “Dino” Ferrari.

O Dino 246 GT foi uma evolução do Dino 206 GT, com um motor V6 maior e uma distância entre eixos alongada em 60 mm.

Além do mais corpo, o design era praticamente idêntico, com apenas uma tampa do motor mais longa e uma tampa de combustível reposicionado.

O carro provou ser um grande sucesso comercial, e três séries foram produzidas durante sua vida útil.

Quando a produção parou em 1973-4 procura ainda era grande.

Mais ou menos na hora em que o Dino 206 GT deu lugar ao seu sucessor, o 246 GT, durante 1969, Enzo Ferrari foi chegar a um acordo com Gianni Agnelli da Fiat para assumir o lado do carro de produção da empresa Ferrari.

Neste momento Enzo Ferrari era já mais de 70 anos de idade, e para além de assegurar o futuro a longo prazo do negócio de carro de produção, é libertado de responsabilidades cotidianas dele, e deu-lhe mais tempo para se dedicar ao seu primeiro amor, o departamento de competição.


Ferrari Dino 206 GT

Quando falamos em Ferrari logo lembramos de motores V12, V10 e V8, mas você sabia que a Ferrari já teve modelos V6?

Pois é, durante o final dos anos 60 e boa parte dos anos 70 a Ferrari produziu uma linha de V6 que entrou para história, a Linha Dino!

Dino Ferrari foi o primeiro filho de Enzo Ferrari, que faleceu ainda jovem de distrofia muscular, mas que tinha em seu DNA as corridas de automóveis! Durante sua curta vida, Dino foi o “pai” do motor V6 da Ferrari, e quando do lançamento da Linha, foi batizada em sua homenagem.

Obviamente que além das questões sentimentais de Enzo em batizar uma linha de carros com o nome de seu filho, havia questões comerciais e estratégicas, tanto Enzo como os executivos da FIAT não tinham certeza se um motor V6 seria uma boa idéia, a Ferrari tinha como “marca registrada” os motores V12 e, no máximo havia chegado aos V8, lançar um modelo V6 poderia conquistar uma série de clientes, que buscavam ter uma Ferrari mas a um custo menor, mas por outro lado, poderia “queimar” a marca, pois o carro não teria a potência característica de uma Ferrari V12.

A saída foi lançar uma linha “alternativa” de automóveis com a marca Dino, ou seja, era um carro Ferrari, mas que não fazia parte da linha principal, tanto que a marca Ferrari estava presente somente na tampa do motor e no volante, assim tentavam criar uma nova marca “separada” suficientemente para evitar vínculos maiores.


Ferrari Dino 206 GT

Os temores foram infundados, e a Linha Dino foi um sucesso!

Nesta matéria vamos apresentar o 1º modelo Dino, a 206 GT!

A Ferrari Dino 206 GT foi lançada em 1968, com o objetivo de disputar mercado com o Porsche 911 (Enzo acreditava ser muito caro disputar este mercado com um V12), tinha um design tipicamente italiano feito por Pininfarina e era equipado com o motor V6 idealizado por Dino.

O motor era um V6 de 2 Litros, que tinha 180 HP a 8000 rpm e 1986.60 cc, freios a disco, suspensão independentes, câmbio de 6 marchas, e chegava até 235 Km/h.

Seu interior era simples, como os demais modelos da Ferrari nesta época.

Foram produzidos 152 unidades da Dino 206 GT até 1969, quando foi substituída pelo mais famoso de seus modelos, a 246 GT.

Baseado neste modelo, Pininfarina apresentou um belíssimo protótipo, a Dino 206 Competizione, que não foi produzida comercialmente.


Ferrari Dino 206 GT Competizione

MOTORIZAÇÃO
Motor: 2.4, 6 cilindros em V, 12 válvulas (2 por cilindro), três carburadores duplos, gasolina
Cilindrada: 2.418 cm³ Potência: 195 cv a 7.600 rpm
Potência Específica: 81,2 cv/litro Torque: 23 kgfm a 5.500 rpm
CARROCERIA
Comprimento: 4.200 mm Peso: 1.080 kg
Largura: 1.700 mm Porta-Malas: Não disponível
Altura: 1.115 mm Tração: Traseira
Freios: Discos ventilados nas quatro rodas Câmbio: Manual de 5 marchas
DESEMPENHO
Velocidade Máxima: 240 km/h Aceleração: 7,5 segundos

Em 1967, a Ferrari resolveu lançar uma linha de modelos mais acessíveis, equipado com motor 2.0 V6, ao invés do tradicional V12.

Para não macular a imagem da marca, o carro foi batizado de Dino 206 GT (uma homenagem de Enzo Ferrari ao seu filho falecido).

A segunda versão dessa Ferrari, a 246 GT, era equipada com motor 2.4 de 6 cilindros.

Pininfarina fez um belíssimo trabalho ao dobrar as pontas do vidro traseiro, parecendo que ele se funde aos vidros laterais.

Novo Ferrari Dino

O Dino clássico foi construído de 1968 a 1976 e foi batizado em homenagem ao filho de Enzo, Alfredino “Dino” Ferraro, que morreu em 1956, aos 24 anos, de distrofia muscular.

Enquanto aquele modelo tinha um motor V6 logo atrás do motorista, o novo será equipado com um V8 de pouco mais de 400 cv.

A Ferrari deve dar início à linha com um cupê, mas o Spider deve seguir pouco tempo depois. Há uma grande possibilidade de que o desenho venha da Pininfarina, com a ajuda do ex-chefe de design da Ferrari Frank Stephenson, que hoje comanda o Centro Stile, da Fiat.

O preço do Dino (que talvez nem se chame deste modo, mas é assim que ele vem sendo tratado pela imprensa mundial), na Europa, deve ficar em torno de € 100 mil a € 110 mil. Fontes indicam que será possível vender até 4.000 Dino anualmente assim que a produção do carro for aprovada. Vendas neste nível imediatamente dobrariam a produção anual da Ferrari e dariam à empresa um mercado completamente novo.

Rumores dão conta de que o Dino será fabricado pela Maserati, em Modena, uma cidade muito importante para a história da Ferrari, uma vez que é o local onde seu fundador, Enzo Ferrari, nasceu. Não é isso, entretanto, que levou a marca a delegar a produção do novo carro à sua controlada, mas sim os volumes que a Ferrari espera atingir com o novo modelo. Apesar de a marca italiana ainda se esforçar em negar o projeto, pode-se esperar por ele nas ruas em 2009. Uma prévia do carro, ou até sua versão final de produção em série, deve ser mostrada no Salão de Paris deste ano.

Fotos


O 1972 Ferrari Dino 246 GT parecia idêntico ao do modelo 206


Os 1.972 Ferrari Dino 246 GTS contou com um painel superior targa removível de uma peça

Fonte: troisdiecast.spaces.live.com/br.geocities.com/www.webmotors.com.br

Veja também

História da Tucker

História da Tucker, 48, Carro, Preston, Empresa, Torpedo, Automóveis, Sedan, Motor, Características, Fotos, História da Tucker

Tucker Torpedo

Tucker Torpedo, Carro, História, Preston, Motor, Automóvel, Sedan, Velocidade, Características, Fotos, Tucker Torpedo

Willys Interlagos

Willys Interlagos, Carros, Modelos, História, Brasil, Versão, Velocidade, Motor, Autódromo, Berlineta, Conversível, Willys Interlagos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.