Breaking News
Home / Bem-Estar / Porangaba

Porangaba

PUBLICIDADE

Também é conhecido como erva de bugre.

Porangaba auxilia no emagrecimento, pois possui ação diurética eliminando as toxinas do corpo.

Ela dá saciedade, ajuda baixar pressão, tratamentos de cálculo renal, ameniza celulite.

Reduz tosse e o ácido úrico no organismo. Estimula a circulação.  Ajuda na queima da gordura abdominal aliado a uma dieta adequada.

Ajuda na cicatrização de feridas.

(Por Portal São Francisco)

Cordia ecalyculata é uma árvore nativa do Brasil e encontrada nas florestas tropicais do Paraguai e da Argentina. Também é conhecida como Chá de Bugre.
A árvore produz um fruto vermelho que se assemelha um grão de café.

Indicações:

Esta planta é popular para perder peso além de ser usada para tratamentos de celulite, tosse, retenção de líquidos e circulação.
Também pode ser aplicado na pele para a cicatrização.

AÇÃO E INDICAÇÃO:

A Pholia magra é um extrato padronizado da Cordia ecalyculata ,usada no tratamento anti-obesidade.

A Pholia magra é levemente diurética, é termogênica pela presença de cafeína e auxilia na redução de gordura localizada. Mais informações técnicas se encontram na referência bibliográfica. Não existe produto pronto para o consumo, podendo ser manipulada com outras ervas, de acordo com a necessidade.

FORMAS UTILIZADAS:

-Cápsulas de Extrato Seco

Porangaba

 

Detalhes

O Café de Bugre – Cordia ecalyculata, é um arbusto ou árvore pequena, da família das boragináceas, de folhas lanceoladas, flores brancas, campanuladas, e drupas vermelhas, globosas, semelhantes às do café, que ocorre no Brasil e se cultiva como ornamental pela madeira branca e pelas folhas. Também é conhecido como bugrinho. Muito utilizadas como depurativas, anti-reumáticas, tônicas e sudoríficas. Apropriada para paisagismo pela sua beleza. Melífera. Frutos procurados pela fauna.

Chá de Bugre

Arbusto grande ou árvore pequena, chegando a medir até 6 metros de altura e 20 centímetros de diâmetro. Possui casca pardo-vermelho-escura, pouco espessa e com numerosas fendas pequenas. As folhas são alternas, lanceoladas, glabras, luzidias, verde-escuras na página superior e um pouco ásperas na página inferior. As flores são brancas, campanuladas, dispostas em corimbos. O fruto é uma drupa globosa, vermelha, com a aparência do café. É bastante ornamental e de rápido crescimento.No Brasil é encontrado nos estados de Minas Gerais, Baia, Acre e Goiás. É encontrado também na Argentina e no Paraguai.

Nome Científico: Cordia ecalyculata Vell. Sinonímia: Cordia salicifolia Cham.; Cordia digynia Vell.; Cordia leptocaula Fresen.; Cordia glaziovii Taub.

Nome Popular: Chá de Bugre, Porangaba, Claraíba, Café-de-bugre, Louro-salgueiro e Louro-mole, no Brasil; Araticú-guassú, na Argentina.

Observação: Segundo M. Pio Côrrea (Dicionário de Plantas Úteis do Brasil), tanto a espécie Casearia sylvestris Swartz, quanto a espécie Cordia salicifolia Cham. (sinonímia: Cordia eucalyculata Vell.), são conhecidas no Brasil por Chá de Bugre. Desta forma, surgiram confusões, principalmente com o aparecimento de produtos feitos de Porangaba, outra sinonímia popular da espécie Cordia eucalyculata Vell.
Assim, para evitar esta confusão, optou-se por chamar de “Guaçatonga” a espécie Casearia sylvestris Swartz e a espécie Cordia eucalyculata Vell. de “Chá-de-bugre” (também conhecida por Porangaba).

Família Botânica: Boraginaceae.
Parte Utilizada: Folha.
Princípios Ativos: Alantoína, Cafeína e Potássio.
Indicações e Ações Farmacológicas: O Chá de Bugre, por ser diurético, é utilizado para reduzir o peso e como supressor do apetite. Acredita-se também que ajude a reduzir a celuite. Em 1990, no Japão, cientistas demonstraram que 2,5 mcg/ml de extrato fluido da folha reduziram a capacidade de penetração do vírus da Herpes do tipo 1. Em 1997, pesquisas com coelhos e porcos da Guinea, indicaram propriedades cardiotônicas com a administração das folhas do Chá de Bugre.
Toxicidade/Contra-indicações: Não foram encontradas referências nas literaturas consultadas.
Dosagem e Modo de Usar: Não foram encontradas referências nas literaturas consultadas.

Referências Bibliográficas

• CORRÊA, M. P. Dicionário das Plantas Úteis do Brasil. IBDF. 1984.
• Internet:
www.rain-tree.com/chadebugre, site que cita as seguintes referências:
1. Bernardes, Antônio, A Pocket Book of Brazilian Herbs, Editora e Arta Ltda,
1984.
2. Hayashi K., et al., Antiviral activity of na extract of Cordia salicifolia on herpes simplex virus type 1. Planta Med, 56:5 Oct, 439-43.
3. Matsunaga, K. et al., Excitatory and inhibitory effects of paraguayan medicinal plants Equisetum gigateum, Acanthpspermum australe, Allophylus edlis and Cordia salicifolia on contraction of rabbit aorta and guinea-pig left atrium. Natural Medicines, 51, 478-481 (1997).

Fonte: www.herbario.com/www.oficinadeervas.com.br/ervaseinsumos.blogspot.com.br

Veja também

triptofano

Triptofano

PUBLICIDADE O triptofano é um aminoácido, uma proteína sem a qual os seres humanos não …

melatonina

Melatonina

PUBLICIDADE A melatonina é um hormônio produzido pelo nosso cérebro, e esse hormônio interfere em …

Kefir

Kefir

PUBLICIDADE Alimentos probióticos são microrganismos vivos que ajudam a equilibrar a flora intestinal. A flora …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.