Breaking News
Home / Meio Ambiente / Decomposição do Lixo

Decomposição do Lixo

PUBLICIDADE

Quanto tempo leva para o lixo se decompor?

Todos nós já ouvimos o boato de como o isopor nunca se decompõe e como o plástico leva milhões de anos para se decompor, mas eles são verdade?

Há uma razão pela qual é tão importante reciclar e manter baixa a quantidade de lixo que vai para os aterros sanitários. Coisas como plástico, isopor e vidro levam mais do que nossa própria vida para se decompor devido aos materiais de que são feitos e isso é apenas se for exposto a luz solar e oxigênio suficientes.

A poluição é um problema crescente que está lentamente começando a nos afetar e a maneira como viveremos nossas vidas no futuro. Educar a nós mesmos e às gerações futuras pode ajudar bastante na luta contra problemas como as mudanças climáticas e as doenças crônicas causadas pela poluição.

Decomposição x Biodegradação x Fotodegradação

Quando falamos de lixo, tendemos a usar os termos “decompor” e “biodegradar” de forma intercambiável para a palavra “apodrecer”, mas decompor tem um segundo significado.

decomposição também pode significar quebrar fisicamente em pedaços menores, o que é diferente de algo apodrecendo.

Sugere-se examinar cuidadosamente as diferentes estimativas de decomposição fornecidas por várias indústrias para ver como o termo está sendo usado.

Biodegradável significa que algo pode ser decomposto ao longo do tempo por bactérias e outros organismos vivos. A natureza recicla as coisas, decompondo-as em nutrientes de coisas que antes eram materiais vivos.

Nós, como seres humanos, interrompemos o ciclo jogando itens como sacolas plásticas e garrafas de vidro, que não são biodegradáveis, na mistura. São objetos domésticos básicos que usamos todos os dias e, na maioria das vezes, colocamos em uma lixeira em vez de reciclá-los ou reutilizá-los para outra coisa.

A fotodegradação é mais semelhante à decomposição, mas também é mais específica. Fotodegradação é quando algo é exposto à radiação ultravioleta dos raios do sol, começa a se tornar quebradiço, rachar e, eventualmente, se transformar em grânulos microscópicos.

Quanto tempo leva para o lixo biodegradar?

Decomposição do Lixo

Diferentes artigos de lixo não terão a mesma taxa de decomposição devido aos diferentes materiais de que são feitos. Algumas coisas podem se decompor em alguns anos, enquanto outras levarão centenas, dadas as condições certas. Certos materiais, como produtos de papel, levam muito menos tempo.

Itens que levam 100 anos ou menos

Toalhas de papel: 2-4 semanas
Jornal: 2-4 semanas
Papelão liso não encerado: 3 meses
Camisa de algodão: 3-6 meses
Corda: 1 ano
Madeira compensada: 1-3 anos
Caixa de leite encerado: 5 anos
Cigarro: 1-5 anos
Fralda descartável: 10-20 anos
Saco de plástico: 10-20 anos
Couro: 50 anos
Nylon: 30-40 anos
Lata de aço: 80-100 anos

Itens que levam mais de 100 anos

Lata de alumínio: 200-400 anos
Saco ziploc: 300 anos
Garrafa de plástico: 450 anos
Linha de pesca monofilamento: 600 anos
Garrafa de vidro: milhares a milhões de anos
Isopor: nunca
Papel alumínio: nunca

O que podemos fazer?

Muitas das coisas que usamos todos os dias são feitas de materiais que levam muito tempo para se decompor, então o que podemos fazer para reduzir a quantidade de lixo que vai para os aterros sanitários?

Uma coisa que podemos fazer é reduzir o uso desses produtos e tentar viver de forma sustentável. Muitos desses produtos têm alternativas muito melhores para o meio ambiente. Em vez de usar sacolas plásticas, sacolas reutilizáveis podem ser compradas dentro de mercearias para substituí-las. Comprar um bebedouro e uma garrafa de água reutilizável é melhor do que comprar caixas de água no supermercado.

Outra forma de reduzir a quantidade de resíduos que vão para aterros é através da reciclagem. Em vez de jogar fora uma lata de alumínio vazia, colocá-la na lixeira onde pode ser levada para uma instalação, classificada e reutilizada é uma opção muito melhor. Para mais informações sobre reciclagem, confira nosso artigo, Reciclagem Simples. Para alimentos, a compostagem é outra opção além de ter que jogar no lixo.

Decomposição do Lixo – Poluição

poluição constante das águas do rio, do solo e do ar está causando muitos efeitos nocivos à nossa saúde e ao meio Ambiente.

Muitos materiais podem ser reaproveitados.

O plástico, vidro, papel e metais, podem ser reciclados e transformados em produtos novos, com um custo bem mais baixo ao consumidor.

Por isso, prefira sempre adquirir produtos em embalagens recicláveis. Elas economizam energia elétrica, poluem menos e utilizam menos recursos naturais não renováveis para a sua fabricação.

Veja a seguir o tempo que cada material leva para se decompor:

Lixo Tempo de decomposição
Cascas de frutas de 1 a 3 meses
Papel 03 a 06 meses
Pano de 6 meses a 1 ano
Chiclete 05 anos
Filtro de cigarro de 05 a 10 anos
Tampa de garrafa 15 anos
Madeira pintada 15 anos
Nylon mais de 30 anos
Sacos plásticos de 30 a 40 anos
Lata de conserva 100 anos
Latas de alumínio 200 anos
Plástico 450 anos
Fralda descartável 600 anos
Garrafas de vidro indeterminado
Pneu indeterminado
Garrafas de plástico (pet) tempo indeterminado
Borracha tempo indeterminado
Vidro 1 milhão de anos

Na natureza todas as plantas e animais mortos apodrecem e se decompõe. São destruídos por larvas minhocas, bactérias e fungos, e os elementos químicos que eles contém voltam à terra. Podem ficar no solo, nos mares ou rios e serão usados novamente por plantas e animais. É um processo natural de reutilização de matérias. É um interminável ciclo de morte, decomposição, nova vida e crescimento.

A natureza é muito eficiente no tratamento do lixo. Na realidade, não há propriamente lixo, pois ele é novamente usado e se transforma em substâncias reaproveitáveis.

Enquanto a natureza se mostra eficiente em reaproveitamento e reciclagem, os homens o são em produção de lixo.

Os ciclos naturais de decomposição e reciclagem da matéria podem reaproveitar o lixo humano. Contudo, uma grande parte deste lixo sobrecarrega o sistema.

O problema se agrava porque muitas das substâncias manufaturadas pelo homem não são biodegradáveis, isto é não se decompõe facilmente. Vidros, latas e alguns plásticos não são biodegradáveis e levam muitos anos para se decompor. Esse lixo pode provocar a poluição.

A reciclagem do lixo assume um papel fundamental na preservação do meio ambiente, pois, além de diminuir a extração de recursos naturais ela também diminui o acúmulo de resíduos nas áreas urbanas.

Os benefícios obtidos são enormes para a sociedade, para a economia do país e para a natureza. Embora não seja possível aproveitar todas as embalagens, a tendência é que tal possibilidade se concretize no futuro.

O tratamento do lixo doméstico no Brasil é realmente uma tragédia, 76% dos 70 milhões de quilos produzidos por dia, são lançados a céu aberto, 10% em lixões controlados, 9% para aterros sanitários e apenas 2% é reciclado. A realidade está mudando, hoje as pessoas que pensam um pouco mais neste planeta recorrem a alternativas que podem minimizar esta situação caótica.

Pressione as prefeituras para adotarem a coleta seletiva como alternativa.

Reduzir, Reutilizar e Reciclar são as palavras da hora.

Os catadores de papel que na maioria das cidades são marginalizados, na verdade contribuem com uma significativa parcela no processo de reciclagem dos materiais descartados nos grandes centros urbanos.

Perigos: Quando não recebe tratamento adequado, constitui um problema sanitário, transmitindo várias doenças como diarreias infecciosas, amebíase, parasitose, servindo ainda como abrigo seguro para ratos, baratas, urubus (que podem derrubar aviões), além de contaminar os lençóis freáticos através do chorume (liquido altamente tóxico que resulta da composição da matéria orgânica associada com os metais pesados)

Estatísticas

O Brasil produz 241.614 toneladas de lixo por dia. 76% são depositados a céu aberto em lixões, 13% são depositados em aterros controlados, 10% são depositados em aterros sanitários, 0,9% são compostados em usinas e 0,1% são incinerados.

É importante salientar que o material orgânico compõe a maior parte do item “outros”. Aproximadamente 53% deste total, é de restos de comida desperdiçada.

Decomposição do Lixo
Decomposição dos Resíduos

Tempo de Decomposição dos Resíduos

Papel: 3 a 6 meses
Jornal: 6 meses
Palito de madeira: 6 meses
Toco de cigarro: 20 meses
Nylon: mais de 30 anos
Chicletes: 5 anos
Pedaços de pano: 6 meses a 1 ano
Fralda descartável biodegradável: 1 ano
Fralda descartável comum: 450 anos
Lata e copos de plástico: 50 anos
Lata de aço: 10 anos
Tampas de garrafa: 150 anos
Isopor: 8 anos
Plástico: 100 anos
Garrafa plástica: 400 anos
Pneus: 600 anos
Vidro: 4.000 anos

Tempo de decomposição de resíduos em Oceanos

Papel Toalha: 2 a 4 semanas;
Caixa de Papelão: 2 meses;
Palito de Fósforo: 6 meses;
Restos de Frutas: 1 ano;
Jornal: 6 meses;
Fralda Descartável: 450 anos;
Fralda Descartável Biodegradável; 1 ano;
Lata de Aço: 10 anos;
Lata de Alumínio: não se corrói;
Bituca de Cigarro: 2 anos;
Copo Plástico: 50 anos;
Garrafa Plástica: 400 anos;
Camisinha: 300 anos;
Pedaço de Madeira Pintada: 13 anos;
Bóia de Isopor: 80 anos;
Linha de Nylon: 650 anos;
Vidro: tempo indeterminado;
Lixo radioativo: 250 anos ou mais

Fonte: eco-legal.com/www.vestibular1.com.br/www.ufrrj.br/www.alliancedsp.com

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Efeito La Niña

PUBLICIDADE Efeito La Niña – O que é Tradicionalmente, La Niña tem recebido menos atenção do que …

Poluição Industrial

PUBLICIDADE Muitos processos de fabricação industrial usam ou produzem produtos químicos que podem prejudicar a …

Biotecnologia Ambiental

Biotecnologia Ambiental

PUBLICIDADE Definição A biotecnologia ambiental, em particular, é a aplicação de processos para a proteção e …

3 comments

  1. ROBERTO DOS SANTOS

    ESTOU MUITO SATISFEITO COM AS INFORMAÇÕES , SOBRE O MEIO AMBIENTE VAI AJUDAR MUITO EM MINHA PALESTRA.

  2. sim. contribui para o meu conhecimento…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.