Breaking News
Home / Automóveis / Jaguar XJ

Jaguar XJ

PUBLICIDADE

A elegância do design, o luxo sumptuoso e o requinte excepcional conjugam-se com um comportamento e agilidade notáveis.

Da sua construção inovadora em Alumínio às prestações emocionantes, a nova geração do Jaguar XJ é uma revelação.

Jaguar XJ – Carroceria

Um veículo de quatro portas desportivo com potência e elegância as linhas fluidas distintas do XJ, as grelhas desportivas e os faróis duplos são indubitavelmente Jaguar.

XJ proporciona a opção de versões convencionais ou long wheelbase, com carroçarias em alumínio de peso reduzido e construídas utilizando tecnologias avançadas aeroespaciais.

A tecnologia aeroespacial apenas se deixa pressentir quando contemplamos um Jaguar XJ.

No entanto, a beleza pode ser enganadora e ocultar sob o seu exterior características surpreendentemente avançadas, como por exemplo os pára-choques que ocultam sensores ultra sónicos capazes de detectar objetos não visíveis ao condutor, projetores de radar para o sistema opcional de Controlo da Velocidade de Cruzeiro Adaptativo, sensores de luminosidade incorporados no pára-brisas que ligam os faróis quando começa a escurecer, ou o sensor de chuva, que ajusta a velocidade dos limpa pára-brisas em função da intensidade da chuva e que é disponibilizado de série em todos os modelos XJ.

Jaguar XJ
Jaguar XJ

Espelhos exteriores eléctricos retráteis

Os espelhos das portas recolhem-se para junto do veículo para facilitar as manobras de estacionamento em espaços reduzidos, parar na berma da estrada, ou circular em vias estreitas.

Os espelhos retráteis são disponibilizados de série em todos os modelos que incorporam também de sistema de anti-encandeamento e são aquecidos para poder ver com claridade em condições de frio ou humidade.

Faróis Bi-Xénon

Os faróis Bi-Xénon de alta intensidade, com a sua luz branca-azulada distinta e intensa, proporcionam melhor visibilidade que os faróis convencionais em halogéneo.

São também auto-nivelantes e incorporam um sistema de lavagem de faróis. Todos os modelos da gama XJ encontram-se equipados com este tipo de faróis.

Sensores de Estacionamento

Os sensores ultra sónicos estão integrados no para-choques traseiro de todos os modelos XJ.

A frequência do aviso sonoro aumenta à medida que se aproxima de um veículo ou de outro obstáculo para ajudar o condutor a calcular a distância remanescente.

Os Sensores de Estacionamento traseiros são incorporados de série em todos os modelos. O sistema de sensores de estacionamento é automaticamente desativado a velocidades superiores a 15 km/h.

Sensor de chuva: Todos os modelos XJ são equipados com sensores de chuva que ativam e ajusta a velocidade de funcionamento dos limpa para-brisas em função da intensidade da chuva.

Vidros aquecidos

Para maximização do conforto e visibilidade a temperaturas baixas, o Super V8 encontra-se equipado com para-brisas aquecido (disponível como opção nos outros modelos).

O vidro traseiro com desembaçador e temporizador integrado protege os níveis de carga da bateria e é disponibilizado de série em todas as versões. Com uma temperatura ambiente reduzida, o para-brisas aquecido e o vidro traseiro com desembaçador são automaticamente ativados para garantir a máxima visibilidade e segurança.

Tecnologia aeroespacial de alumínio

O novo Jaguar XJ é o primeiro veículo de luxo de produção em série a incorporar tecnologia aeroespacial de união através de rebites estruturais.

A diferença em relação às estruturas convencionais de aço é que a carroçaria monobloco não incorpora nem um único ponto de soldadura. Associada a travessas e estruturas de bancos em magnésio, esta nova tecnologia permitiu a produção de uma carroçaria 40% mais leve e 60% mais rígida em relação ao seu antecessor, o que se traduz em melhorias em termos de equilíbrio, segurança e aceleração e na redução dos consumos e emissões.

Faróis automáticos e sensor de chuva

Para sua comodidade e segurança, os sensores detectam automaticamente os níveis de luz e acendem os faróis de Xénon.

O sensor de chuva ativa automaticamente os limpadores de para-brisas quando necessário e ajusta a velocidade de funcionamento de acordo com a intensidade da chuva. De série em todos os modelos.

Long Wheelbase (Distância entre eixos longa)

Com proporções perfeitas, as versões long wheelbase mantêm as excelentes características de performance e comportamento comuns à gama XJ, proporcionando o expoente máximo de conforto para os ocupantes do banco traseiro. Com quase um metro de espaço para pernas, o banco traseiro proporciona um ambiente extraordinariamente espaçoso.

Pode ser encomendado com bancos aquecidos com ajuste eléctrico, ar condicionado automático de quatro zonas e um sistema multimédia traseiro com Bluetooth® e conectividade MP3 e dois ecrãs de TV incorporados nos encostos de cabeça.

Qualidade e acabamento artesanal

Sumptuoso, acolhedor e espaçoso, o habitáculo XJ é onde o tradicional acabamento artesanal e a tecnologia inteligente se conjugam, com madeiras e couro selecionados individualmente pela sua perfeição.

A gama de opções é extremamente completa Ivory ou Champagne, Granite ou Warm Charcoal, Dove ou Mocha e é complementada pelos acabamentos em Burr Walnut, Alumínio ou os novos Elm Gloss ou Satin American Walnut. Para isolamento do ruído exterior, o vidro do habitáculo é acusticamente laminado, enquanto que a atenuação de ruído contribui para criar um ambiente calmo e descontraído.

Segurança

A segurança foi incorporada no XJ desde a sua concepção, com barras anti-intrusão em todas as portas para proteção contra embates laterais, zona de absorção de impactos dianteira e traseira e airbags laterais de cortina para os ocupantes do banco traseiro.

O Sistema de Airbags Adaptativos (A.R.T.S.) avalia permanentemente a melhor forma de insuflar os airbags, optimizando os níveis de proteção dos seis airbags dianteiros e laterais do XJ.

Os sistemas de travagem anti-bloqueio (ABS) e de Travagem Assistida de Emergência permitem uma travagem controlada em condições extremas, enquanto que o Sistema de Monitorização da Pressão dos Pneus e a Distribuição Eletrônica da Pressão de Travagem proporcionam uma estabilidade e controlo excepcionais.

Jaguar XJ

Tecnologia de Ponta

Jaguar XJ incorpora tecnologias inteligentes e intuitivas que permitem ao veículo e ao condutor funcionar em harmonia  e maximizar a experiência de condução.

O Controlo Dinâmico de Estabilidade – para um comportamento confiante e agilidade segura – enquanto que a Suspensão de Tecnologia Ativada por Computador (CATS) assegura o equilíbrio perfeito entre conforto, comportamento e tração.

O XJ utiliza a tecnologia não apenas em seu benefício, como também para o benefício do condutor.

Jaguar XJ – História

Jaguar XJ deixa a tradição de lado.

Sedã inglês mais luxuoso perde o ar aristocrático e rejuvenesce décadas

Não dá para dizer que foi influência do novo dono, Ratan Tata, indiano famoso pelo carro mais barato do mundo, afinal a venda foi concretizada depois de o projeto estar pronto, mas o novo XJ, da Jaguar, é outro carro, como mostram as primeiras imagens oficiais que vazaram.

O Jaguar XJ é para os ingleses o que representa o Mercedes-Benz Classe E para aos alemães: o carro executivo nacional, figurinha fácil nas regiões mais ricas do país.

E sempre foi um sedã com ar aristocrático demais, pouco chegado a inovações.

Mas a nova geração não só rompe com isso como toma liberdades que nem os mais simples XF e X-Type tiveram a ousadia de fazer.

Onde já se viu teto de vidro num carro como esse? Ou colunas tão estreitas na parte traseira, que incorporam parte do vidro?

O perfil é o de um cupê de quatro portas: teto baixo e janelas estreitas e a traseira avolumada.

Aliás, é justamente a traseira que polemiza. Leva um logotipo da Jaguar imenso, belas lanternas contornando a tampa do porta-malas, mas lembra muito o Continental GT, o cupê da Bentley, que é rival da marca.

A frente, ao contrário, é praticamente idêntica a do XF, o sedã abaixo do XJ, o que não é um problema. A Jaguar introduz no XJ a nova estrutura de alumínio de origem na indústria aeroespacial e terá motores V6 a diesel e V8 a gasolina.

História essencial do Jaguar XJ

Jaguar XJ

Jaguar XJ é um sedã de luxo com tração traseira produzido pela Jaguar britânica desde 1968, quando os primeiros carros da Série 1 foram construídos. A ideia do fundador da Jaguar, Sir William Lyons, o XJ foi projetado como um sedã grande, seguro, confortável e esportivo que forneceu uma amostra dos carros GT da empresa em um estilo de carroceria de quatro portas.

O XJ também foi rebatizado e vendido como Daimler em seu país natal, muitas vezes com acabamentos sofisticados.

Os Jaguar XJ da Série 1 representam a abordagem mais simples e básica do modelo com para-choques cromados esbeltos, uma grande grade frontal e outros elementos de estilo clássico.

Lançado com o motor XK de seis cilindros em linha da Jaguar, usado no Jaguar E-type, o XJ estava inicialmente disponível em capacidades de 2,8 e 4,2 litros.

Em 1972, um motor V-12 de 5,3 litros foi oferecido pela primeira vez, juntamente com uma variante de distância entre eixos longa que oferecia mais espaço para as pernas dos passageiros do banco traseiro.

Transmissões automáticas de três velocidades da Borg-Warner foram empregadas.

Em 1973, o Jaguar XJ Series 2 chegou, atualizado apenas um pouco para os novos requisitos de pára-choques dos EUA.

Os para-choques foram feitos maiores com inserções de borracha e a grade dianteira foi reduzida em tamanho para compensar. Além disso, um novo seis cilindros em linha de 3,4 litros ficou disponível e, a partir de 1974, o sedã XJ estava disponível apenas na configuração de distância entre eixos longa. O chassi de curta distância entre eixos tornou-se a base do cupê de duas portas XJ para o ano modelo de 1974. 1975 também trouxe a injeção de combustível para o motor V-12, enquanto levaria até 1978 para as variantes de seis cilindros ganharem a mesma tecnologia. Em 1977, a transmissão automática Borg-Warner do V-12 foi substituída por uma unidade GM Turbo-Hyrdromatic de três velocidades para maior confiabilidade com o motor mais potente.

A Série III Jaguar XJ chegou para 1979 com um design de carroceria atualizado pelo construtor italiano Pininfarina. Os motores I-6 de 3,4 litros e 4,2 litros e o V-12 de 5,3 litros permaneceram em produção e, para o ano modelo de 1983, o interior do XJ foi atualizado e modernizado um pouco, embora grandes quantidades de couro Connolly e acabamento de painel de burlwood tenham permanecido.

Um nível de acabamento Sovereign de luxo foi adicionado em 1984.

Para o ano modelo de 1987, a Jaguar lançou o novo Jaguar XJ40, um modelo de quarta geração que duraria até 1994. Esta geração do XJ trouxe o restyle exterior mais significativo até agora, com linhas quadradas e poucas das curvas que os modelos anteriores vestiu. Um novo motor de seis cilindros em linha apelidado de AJ6 também foi empregado com um novo design de came duplo no cabeçote que aumentou a potência e a eficiência. O V-12 permaneceu com várias atualizações para dirigibilidade e economia de combustível.

Um Jaguar XJ de quinta geração lançado para 1994 e este é o primeiro modelo que foi projetado totalmente sob a propriedade da Ford. Chamado internamente de X300, este novo XJ fez um retorno aos para-lamas traseiros curvos e faróis duplos que definiram os primeiros modelos XJ e foi construído em grande parte com métodos modernos de construção robótica. Mais uma vez, o motor de seis cilindros em linha foi refinado na variante AJ16 e uma nova transmissão automática ZF de quatro velocidades e uma transmissão manual Getrag de cinco velocidades estavam disponíveis.

Uma nova variante superalimentada de 4,0 litros encontrou um lar no novo e esportivo modelo XJR, que era mais frequentemente equipado com um automático GM de quatro marchas, embora alguns modelos britânicos e europeus de especificações viessem com um manual de cinco marchas Getrag. Um motor V-12 atualizado permaneceu disponível com um novo virabrequim e sistema de ignição sem distribuidor, enquanto a opção retornou para chassis de distância entre eixos curta e longa.

De 1997 a 2003, o X308 Jaguar XJ foi vendido com pequenas atualizações na carroceria, mas com opções de trem de força significativamente diferentes. Longe estavam os modelos de seis e 12 cilindros antigos, substituídos por variantes de 3,2 e 4,0 litros de um novo motor AJ-V8 de oito cilindros. Os modelos XJ padrão obtiveram versões naturalmente aspiradas deste motor, enquanto um V-8 XJR de 4,0 litros sobrealimentado retornou. O XJR também recebeu um pacote opcional R1 com suspensão mais rígida, freios maiores da Brembo e novas rodas BBS de 18 polegadas com aparência clássica do tipo Panasport.

As transmissões eram automáticas de cinco velocidades produzidas pela Mercedes.

Talvez o último dos modelos Jaguar XJ mais tradicionais, a variante X350 foi produzida de 2003 a 2009. Com a nova construção intensiva em alumínio, este XJ economizou algum peso e adicionou rigidez em relação ao seu antecessor, mas o estilo não agradou a todos após o marca d’água das duas gerações anteriores. Um motor I-6 de 3,0 litros retornou à linha, junto com um V-6 diesel de 2,7 litros, enquanto vários motores de oito cilindros (incluindo um moinho XJR superalimentado) compunham a maior parte do volume.

A nova suspensão multi-link substituiu o antigo design de braço em A e a suspensão a ar autonivelante atraiu aqueles que, de outra forma, escolheriam um Mercedes.

Finalmente, o X351 Jaguar XJ iniciou a produção para o ano modelo 2010 com novo estilo de Ian Callum que refletia a nova direção do sedã XF de tamanho médio lançado três anos antes.

O design foi um afastamento dramático dos antigos XJs e, como tal, foi um pouco polarizador, especialmente para os leais à marca. Nos EUA, uma variedade de opções de motores V-8 superalimentados estavam disponíveis, com um V-6 diesel twin-turbo também disponível em outros países, incluindo a Inglaterra.

Uma nova transmissão automática de seis velocidades com patilhas de mudança montadas no volante e um pacote de infotainment contemporâneo trouxe o XJ chutando e gritando para o novo milênio.

Este modelo foi produzido até 2019 e espera-se que um novo XJ seja lançado no final de 2020 ou 2021 com um trem de força totalmente elétrico.

Jaguar XJ – Carros

Jaguar XJ

Jaguar XJ é o nome de uma série de carros carro-chefe, em tamanho real, de luxo vendidos pela marca de automóveis britânica, Jaguar Cars.

A linha XJ tem uma longa história, com o primeiro modelo lançado em 1968.

O modelo original foi a última saloon Jaguar por ter tido a entrada de Sir William Lyons, fundador da empresa, e o modelo foi apresentado em inúmeros meios de comunicação e de alta aparências perfil.

O atual Jaguar XJ foi lançado em 2009.

É um dos carros oficiais das famílias reais e primeiro-ministro britânico.

Jaguar XJ – Modelo

Modelo de luxo que foi apresentado em Londres já tem data prevista de chegar ao Brasil: primeiro trimestre de 2010.

Embora lá fora ele disponha de uma versão de motorização a diesel, aqui só teremos os com a gasolina. Os modelos a gasolina possuem propulsores de 5.0 litros V8 que podem ser aspirados Supercharged, que desenvolve 470 cavalos de potência e levar o modelo da imobilidade aos 100 km/h em apenas 5,2 segundos.

O câmbio automático de seis velocidades, acionado ao simples giro do botão Drive Seletor, aperfeiçoa as mudanças de marcha e auxilia no desempenho do modelo.

Todas as versões do propulsor oferecem consumo de combustível e emissões de CO2 reduzidas. Dependendo da versão, o consumo médio é de 17,05 km/l e as emissões chegam a 184 g/km.

Na Inglaterra o novo Jaguar tem preços estipulados ao equivalente a cerca de R$ 170 mil (versão Luxury com motor diesel), até R$ 280 na versão top de linha, a Supercharged com chassis mais longo.

Não existe ainda definição das versões que serão importadas para o Brasil.

Fonte: www.jaguar.com/carmagazine.uol.com.br/www.fastdriver.com.br/www.motortrend.com/moneyinc.com

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Cadillac Self-Starter

Cadillac Self-Starter, Construção, Sistema, Motor, Arranque, Partida, Elétrica, Dispositivo, Inovação, História, Cadillac Self-Starter

História da Cadillac

História da Cadillac, Carro, Marca, Modelos, Fabricação, Motor, Empresa, Construção, Logo, Veículos, Automóveis, História da Cadillac

Aero Willys

Aero Willys, Carros, Brasil, Versão, Veículos, Velocidade, Modelo, Características, Linha, História, Fotos, Aero Willys

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.