Breaking News
Home / Automóveis / Mazda RX-8

Mazda RX-8

PUBLICIDADE

O Mazda RX-8 foi um carro esportivo fabricado pela Mazda.

Ele apareceu pela primeira vez em 2001.

É o sucessor do RX-7 e, como seus predecessores na faixa de RX, é alimentado por um motor Wankel.

O RX-8 começou na América do Norte as vendas no ano 2004 modelo.

O RX-8 é um modelo esportivo compacto da mazda que em sua versão com câmbio manual é capaz de gerar impressionantes 232 cavalos de potência a 8500 rpm e 22.4 kgfm de torque a 7500 rpm em um motor de 1.3 L, que faz 0-100km/h 5.9 segundos de acordo com a Mazda.

Ele utiliza o motor rotativo Wankel.

Motor Wankel

O motor Wankel é um tipo de motor a explosão, inventado por Felix Wankel, que utiliza rotores em forma de triângulo em vez dos pistões dos motores convencionais.

Mazda RX-8

Mazda RX-8
Mazda RX-8

Uma revolução na estrada

O premiado Mazda RX-8 está a definir novos padrões no mercado dos automóveis desportivos no que diz respeito a comportamento, performance e conforto, particularmente graças ao seu motor rotativo RENESIS, especialmente concebido.

Descubra mais no Salão de Exposições interativo acima. Aí poderá viver uma experiência de condução virtual, descobrir as principais características do Mazda RX-8 e conhecer as cores disponíveis.

Design Inovador

Quando os designers são arrojados, coisas impressionantes acontecem. As barreiras são ultrapassadas. As regras são quebradas. E o resultado é algo espetacular!

O Mazda RX-8 é exatamente aquilo que a sua forma sugere – um super carro desportivo como nenhum outro. A visão perfeita de um designer tornada agora realidade. Com uma baixa distância ao solo e um equilíbrio perfeito, o seu design exterior comunica agilidade e superior performance em estrada.

O Mazda RX-8 não é apenas um carro desportivo desenhado para parecer e ser espetacular. Cada comando, cada mostrador, cada botão estão posicionados de forma a proporcionar uma agradável experiência de condução. Acima de tudo, o Mazda RX-8 foi desenhado com um objetivo muito próprio, proporcionar uma incrível sensação de liberdade ao seu condutor e passageiros.

Um genuíno carro desportivo, com quatro portas e quatro verdadeiros lugares, o Mazda RX-8 com um inovador motor rotativo RENESIS escreve um novo capítulo na história do mundo automóvel.

Duas escolhas, um espírito

A condução do seu Mazda RX-8 vai inspirar-lhe a máxima confiança. No coração do Mazda RX-8 está o novo motor rotativo RENESIS.

Ao adquirir o novo Mazda RX-8, estará a adquirir a versão mais potente do grupo de motores RENESIS: com uma elevada potência de 231vc às 8200 rpm (com um limite de 9000 rpm). Oferece uma performance de cortar a respiração com um comportamento e uma aderência à estrada excepcionais.

O motor RENESIS é extraordinariamente compacto, proporcionando uma posição de montagem ideal para todo o grupo de potência – situado em baixo e atrás do eixo dianteiro. Este centro de gravidade baixo e a localização única do grupo de potência significa que o Mazda RX-8 possui uma distribuição de peso com uma relação 50/50 quase perfeita, proporcionando uma agilidade e poder de resposta excepcionais.

Assim como todo o grupo de potência está montado atrás do eixo dianteiro, o depósito de combustível está localizado à frente do eixo traseiro. Este posicionamento concentra a o peso perto do eixo de rotação teórico e contribui em grande medida para a sensação de “unidade” entre o condutor e o Mazda RX-8. O resultado é uma condução emocionante de um carro desportivo clássico.

O controlo preciso é proporcionado pela suspensão dianteira de duplos braços, recentemente desenvolvida. Uma nova suspensão traseira “multilink” proporciona resistência a movimentos laterais para que o manuseamento e a resposta sejam excelentes. Ao mesmo tempo, confere concordância longitudinal para uma excelente estabilidade, conforto e baixo ruído.

Finalmente, o Controlo de Estabilidade Dinâmica irá aperfeiçoar a sua condução e atuar como um elemento de segurança ativa. Monitoriza a velocidade das rodas, ângulos da direção, função de travagem e taxa de mudança de direção e aplica uma força de travagem adequada a uma ou mais rodas, ajudando a reduzir a potência transmitida pelo motor e a prevenir deslizamentos.

Ideias versáteis e inovadoras

Além do estilo desportivo elegante, o Mazda RX-8 contém espaço suficiente para que seja possível utilizá-lo de uma forma prática, no dia-a-dia. O sistema de portas freestyle, recentemente desenvolvido, cria um habitáculo de estilo desportivo e compacto que combina com a facilidade de acesso.

O ângulo de abertura das portas traseiras também foi concebido para minimizar o esforço de abertura das portas. A construção da porta traseira em alumínio leve e a ausência de pilares centrais asseguram uma operação suave e sem esforço, bem como uma área de abertura espaçosa. Colocar bagagem nos bancos traseiros também é extremamente fácil.

Além disso, o volume da bagageira – 290 litros – significa que possui espaço suficiente para levar duas malas ou sacos de golfe.

A caixa da consola também incorpora uma nova concepção de espaço eficiente para arrumação: a tampa, que é também um descanso para o braço, desliza para trás e descobre dois suportes para copos atrás da alavanca das mudanças. Na sua posição mais recuada, a caixa da consola inclui espaço para quatro caixas de CD.

Existem muitos outros pequenos espaços de arrumação cuidadosamente distribuídos por todo o habitáculo, incluindo bolsas para mapas, para que encontre tudo o que necessita para uma viagem confortável.

Segurança a toda a prova

O Mazda RX-8 é um automóvel com padrões de segurança excepcionais. A ampla gama de características de segurança e a configuração de portas freestyle com abertura central oferecem uma proteção avançada em caso de acidente.

Foi essencial dotar o sistema de portas freestyle do Mazda RX-8 com um padrão de segurança de impactos laterais comparável ao de um típico automóvel familiar de 4 portas. O reforço abrangente do interior das portas traseiras e uma resistência lateral significativamente melhorada da carroçaria permite uma performance de segurança líder a nível mundial.

Estão incluídos um airbag dianteiro SRS de insuflação a duas fases para o condutor e um airbag SRS para o passageiro dianteiro, bem como airbags laterais e em cortina. O automóvel possui um pedal de travão retráctil que minimiza os danos nos pés e pernas numa colisão frontal. A segurança dos peões também foi considerada com o capot em alumínio que possui uma construção tipo cone para absorver e amortecer impactos, em caso de acidente com peões. A segurança ativa foi também melhorada com travões de disco de maior diâmetro, permitindo uma maior força de imobilização quando é necessário travar repentinamente.

Todos os ocupantes dispõem de uma fantástica segurança sob todos os pontos de vista.

Um habitáculo sem cedências

O único carro desportivo com bancos traseiros que acomodam confortavelmente 2 adultos e fazem do Mazda RX-8 um carro muito especial. De apurado equilíbrio entre estilo desportivo genuíno, engenharia inteligente e construção avançada, foi concebido para proporcionar o máximo prazer de condução e um completo conforto para si e para todos os seus passageiros.

Os quatro bancos fornecem o melhor apoio possível para uma condução de elevada performance. Foram instalados bancos mais finos para optimizar o espaço do habitáculo e um piso côncavo na frente permite obter as proporções mais pequenas de um dinâmico automóvel desportivo.

Os materiais do interior são da mais elevada qualidade, sendo abundantes os tecidos extremamamente suaves e plásticos suaves ao toque. A iluminação inovadora e o posicionamento intuitivo dos controlos criam uma atmosfera excepcional no Mazda RX-8. O resultado? Uma experiência de condução verdadeiramente excitante.

Fonte: www.mazda.pt

Mazda RX-8

Um carro esportivo para quatro ocupantes, quatro portas, tamanho e desempenho aproximados a um Porsche Carrera 911, equipado com motor rotativo (Wankel) aspirado e dianteiro!!! O leitor vai imaginar que enlouquecemos, porém é a mais pura verdade, prestes a se tornar realidade até no máximo em 2003, quando a Mazda deve começar a disponibilizar as primeiras unidades do polêmico e intrigante RX8!

Apesar do nome seguir a lendária nomenclatura de um de seus esportivos de maior sucesso – o mitológico Mazda RX7 – a montadora garante tratar-se de um carro inteiramente novo, mas que herda do seu “padrinho” conceitos que fizeram dele um sinônimo de ousadia e inovação. Inicialmente apresentado em Tóquio 1999, o RX Evolv evoluiu para uma nova versão (vermelho), ganhando formas próximas das atuais e nos últimos salões americanos (Nova Iorque 2001 e Detroit 2002) pôde-se ver o modelo que chegará às ruas (amarelo).

Parte significativa das características e qualidades com as quais o RX8 (e também o RX7) conta, vem da adoção do revolucionário motor rotativo (veja matéria em Como Funciona!). Já usado no seu antecessor, o novo carro também é equipado com este motor que por características de arquitetura e conceito de funcionamento tem dimensões e peso bastante inferiores aos tradicionais motores de ciclo Otto presentes na maioria dos veículos.

O Renesis, nome dado a esta nova geração de motores, recebeu inovações que o tornaram ainda mais compacto, mais leve e mais potente do que o 13B-REW que equipava o RX7. Neste para se conseguir mais de 200 cavalos, a Mazda empregou um turbo compressor. O Renesis é um aspirado de apenas 1.3 litros de capacidade, capaz de gerar impressionantes 250 cavalos de potência a 8500 rpm e 22.4 kgfm a 7500 rpm, números impossíveis para qualquer aspirado convencional com igual capacidade volumétrica! Estas características foram conseguidas com a adoção de janelas de admissão com nova geometria mais ampla e duplas janelas de escape com deslocamento no ciclo, favorecendo a compressão e a eficiência térmica.

Devido as dimensões do Renesis serem bastante inferiores (apenas 338 mm de altura!) aos motores de cilindros, ele pode ser alojado a frente (ao contrário dos seus concorrentes) em posição central, ou seja atrás do eixo dianteiro, que desta forma esta posicionado praticamente na extremidade dianteira do carro. Como consequência deste posicionamento, tem-se favorecida a manutenção da distribuição de peso precisa de 50:50, um entre-eixos maior do que o do Porsche apesar do mesmo comprimento e um capô extremamente baixo para um carro de motor dianteiro.

Não bastasse o favorecimento da distribuição de peso e da forma da frente do carro, o baixo centro de gravidade do motor também propicia o rebaixamento geral do centro de gravidade (concentração de peso) do carro, favorecendo a estabilidade, esta aliás que conta com um controle de estabilidade dinâmica que combina uso dos freios e do motor para controlar derrapagens ou rodagens. Ainda, devido a posição do motor e do câmbio atrás do eixo dianteiro e, portanto mais próximo do diferencial, pode-se colocar um eixo mais curto e mais leve de fibra de carbono.

Internamente espaço para quatro ocupantes – apesar da pequena carroceria – também fruto das pequenas dimensões do motor. Obviamente não se trata do espaço de um sedan médio, mas em se tratando de um esportivo é excelente. Pelas características da carroceria o fácil acesso aos assentos traseiros foi conseguido através de colocação de pequenas portas traseiras em alumínio com abertura ao contrário das dianteiras. Os revestimentos dos bancos concha e das guarnições são em preto e cor externa com aplicação de alumínio em vários detalhes do painel e do console central.

A suspensão que nos modelos preliminares era Double Wishbone (braços duplos sobrepostos) em alumínio a frente e atrás, no mais recente modelo rebeu um novo Double Wishbone a frente e Multilink atrás com geometria que garante a perpendicularidade dos pneus com o asfalto mesmo em curvas mais fechadas, aumentando a aderência e estabilidade, compromissos com a dirigibilidade em situações de condução esportiva. As rodas são grandes 18 polegadas, calçadas com pneus 25/45 ZR18. A distância entre-eixos de 2700 mm se comparada com o comprimento do veículo (4425 mm) é outro fator de incremento da estabilidade.

O motor Renesis de 250 cavalos poderá ter uma versão de 280 cavalos na ocasião do lançamento ao mercado, mas mesmo com o atual acoplado ao câmbio manual de 6 velocidades, especula-se que o desempenho seja muito próximo ao antigo RX7 – já que os valores oficiais de desempenho não são divulgados pela Mazda. A sua aceleração seria próxima dos 5 segundos para alcançar os 100 km/h e 250 km/h de velocidade máxima para os mercados que exigem o limitador de velocidade. Agora é esperar para ver se a continuação do mito faz justiça ao seu predecessor…

O Mazda RX-8

O Mazda RX-8 é um modelo que tem seu lugar na história reservado. Ele é o único automóvel atualmente em produção a contar com motor rotativo, ou Wankel, nome de seu inventor. Em todo caso, mesmo modelos especiais precisam dar um tapinha no visual para se manter atraentes. É por isso que a Mazda anunciou hoje no Japão o início das vendas da versão reestilizada de seu esportivo.

Ao contrário dos atuais “cupês de quatro portas”, o RX-8 já nasceu com as quatro portas e, ainda assim, muito esportivo. Mais do que isso, o carrão trouxe de volta um recurso que, agora, parece estar se tornando moda, as portas suicidas, presentes nos Rolls-Royce Phantom Drophead e Coupé e na futura Opel Meriva.

Apesar de as mudanças terem sido necessárias, elas não foram tão extremas que pudessem descaracterizar o carro. As entradas de ar ficaram maiores, os piscas passaram a integrar os faróis, os repetidores laterais de direção passaram para dentro das saídas de ar laterais (como no Omega e no BMW Z8) e lanternas traseiras com LEDs. As rodas, antes de aro 16”, ganharam novos desenhos e ficaram maiores, sendo agora de aro 17”. O carro ganhou também novas cores, passando a ter oito opções.

As mudanças, entretanto, não se limitaram à aparência do esportivo japonês. O motor Renesis, de 1,3-litro e até 250 cv, ganhou novas bombas de óleo e de água e uma zona vermelha de rotação variável, que permite ao Renesis girar mais alto quanto mais sua temperatura aumenta. O câmbio manual de seis marchas também foi revisado, ficando mais curto, o que melhorou a resposta do carro em baixas rotações.

Outro item que mereceu a atenção dos engenheiros da Mazda foi a suspensão, que ganhou aperfeiçoamentos em molas, amortecedores, buchas e barras estabilizadoras. As torres de suspensão também foram reforçadas, o que melhorou a rigidez torcional do carro, que conta com tração traseira. Até a aerodinâmica do modelo melhorou.

Os preços sugeridos para o RX-8 vão de ¥ 2,6 milhões a ¥ 3,15 milhões no Japão, o que equivale a algo entre R$ 42,7 mil a R$ 51,7 mil. No Brasil, paga-se valores próximos disso por um Renault Sandero 1.6 16V e por um Fiat Idea HLX, respectivamente. Sorte do Brasil ser um país rico, que pode pagar tão mais por um carro que países pobres como o Japão…

Fotos

Mazda RX-8

Mazda RX-8

Mazda RX-8

Mazda RX-8

Mazda RX-8

Mazda RX-8

Mazda RX-8
Mazda RX-8

Fonte: www.www.envenenado.com.br/webmotors.com.br

Veja também

História da Tucker

História da Tucker, 48, Carro, Preston, Empresa, Torpedo, Automóveis, Sedan, Motor, Características, Fotos, História da Tucker

Tucker Torpedo

Tucker Torpedo, Carro, História, Preston, Motor, Automóvel, Sedan, Velocidade, Características, Fotos, Tucker Torpedo

Willys Interlagos

Willys Interlagos, Carros, Modelos, História, Brasil, Versão, Velocidade, Motor, Autódromo, Berlineta, Conversível, Willys Interlagos

Um comentário

  1. balao da informatica cupom de desconto

    Obrigado…Estou gostando :).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.