Facebook do Portal São Francisco
Google+
+ circle
Home  Batimento de Ondas  Voltar

Batimento de Ondas

Designamos por BATIMENTO ao fenômeno que acontece quando existe uma superposição entre duas fontes emissoras de ondas que produzam ondas que possuam a mesma direção, amplitude e freqüências próximas "f1" e "f2". Pelo fato das freqüências diferirem uma da outra, haverá momentos de interferência construtiva, onde a amplitude resultante será grande e momentos de interferência destrutiva, acarretando numa amplitude diminuta.

Batimento de Ondas

Um exemplo familiar de batimento é aquele produzido por dois diapasões, ou por duas cordas de guitarra de freqüências parecidas. Neste caso, ouvimos um som de intensidade variável, cuja freqüência de batimento "fbat" é a subtração das duas freqüências envolvidas dividida por 2 (fbat=(|f1-f2|)/2).

A função de cada onda pode ser descrita através de uma senóide, com vetores de onda k, além de fases ph1 e ph2, respectivamente.

Batimento de Ondas
BATIMENTOS PRODUZIDOS POR DOIS DIAPASÕES

Pelo princípio da superposição de ondas, a onda resultante será determinada pela soma algébrica das duas ondas individuais.

Batimento de Ondas

Através do uso da relação entre a soma de dois senos, verificamos que a expressão anterior pode ser reescrita sob a forma:

Batimento de Ondas

onde a fase de batimento phbat=|ph1-ph2|/2 e as freqüência e fase médias são dadas pelas média aritmética das freqüência e fases iniciais (fmed = (f1+f2)/2 e phmed=(ph1+ph2)/2).

Fonte: www.cdcc.sc.usp.br

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal