Breaking News
QUESTION 1 You have a hybrid Exchange Server 2016 organization. Some of the mailboxes in the research department are hosted on-premises. Other mailboxes in the research department are stored in Microsoft Office 365. You need to search the mailboxes in the research department for email messages that contain a specific keyword in the message body. What should you do? A. From the Exchange Online Exchange admin center, search the delivery reports. B. Form the on-premises Exchange center, search the delivery reports. C. From the Exchange Online Exchange admin SY0-401 exam center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. D. From the Office 365 Compliance Center, create a new Compliance Search. E. From the on-premises Exchange admin center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. Correct Answer: E QUESTION 2 You have an Exchange Server 2016 organization. You plan to enable Federated Sharing. You need to create a DNS record to store the Application Identifier (AppID) of the domain for the federated trust. Which type of record should you create? A. A B. CNAME C. SRV D. TXT Correct Answer: D QUESTION 3 Your company has an Exchange Server 2016 200-310 exam Organization. The organization has a four- node database availability group (DAG) that spans two data centers. Each data center is configured as a separate Active Directory site. The data centers connect to each other by using a high-speed WAN link. Each data center connects directly to the Internet and has a scoped Send connector configured. The company's public DNS zone contains one MX record. You need to ensure that if an Internet link becomes unavailable in one data center, email messages destined to external recipients can 400-101 exam be routed through the other data center. What should you do? A. Create an MX record in the internal DNS zone B. B. Clear the Scoped Send Connector check box C. Create a Receive connector in each data center. D. Clear the Proxy through Client Access server check box Correct Answer: AQUESTION 4 Your network contains a single Active Directory forest. The forest contains two sites named Site1 and Site2. You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains two servers in each site. You have a database availability group (DAG) that spans both sites. The file share witness is in Site1. If a power failure occurs at Site1, you plan to mount the databases in Site2. When the power is restored in Site1, you Cisco CCNP Security 300-207 exam SITCS need to prevent the databases from mounting in Site1. What should you do? A. Disable AutoReseed for the DAG. B. Implement an alternate file share witness. C. Configure Datacenter Activation Coordination (DAC) mode. D. Force a rediscovery of the EX200 exam network when the power is restored. Correct Answer: C QUESTION 5 A new company has the following: Two offices that connect to each other by using a low-latency WAN link In each office, a data center that is configured as a separate subnet Five hundred users in each office You plan to deploy Exchange Server 2016 to the network. You need to recommend which Active Directory deployment to use to support the Exchange Server 2016 deployment What is the best recommendation to achieve the goal? A. Deploy two forests that each contains one site and one site link. Deploy two domain controllers to each forest. In each forest configure one domain controller as a global catalog server B. Deploy one forest that contains one site and one site link. Deploy four domain controllers. Configure all of the domain controllers as global catalog servers. C. Deploy one forest that contains two sites and two site links. Deploy two domain controllers to each site in each site, configure one domain controller as a global catalog server D. Deploy one forest that contains two sites and one site link. Deploy two domain controllers to each site. Configure both domain controllers as global catalog servers Correct Answer: C QUESTION 6 How is the IBM Content Template Catalog delivered for installation? A. as an EXE file B. as a ZIP file of XML files C. as a Web Appli cati on Archive file D. as a Portal Application Archive file Correct Answer: D QUESTION 7 Your company has a data center. The data center contains a server that has Exchange Server 2016 and the Mailbox server role installed. Outlook 300-101 exam anywhere clients connect to the Mailbox server by using thename outlook.contoso.com. The company plans to open a second data center and to provision a database availability group (DAG) that spans both data centers. You need to ensure that Outlook Anywhere clients can connect if one of the data centers becomes unavailable. What should you add to DNS? A. one A record B. two TXT records C. two SRV records D. one MX record Correct Answer: A QUESTION 8 You have an Exchange Server 2016 EX300 exam organization. The organization contains a database availability group (DAG). You need to identify the number of transaction logs that are in replay queue. Which cmdlet should you use? A. Test-ServiceHealth B. Test-ReplicationHealth C. Get-DatabaseAvailabilityGroup D. Get-MailboxDatabaseCopyStatus Correct Answer: D QUESTION 9 All users access their email by using Microsoft Outlook 2013 From Performance Monitor, you discover that the MSExchange Database\I/O Database Reads Average Latency counter displays values that are higher than normal You need to identify the impact of the high counter values on user connections in the Exchange Server organization. What are two client connections 400-051 exam that will meet performance? A. Outlook on the web B. IMAP4 clients C. mobile devices using Exchange ActiveSync D. Outlook in Cached Exchange ModeE. Outlook in Online Mode Correct Answer: CE QUESTION 10 You work for a company named Litware, Inc. that hosts all email in Exchange Online. A user named User1 sends an email message to an Pass CISCO 300-115 exam - test questions external user User 1 discovers that the email message is delayed for two hours before being delivered. The external user sends you the message header of the delayed message You need to identify which host in the message path is responsible for the delivery delay. What should you do? A. Review the contents of the protocol logs. B. Search the message tracking logs. C. Search the delivery reports 200-355 exam for the message D. Review the contents of the application log E. Input the message header to the Exchange Remote Connectivity Analyzer Correct Answer: E QUESTION 11 You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains three Mailbox servers. The servers are configured as shown in the following table You have distribution group named Group1. Group1 contains three members. The members are configured as shown in the following table. You discover that when User1 sends email messages to Group1, all of the messages are delivered to EX02 first. You need to identify why the email messages sent to Group1 are sent to EX02 instead. What should you identify? A. EX02 is configured as an expansion server. B. The arbitration mailbox is hosted 300-320 exam on EX02.C. Site2 has universal group membership caching enabled. D. Site2 is configured as a hub site. Correct Answer: A
Home / Meio Ambiente / Lixo Agrícola

Lixo Agrícola

PUBLICIDADE

Lixo Agrícola
Pecuária intensiva implica manter muitos animais em pequenas áreas, como nesta foto da Austrália.

Mais da metade do lixo produzido pela Comunidade Econômica Européia vem das fazendas.

Esse enorme acúmulo é o resultado de mudanças nos métodos agrícolas nesses últimos 30 anos.

Tradicionalmente, como ainda ocorre em muitos pontos do Brasil, os animais são mantidos nos campos, enquanto diferentes plantações são feitas em sistema de rotação, para a conservação saudável do solo. As fazendas eram “mistas”, isto é, tinham criação de animais e plantações. No decorrer dos anos, as culturas têm se tornado mais especializadas e intensivas. Mais animais são criados, mas em espaços menores e, muitas vezes, em recintos fechados. Os fazendeiros podem produzir mais alimentos desse modo, mas os animais exigem mais cuidados.

A alimentação do gado tem de ser levada até eles, e suas sujeiras precisam ser eliminadas. Nessas fazendas, as plantações crescem intensivamente e um fazendeiro pode plantar trigo, ano após ano, usando fertilizantes para enriquecer o solo melhor que com o método rotativo.

Lixo Agrícola
Animais criados na pecuária intensiva produzem muito lixo, que é estocado em lagoas de sujeira ou fossos.
Muitas vezes ele vaza pela terra, poluindo a água subterrânea.

Lixo animal

A pecuária intensiva exige mais animais, que, por sua vez, produzem mais esterco. As fazendas de criação de gado, na Austrália e na América, são forçadas a tratar grandes quantidades de estrume. A Grã-Bretanha, sozinha, produz cerca de 20 milhões de toneladas por ano! Tamanha quantidade não pode ser reciclada naturalmente. Então, sistemas têm sido desenvolvidos para armazenar e dispor desse esterco. Na fazenda, esse lixo é mantido em fossos e depois espalhado sobre os campos. Se for mal espalhado, formando camadas espessas, os ciclos naturais de decomposição não ocorrerão. Isso faz com que uma certa quantidade desse lixo seja levado para os lençóis freáticos ou para rios e riachos, causando a poluição da água. Os fossos também podem vazar para as águas dos rios.

A poluição de rios e riachos está, sem dúvida, aumentando, e muitos incidentes estão ligados às práticas da pecuária.

A poluição dos rios e riachos por lixo orgânico pode ameaçar os ciclos vitais aquáticos. Lixo que cai na água é gradualmente decomposto por microrganismos, mas esses consomem muito oxigênio quando eliminam os poluentes. Isso pode resultar numa diminuição da disponibilidade de oxigênio a outros seres vivos, como peixes e plantas.

Fertilizantes

Os nitratos que os fertilizantes contêm promovem o crescimento de algas que impedem a oxigenação dos outros seres vivos na água.

Fazendas modernas usam fertilizantes químicos que contêm nitrogênio, para que as plantas cresçam mais rapidamente e para que aumente a produção de alimentos. Todas as plantas precisam de minerais, como o potássio, o nitrogênio e o fósforo, para crescerem. Um solo sadio pode proporcionar tudo isso, mas com o uso de fertilizantes artificiais se conseguem melhores resultados. O nitrogênio do fertilizante é decomposto pelo solo para produzir nitratos, retirados pelas plantas. Fertilizantes em excesso produzem muito nitrato e uma porção dele, que não é absorvida pelas plantas, acaba sendo levada pela chuva para os lençóis freáticos e rios. Novamente a água fica poluída, dessa vez pelos nitratos.

A água de rios e riachos é utilizada para prover água potável e há agora preocupação sobre o alto nível de nitrato saindo pelas torneiras. Calcula-se que a poluição das águas por esse elemento esteja relacionada a várias doenças, inclusive o câncer do estômago e a síndrome do “bebê azul”. A Comunidade Econômica Européia estabeleceu padrões para o nível de nitrato na água potável européia, mas nem sempre eles têm sido respeitados. Em 1987, a Yorkshire Water Authority, órgão britânico responsável pela fiscalização da qualidade da água, teve de se desfazer de garrafas de água para bebês, dados os elevados níveis de nitrato.

Montanhas de grãos e lagos de leite

Fazendeiros tomaram mais eficiente a produção de alimentos, mas estarão eles produzindo demais? Na Comunidade Econômica Européia, há um grande excedente de alimentos e, para manter baixos seus preços, o que sobra é destruído ou estocado. Em 1985, 411 couves-flores, 48 pêssegos, 100 kg de tangerinas, 34 kg de tomates, 1358 laranjas e 1648 limões foram destruídos a minuto pela CEE, por causa da superprodução da agricultura. Montanhas de grãos e manteiga, lagos de vinho e leite são produzidos pela agricultura na Europa. Se menos alimentos fossem produzidos, haveria menos poluição e lixo, então seria sensato produzir-se menos alimentos. Contudo, os fazendeiros dependem da produção de alimentos para poderem sobreviver.

Lixo agrícola

É o lixo que vem das áreas rurais. É o resto de colheitas, as sobras de fertilizantes, agrotóxicos, esterco, rações e produtos veterinários.

Resíduos sólidos das atividades agrícolas e pecuárias, como embalagens de adubos, defensivos agrícolas, ração, restos de colheita, etc. 

Em várias regiões do mundo estes resíduos já constituem uma preocupação crescente, destacando-se as enormes quantidades de esterco animal geradas nas fazendas de pecuária intensiva. Também as embalagens de agroquímicos diversos, em geral altamente tóxicos, têm sido alvo de legislação específica, definindo os cuidados no seu destino final e, por vezes, co-responsabilizando a própria indústria fabricante desses produtos.  

Fonte: www.conhecimentosgerais.com.br

Lixo Agrícola

O que é

Resíduos agrícolas é qualquer substância ou objeto de instalações utilizadas para agricultura ou horticultura, que o detentor se desfaz, pretende descartar ou tem a obrigação de se desfazer. É especificamente resíduos gerados por atividades agrícolas.

Por exemplo, os resíduos que veio de uma fazenda ou uma fábrica de embalagem vegetal não seria resíduos agrícolas.

Alguns exemplos de resíduos agrícolas são:

Embalagens de agrotóxicos;
Velho envoltório silagem;
Medicamentos e vermífugos data;
Pneus usados;
Leite excedente.

Fonte: www.environment-agency.gov.uk

Lixo Agrícola

O lixo agrícola, principalmente os fertilizantes e esterco,  quando é jogado fora de forma incorreta, é levado pela água da chuva até rios ou para lençóis freáticos e polui a água.

Resíduos sólidos das atividades agrícolas e da pecuária, como embalagens de adubos, defensivos agrícolas, ração, restos de colheita, etc.. Em várias regiões do mundo, estes resíduos já constituem uma preocupação crescente, destacando-se as enormes quantidades de esterco animal geradas nas fazendas de pecuária intensiva.

Também as embalagens de agroquímicos diversos, em geral altamente tóxicos, têm sido alvo de legislação específica, definindo os cuidados na sua destinação final e, por vezes, co-responsabilizando a própria indústria fabricante destes produtos.

No entanto, estes resíduos podem se transformar em fontes de geração de receitas, bem como ajudar a desencadear um processo contínuo de conscientização da preservação do meio ambiente e das fontes renováveis de energia.

O uso de fertilizantes orgânicos e organominerais na agricultura constitui uma prática em ascensão pela ampla disseminação dos seus efeitos benéficos causados nos solos e nas plantas.

Outro fator que alavanca o seu uso é a despoluição ambiental, pela utilização de subprodutos como fonte alternativa destes adubos constituídos de matérias orgânicas e nutrientes prontamente disponíveis para as plantas. O lixo transformado em insumo agrícola pode beneficiar comunidades carentes.

Fonte: Espaço Ecológico

Lixo Agrícola

Casca de laranja, bagaço da cana e resíduos agrícolas em geral. Muitos desses produtos, cujo destino comum é o lixo, podem ser reaproveitados como matéria-prima para a produção de energia limpa a partir do biogás. A GEO Energética, empresa brasileira com sede no Paraná, aplica essa tecnologia no Brasil, investindo em projetos e pesquisas nessa área.

Em entrevista à agência Bloomberg na semana passada, o CEO da companhia, Alessandro Gardmann, disse que R$ 35 milhões serão investidos para quadruplicar a capacidade de um projeto de cana de açúcar no Paraná. A planta terá 16 megawatts de capacidade e produzirá 12 mil metros cúbicos de biometano por dia a partir de 2014.

Gardmann acrescentou que um segundo contrato deve ser assinado em breve para construir uma unidade similar na região Centro-Oeste. Paralelamente, a GEO Energética investe R$ 1,5 milhões por ano em pesquisas nessa área.

Biodigestão

A mágica por trás desse negócio que tem movimentado milhões é um processo químico simples, conhecido já há muito tempo: a biodigestão ou digestão anaeróbica. Bactérias presentes naturalmente na natureza decompõem os compostos orgânicos e os transformam em gás e adubo.

O que a GEO tem feito é utilizar esse biogás, chamado por Gardemann de Gás Natural Verde, para produzir energia elétrica em grande escala. Ele é usado para movimentar motores que acabam gerando a eletricidade. Ela é distribuída para o mercado livre brasileiro por meio de uma subestação da própria empresa.

Os benefícios desse processo são muitos. Além da geração de valor comercial dos dejetos agrícolas, há uma destinação para os resíduos orgânicos (que não se acumularão mais no meio ambiente) e também a captura do carbono que seria liberado na atmosfera, reduzindo a emissão de gases causadores do efeito estufa.

Destinação de resíduos sólidos agora é lei

No Brasil, há uma legislação recente sobre o tema: o decreto 7.404 de 2010 que regulamenta a lei da Política Nacional de Resíduos Sólidos. Entre as várias ações previstas por essa regulamentação, está o estímulo ao aumento da produção de energia renovável no país a partir da biomassa.

Fonte: asboasnovas.com

Conteúdo Relacionado

 

Veja também

Dragagem

Dragagem

Draga é um navio usado para escavar material, sob o nível da água, e aumentando o material extraído da superfície.

Fitorremediação

Fitorremediação

PUBLICIDADE O fitorremediação é a descontaminação de solo, o tratamento de águas residuais ou de …

Buraco na Camada de Ozônio

Buraco na Camada de Ozônio

PUBLICIDADE Os furos na camada de ozono, são causados pelo aumento das concentrações de produtos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

300-209 exam 70-461 exam hp0-s41 dumps 640-916 exam 200-125 dumps 200-105 dumps 100-105 dumps 210-260 dumps 300-101 dumps 300-206 dumps 400-201 dumps Professor Messer's CompTIA N10-006 exam Network+