Breaking News

403 Forbidden

Request forbidden by administrative rules.
Home / Química / Adenina

Adenina

PUBLICIDADE

Definição

Um composto químico usado para fazer um dos blocos de construção de DNA e RNA. Também faz parte de muitas substâncias no corpo que dão energia às células. A adenina é um tipo de purina.

A (adenina): na genética, A significa adenina, um membro do par de bases A-T (adenina-timina) no DNA. O outro par de bases no DNA é o G-C (guanina-citosina).

Cada par de bases forma um “degrau da escada de DNA”.

Um nucleotídeo de DNA é formado por uma molécula de açúcar, uma molécula de ácido fosfórico e uma molécula chamada base.

As bases são as “letras” que explicitam o código genético.

No DNA, as letras de código são A, T, G e C, que representam os produtos químicos adenina, timina, guanina e citosina, respectivamente. No emparelhamento de bases de DNA, a adenina sempre emparelha com timina e a guanina sempre emparelha com citosina.

A adenina também é uma das bases do RNA. Lá sempre emparelha com uracilo (U). Os pares de bases no RNA são, portanto, A-U e G-C.

O que é

A adenina é uma das nucleobases presentes no ácido desoxirribonucleico (DNA) e no ácido ribonucleico (RNA), a informação genética armazenada nos organismos.

É uma substância frequentemente estudada em bioquímica devido aos seus muitos papéis importantes nos corpos dos organismos.

Tem a fórmula química C5H5N5.

É uma purina, o que significa que é um tipo de composto orgânico composto por átomos de carbono e nitrogênio dispostos na forma de dois anéis.

DNA e RNA são ácidos nucleicos extraordinariamente importantes porque contêm as informações genéticas usadas para o crescimento, reparo, desenvolvimento e reprodução de todos os organismos.

Cada um deles é composto de quatro nucleobases: o DNA é composto de adenina, timina, guanina e citosina.

O RNA é composto do mesmo, mas com uracil em vez de timina. Os arranjos dessas nucleobases determinam a natureza exata do código genético contido no DNA ou RNA.

A adenina é uma dessas nucleobases, portanto é de extrema importância para a estrutura genética de todos os organismos vivos.

No DNA, a adenina se liga apenas à timina. Ele o faz com duas fortes ligações de hidrogênio, tornando difícil a quebra e o código difícil de danificar.

No RNA, a adenina se liga ao uracil; os tipos específicos de reações em que o RNA está envolvido favorecem o uracilo à timina.

Em ambos os casos, o arranjo particular de nucleobases determina as propriedades genéticas do ácido nucleico.

Pensou-se inicialmente que a adenina era na verdade vitamina B4. Não é mais considerado uma parte direta da família das vitaminas B, embora algumas vitaminas B se liguem a ela com efeitos variados.

Isso se aplica principalmente à niacina e riboflavina, que se ligam a ela para formar cofatores, necessários para que algumas proteínas funcionem adequadamente.

A adenina não é encontrada exclusivamente em ácidos nucleicos; muitas substâncias diferentes, como algumas misturas de chá, na verdade contêm a nucleobase.

Também pode formar uma variedade de compostos que são muito comuns na natureza e em alguns alimentos e bebidas.

O cobalamim, mais comumente chamado de vitamina B12, é na verdade um composto de adenina conhecido por seus efeitos energéticos e é um antidepressivo natural.

O trifosfato de adenosina (ATP) é outro composto que contém adenina; é conhecida por seu papel como uma importante fonte de energia derivada da respiração celular.

A glicose é decomposta em ATP, que é uma molécula contendo energia muito significativa usada por uma grande variedade de organismos.

Adenina – Composto

Adenina, composto orgânico pertencente à família das purinas, que ocorre livre no chá ou combinado em muitas substâncias de importância biológica, incluindo os ácidos nucléicos, que governam as características hereditárias de todas as células.

A decomposição parcial dos ácidos ribonucleico e desoxirribonucléico produz misturas das quais os compostos ácido adenílico e ácido desoxiadenílico, respectivamente, podem ser separados.

Esses ácidos, chamados nucleotídeos, são ésteres de fosfato de adenosina e desoxiadenosina, que são unidades menores (nucleosídeos) compostas de adenina e ribose ou desoxirribose.

Os compostos de adenina incluem vitamina B12, bem como trifosfato de adenosina e outras coenzimas (substâncias que atuam em conjunto com enzimas).

Adenina – Estrutura

Estruturas complexas geralmente são compostas de componentes menores ou blocos de construção.

Por exemplo, uma casa é construída com uma combinação de partes menores, como madeira, tijolos, portas e janelas.

Organismos vivos são construídos da mesma maneira; suas moléculas são compostas por muitas moléculas e átomos menores. A adenina é um elemento importante para a vida.

É uma das quatro bases nitrogenadas encontradas no ácido desoxirribonucleico (DNA) e no ácido ribonucleico (RNA). DNA e RNA contêm o código genético de todos os seres vivos, incluindo seres humanos, plantas, animais, fungos e muitos microorganismos.

A adenina ajuda a estabilizar a porção de ácido nucleico dessas moléculas. Além disso, a adenina é encontrada no trifosfato de adenosina (ATP), uma molécula que carrega a energia necessária para o trabalho nas células.

Estrutura do DNA

A maioria do DNA é encontrada dentro do núcleo de uma célula, onde forma os cromossomos. Os cromossomos têm proteínas chamadas histonas que se ligam ao DNA.

O DNA tem dois fios que se torcem na forma de uma escada em espiral chamada hélice.

O DNA é composto de quatro blocos de construção chamados nucleotídeos: adenina (A), timina (T), guanina (G) e citosina (C).

Os nucleotídeos se ligam (A com T e G com C) para formar ligações químicas chamadas pares de bases, que conectam as duas cadeias de DNA.

Os genes são pequenos pedaços de DNA que carregam informações genéticas específicas.

O DNA é formado por quatro nucleobases: adenina, timina, guanina e citosina

Fonte: www.cancer.gov/www.dictionary.com/www.newworldencyclopedia.org/www.wisegeek.org/www.medicinenet.com/pubchem.ncbi.nlm.nih.gov/www.ebi.ac.uk/dictionary.cambridge.org

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Isoleucina

PUBLICIDADE A isoleucina é um aminoácido essencial encontrado nas proteínas; isomérico com leucina. Leucina, valina …

Estado Padrão

PUBLICIDADE A definição de estado padrão da IUPAC(União Internacional de Química Pura e Aplicada) é: …

Fosforilação

PUBLICIDADE Definição Fosforilação é um processo bioquímico que envolve a adição de fosfato a um …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

403 Forbidden

Request forbidden by administrative rules.