Breaking News
Home / Meio Ambiente / Isopor

Isopor

PUBLICIDADE

Isopor – O que é

O nome ”Isopor” é na verdade uma marca registrada. O nome correto deste material é Poliestireno Expandido ou a sigla EPS.

Isopor é um nome comercial da espuma de poliestireno, ou poliestireno expandido, é na verdade uma marca registrada, o nome correto deste material é Poliestireno Expandido ou a sigla E.P.S.

Pode ser comprado em placas de diversas espessuras, além de ser onipresente no ramo de embalagens.

Existem no mercado dois tipos de poliestireno expandido no mercado.

Um é feito expandindo esferas (ou pérolas) pré fabricadas em um molde, resultando em um produto ligeiramente heterogêneo, composto por um grande número de células. Este é o tipo mais comum.

O outro tipo, é feito pela expansão da própria resina do plástico e resulta em um produto muito mais homogêneo, mais rígido e de qualidade superior para modelagens. Este segundo tipo é encontrado em chapas nas papelarias ou nas bandejas e pratos descartáveis dos supermercados. Peças mais grossas são difíceis de encontrar no mercado nacional.

O corte de chapas finas de isopor pode ser feito com estilete. Peças mais espessas podem ser cortadas com serra para metais, ou, mais convenientemente, com facas elétricas de cozinha. Entretanto, a maneira ideal de cortar o isopor é usando um fio de nicromo aquecido pela passagem de uma corrente elétrica.

Isopor

É possível construir um ótimo cortador de isopor usando um dimmer, um transformador de dicróica, uma resistência de chuveiro Lorenzetti para 220 volts, madeira compensada e alguns metros de fio.

Isopor é feita de espuma de poliestireno.

A espuma de poliestireno vem de um petroquímico chamado monómero de estireno líquido que pode ser colocado em várias formas e é basicamente considerado um tipo de plástico.

Poliestireno – O que é

Isopor, ou EPS, ou Poliestireno Expandido

Poliestireno

poliestireno é um polímero termoplástico feito de estireno. Um polímero termoplástico é um material que pode ser repetidamente amolecido e endurecido alternadamente por aquecimento e resfriamento.

O estireno é um hidrocarboneto derivado do petróleo com a fórmula C6H5CH=CH2.

A presença da dupla ligação na molécula de estireno possibilita que as moléculas de estireno reajam umas com as outras em longas cadeias que constituem o polímero poliestireno.

poliestireno é um sólido duro, forte, transparente e altamente resistente ao impacto mecânico. É um excelente isolante térmico (calor) e elétrico, é facilmente moldado e moldado no estado líquido e aceita corantes facilmente. Pode ser produzido em uma ampla variedade de formas e formas, incluindo folhas, placas, varetas, contas e espumas.

Poliestireno – Plástico

Poliestireno

poliestireno é um plástico versátil usado para fazer uma grande variedade de produtos de consumo. Como um plástico duro e sólido, é frequentemente usado em produtos que exigem transparência, como embalagens de alimentos e utensílios de laboratório. Quando combinado com vários corantes, aditivos ou outros plásticos, o poliestireno é usado para fabricar eletrodomésticos, eletrônicos, peças de automóveis, brinquedos, vasos e equipamentos de jardinagem e muito mais.

poliestireno também é transformado em um material de espuma, chamado poliestireno expandido (EPS) ou poliestireno extrudado (XPS), que é valorizado por suas propriedades isolantes e de amortecimento.

A espuma de poliestireno pode ser mais de 95% de ar e é amplamente utilizada para fazer isolamento doméstico e de eletrodomésticos, embalagens leves de proteção, pranchas de surfe, embalagens de alimentos e serviços alimentícios, peças de automóveis, sistemas de estabilização de estradas e margens de estradas e muito mais.

Usos e benefícios

Poliestireno em Eletrodomésticos

Geladeiras, condicionadores de ar, fornos, micro-ondas, aspiradores de pó, liquidificadores – esses e outros aparelhos geralmente são feitos com poliestireno (sólido e espumado) por ser inerte (não reage com outros materiais), econômico e duradouro.

Poliestireno nos Automóveis

Poliestireno (sólido e espuma) é usado para fazer muitas peças de automóveis, incluindo maçanetas, painéis de instrumentos, acabamentos, painéis de portas de absorção de energia e espuma de amortecimento de som. A espuma de poliestireno também é amplamente utilizada em assentos de proteção infantil.

Poliestireno em Eletrônica

poliestireno é utilizado para a carcaça e outras peças de televisores, computadores e todos os tipos de equipamentos de TI, onde a combinação de forma, função e estética são essenciais.

Poliestireno em Serviço de alimentação

Poliestireno – Embalagens

As embalagens de poliestireno para serviços de alimentação normalmente isolam melhor, mantêm os alimentos frescos por mais tempo e custam menos do que as alternativas.

Poliestireno em Isolamento

A espuma leve de poliestireno fornece excelente isolamento térmico em inúmeras aplicações, como paredes e telhados de edifícios, geladeiras e freezers e instalações industriais de armazenamento a frio.

O isolamento de poliestireno é inerte, durável e resistente a danos causados pela água.

Poliestireno em Medicina

Devido à sua clareza e facilidade de esterilização, o poliestireno é usado para uma ampla gama de aplicações médicas, incluindo bandejas de cultura de tecidos, tubos de ensaio, placas de Petri, componentes de diagnóstico, invólucros para kits de teste e dispositivos médicos.

Poliestireno na Embalagem

O poliestireno (sólido e espumado) é amplamente utilizado para proteger produtos de consumo. Caixas de CD e DVD, embalagens de espuma de amendoim para transporte, embalagens de alimentos, bandejas de carne/aves e caixas de ovos normalmente são feitas com poliestireno para proteger contra danos ou deterioração.

Quais são os diferentes usos do poliestireno?

poliestireno é um “polímero de estireno”. Os polímeros são moléculas grandes que consistem em moléculas idênticas adjacentes, e o estireno é um líquido oleoso e incolor. Quando o poliestireno é feito, sua estrutura é a de um termoplástico transparente rígido, assemelhando-se a uma espuma branca rígida. É um dos tipos mais comuns de plástico e pode ser encontrado em casa, no escritório, em locais industriais e em praticamente qualquer outro lugar onde você encontrar plásticos. As empresas dependem do poliestireno para vários usos, incluindo fabricação, embalagem e construção.

Garfos de plástico, estojos de DVD, a carcaça externa de computadores, modelos de carros, brinquedos, réguas e pentes de cabelo são todos feitos de poliestireno duro.

É encontrado com frequência na indústria alimentícia e usado como sistema de transporte descartável para manter alimentos quentes e frios nas temperaturas desejadas. Itens descartáveis e reutilizáveis podem ser feitos de poliestireno, pois é barato, mas durável.

A indústria de embalagens também é fã do poliestireno. Amendoins de espuma e outros materiais de embalagem de poliestireno mantêm itens delicados guardados com segurança em caixas, e o poliestireno expandido (EPS) é um item popular tanto para indivíduos quanto para empresas. Eletrônicos, vidraria e produtos químicos são mantidos seguros com EPS.

Cubos de espuma podem ser despejados livremente em caixas para abrigar qualquer formato de item, ou EPS pode ser facilmente formado pelos fabricantes para encaixar os produtos exatamente e fornecer a embalagem mais segura possível.

poliestireno também é encontrado na construção civil. O bloco de poliestireno é usado como um meio energeticamente eficiente para a construção de residências e empresas.

A construção em forma de bloco de poliestireno é apontada como proporcionando às casas temperaturas uniformes e menos correntes de ar. Este tipo de construção também reduz o ruído, as contas de aquecimento e refrigeração e a manutenção geral. Durabilidade e resistência também são oferecidas por este tipo de construção em forma de bloco.

poliestireno é usado em conjunto com o concreto armado e, portanto, é um vencedor na batalha contra as calamidades climáticas.

Qualquer que seja o setor, o poliestireno provavelmente aparecerá em pelo menos alguma capacidade. Sua durabilidade, variedade de dureza e flexibilidade, bem como seu baixo custo, o tornam um material popular para vários projetos. Como isolante, protetor e produto com a capacidade de se adaptar a qualquer formato, é difícil de superar como material de fabricação universal e provavelmente será encontrado em uma ampla gama de indústrias nos próximos anos.

Vantagens do Poliestireno Expandido

1. Na Construção

As aplicações do EPS na construção civil são extraordinariamente variadas, salientando que além de ser um excelente material de isolamento térmico/acústico, pode também ser um sistema construtivo.

Diversos são os exemplos do emprego de EPS em sistemas isolantes de coberturas, paredes e pavimentos, tal como em todo o tipo de obras, desde os grandes viadutos, estradas, grandes edifícios até à pequena moradia. E ainda, ao substituir elementos construtivos “tradicionais” por outros em EPS, obtém-se um produto final com um melhor rendimento energético, tendo assim um comportamento favorável com o meio ambiente.

Veja as vantagens do uso do EPS na Construção:

EPS possui baixa condutibilidade térmica, a estrutura de células fechadas, cheias de ar, dificulta a passagem do calor. Gerando ao EPS um grande poder isolante.
As densidades do EPS variam entre os 10-30 kg/m3, permitindo uma redução substancial do peso das construções.
Apesar de muito leve, o EPS possui uma resistência mecânica elevada. Permitindo o seu uso onde esta característica é necessária.
EPS possui baixa absorção de água e é insensível à umidade. O EPS não é higroscópio. Mesmo quando imerso em água ele absorve apenas pequenas quantidades. Garantindo as suas características térmicas e mecânicas mesmo sob a ação da umidade.
Fácil de manusear, o EPS é um material que se trabalha com ferramentas habitualmente disponíveis, garantindo a sua adaptação perfeita à obra.
O baixo peso do EPS facilita o seu manuseio.
EPS é compatível com a maioria dos materiais utilizados na construção civil, tais como cimento, gesso, cal, água, dentre outros.
EPS pode apresentar-se em diversos tamanhos e formas, que se ajustam sempre às necessidades específicas da construção.
EPS é muito resistente ao envelhecimento Todas as propriedades do material mantêm-se inalteradas ao decorrer de sua vida, que é pelo menos tão longa quanto a vida da construção de que faz parte.
O EPS não apodrece nem ganha bolor, não é solúvel em água nem liberta substancias para o ambiente. Ele também não constitui substrato ou alimento para o desenvolvimento de animais ou microrganismos.

2. Na Embalagem

A utilização de embalagens de EPS apresenta muitas vantagens, além de reduzir custos e ganhar em produtividade. Elas são produzidas a partir de projetos específicos, de acordo com as necessidades de cada cliente e de cada produto, garantindo assim, uma proteção eficiente durante o transporte, manuseio, armazenamento e distribuição das mercadorias.

Os produtos industriais encontram no EPS o material ideal para uma proteção integral. O EPS confere uma proteção aos produtos contra todos os riscos provenientes de seu transporte e de seu manuseio.

Desde os delicados produtos farmacêuticos aos grandes eletrodomésticos.

Isopor
Isopor Embalagens

No ramo alimentar, as embalagens em EPS contribuem ainda para uma ótima conservação dos produtos de gênero alimentício.

Nestes casos o EPS reduz significativamente o risco dos alimentos se deteriorarem durante o seu transporte.

Veja as vantagens do uso do EPS em Embalagens:

O EPS é um isolante térmico. O baixo coeficiente de condutibilidade térmica do EPS permite ao produto embalado, manter-se à temperatura desejada e chegar ao seu destino em condições perfeitas para o consumo.
O EPS não é higroscópio e oferece uma elevada resistência à passagem do vapor, características que lhe conferem uma grande resistência à ação da água e da umidade, permitindo manter inalteradas as suas propriedades, bem como a dos produtos embalados.
O EPS é higiênico e totalmente inócuo. Ele não constitui substrato ou alimento para o desenvolvimento de microrganismos, não absorve umidade nem liberta qualquer substância, podendo assim estar em contato direto com os produtos alimentares sem lhes alterar as características.
O baixo peso das embalagens de EPS determina grandes economias no transporte e por conseqüência a diminuição de recursos. É possível empilhar as embalagens de EPS tanto no armazém como durante o transporte e no ponto de venda.
Tomando em conta os diversos parâmetros como as quebras, mão de obra, manuseio, baixo peso, transporte e armazenagem, a embalagem em EPS resulta em um ótimo custo/beneficio.
A superfície lisa e suave do EPS, bem como as suas características mecânicas, permite o seu manuseio em perfeita segurança, tal como o seu armazenamento fácil e racional.
O EPS respeita o meio ambiente. A sua fabricação emprega menos recursos naturais que outros materiais de embalagem, não contem qualquer produto tóxico ou perigoso para o ambiente ou para a camada de ozônio. Ele está isento de CFC e é totalmente reciclável.

Fonte: www.earthresource.org/www.aldymentor.org.br/www.centelhas.com.br/www.chemicalsafetyfacts.org/www.chemicalsafetyfacts.org

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Predação

PUBLICIDADE Na ecologia, a predação é um mecanismo de controle populacional. Assim, quando o número de predadores …

Desequilíbrio ambiental

PUBLICIDADE Desequilíbrio ambiental – O que é O desequilíbrio ambiental é uma das questões ambientais que mais …

Competição Ecológica

PUBLICIDADE Competição Ecológica – O que é A competição ecológica é a luta entre dois organismos pelos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.