Breaking News
QUESTION 1 You have a hybrid Exchange Server 2016 organization. Some of the mailboxes in the research department are hosted on-premises. Other mailboxes in the research department are stored in Microsoft Office 365. You need to search the mailboxes in the research department for email messages that contain a specific keyword in the message body. What should you do? A. From the Exchange Online Exchange admin center, search the delivery reports. B. Form the on-premises Exchange center, search the delivery reports. C. From the Exchange Online Exchange admin SY0-401 exam center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. D. From the Office 365 Compliance Center, create a new Compliance Search. E. From the on-premises Exchange admin center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. Correct Answer: E QUESTION 2 You have an Exchange Server 2016 organization. You plan to enable Federated Sharing. You need to create a DNS record to store the Application Identifier (AppID) of the domain for the federated trust. Which type of record should you create? A. A B. CNAME C. SRV D. TXT Correct Answer: D QUESTION 3 Your company has an Exchange Server 2016 200-310 exam Organization. The organization has a four- node database availability group (DAG) that spans two data centers. Each data center is configured as a separate Active Directory site. The data centers connect to each other by using a high-speed WAN link. Each data center connects directly to the Internet and has a scoped Send connector configured. The company's public DNS zone contains one MX record. You need to ensure that if an Internet link becomes unavailable in one data center, email messages destined to external recipients can 400-101 exam be routed through the other data center. What should you do? A. Create an MX record in the internal DNS zone B. B. Clear the Scoped Send Connector check box C. Create a Receive connector in each data center. D. Clear the Proxy through Client Access server check box Correct Answer: AQUESTION 4 Your network contains a single Active Directory forest. The forest contains two sites named Site1 and Site2. You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains two servers in each site. You have a database availability group (DAG) that spans both sites. The file share witness is in Site1. If a power failure occurs at Site1, you plan to mount the databases in Site2. When the power is restored in Site1, you Cisco CCNP Security 300-207 exam SITCS need to prevent the databases from mounting in Site1. What should you do? A. Disable AutoReseed for the DAG. B. Implement an alternate file share witness. C. Configure Datacenter Activation Coordination (DAC) mode. D. Force a rediscovery of the EX200 exam network when the power is restored. Correct Answer: C QUESTION 5 A new company has the following: Two offices that connect to each other by using a low-latency WAN link In each office, a data center that is configured as a separate subnet Five hundred users in each office You plan to deploy Exchange Server 2016 to the network. You need to recommend which Active Directory deployment to use to support the Exchange Server 2016 deployment What is the best recommendation to achieve the goal? A. Deploy two forests that each contains one site and one site link. Deploy two domain controllers to each forest. In each forest configure one domain controller as a global catalog server B. Deploy one forest that contains one site and one site link. Deploy four domain controllers. Configure all of the domain controllers as global catalog servers. C. Deploy one forest that contains two sites and two site links. Deploy two domain controllers to each site in each site, configure one domain controller as a global catalog server D. Deploy one forest that contains two sites and one site link. Deploy two domain controllers to each site. Configure both domain controllers as global catalog servers Correct Answer: C QUESTION 6 How is the IBM Content Template Catalog delivered for installation? A. as an EXE file B. as a ZIP file of XML files C. as a Web Appli cati on Archive file D. as a Portal Application Archive file Correct Answer: D QUESTION 7 Your company has a data center. The data center contains a server that has Exchange Server 2016 and the Mailbox server role installed. Outlook 300-101 exam anywhere clients connect to the Mailbox server by using thename outlook.contoso.com. The company plans to open a second data center and to provision a database availability group (DAG) that spans both data centers. You need to ensure that Outlook Anywhere clients can connect if one of the data centers becomes unavailable. What should you add to DNS? A. one A record B. two TXT records C. two SRV records D. one MX record Correct Answer: A QUESTION 8 You have an Exchange Server 2016 EX300 exam organization. The organization contains a database availability group (DAG). You need to identify the number of transaction logs that are in replay queue. Which cmdlet should you use? A. Test-ServiceHealth B. Test-ReplicationHealth C. Get-DatabaseAvailabilityGroup D. Get-MailboxDatabaseCopyStatus Correct Answer: D QUESTION 9 All users access their email by using Microsoft Outlook 2013 From Performance Monitor, you discover that the MSExchange Database\I/O Database Reads Average Latency counter displays values that are higher than normal You need to identify the impact of the high counter values on user connections in the Exchange Server organization. What are two client connections 400-051 exam that will meet performance? A. Outlook on the web B. IMAP4 clients C. mobile devices using Exchange ActiveSync D. Outlook in Cached Exchange ModeE. Outlook in Online Mode Correct Answer: CE QUESTION 10 You work for a company named Litware, Inc. that hosts all email in Exchange Online. A user named User1 sends an email message to an Pass CISCO 300-115 exam - test questions external user User 1 discovers that the email message is delayed for two hours before being delivered. The external user sends you the message header of the delayed message You need to identify which host in the message path is responsible for the delivery delay. What should you do? A. Review the contents of the protocol logs. B. Search the message tracking logs. C. Search the delivery reports 200-355 exam for the message D. Review the contents of the application log E. Input the message header to the Exchange Remote Connectivity Analyzer Correct Answer: E QUESTION 11 You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains three Mailbox servers. The servers are configured as shown in the following table You have distribution group named Group1. Group1 contains three members. The members are configured as shown in the following table. You discover that when User1 sends email messages to Group1, all of the messages are delivered to EX02 first. You need to identify why the email messages sent to Group1 are sent to EX02 instead. What should you identify? A. EX02 is configured as an expansion server. B. The arbitration mailbox is hosted 300-320 exam on EX02.C. Site2 has universal group membership caching enabled. D. Site2 is configured as a hub site. Correct Answer: A
Home / Química / Teoria do Octeto

Teoria do Octeto

O que é a Teoria do Octeto?

PUBLICIDADE

A Teoria do Octeto está sustentada pelo seguinte postulado: Átomos compartilham elétrons até atingirem a configuração eletrônica de um gás nobre, que possuem 8 elétrons na camada mais externa, ou seja, na camada de valência.

Com o desenvolvimento dos estudos sobre propriedades da matéria, ligações químicas e do elétron, tornou-se uma necessidade saber como os átomos se agrupam para compor os materiais bem como saber explicar as propriedades químicas e físicas desses materiais.Neste sentido, o químico norte-americano Gilbert Newton Lewis (1875 a 1946) e o físico alemão Walter Ludwig Julius Kossel (1888 a 1956) desenvolveram a teoria do octeto.

Para Lewis e Kossel a valência de um átomo no seu estado fundamental pode ser compreendida como a capacidade de um átomo, perder, ganhar ou compartilhar um par de elétrons a fim de promover um abaixamento de energia para formar uma ligação química. Isto é, o ganho ou a perda de elétrons dentro de um fenômeno reativo é compensatório do ponto de vista energético quando os átomos se agrupam na conformação estrutural de maior estabilidade eletrônica. Os agrupamentos de átomos são mais estáveis quando comparados aos átomos isolados no estado gasoso.

Os gases nobres são os únicos elementos mais estáveis (inertes) que existem como átomos isolados em seu estado gasoso. Com exceção do gás hélio (He) que é estável com dois elétrons na camada mais externa de energia(camada de valência), os demais gases nobres apresentam a configuração eletrônica: ns2np6, ou seja, apresentam 8 elétrons na camada de valência.

Portanto, a teoria do octeto estabelece que os átomos tendem a perder, ganhar ou compartilhar elétrons atingindo a configuração eletrônica de um gás nobre, poisa teoria sugere que o estado de maior estabilidade eletrônica é o arranjo de átomos com 8 elétrons na camada de valência.

Vejamos alguns exemplos:

– O elemento cloro (Cl) de Z = 17, apresenta a seguinte configuração eletrônica:

Cl  →  1s22s22p63s23p5

São sete elétrons na camada de valência (3s23p5). Para completar o octeto os átomos de cloro atraem um elétron para si, ou seja, o Cl ganha 1 elétron. Desse modo:

Cl 1s22s22p63s23p6  Z= 18

O íon cloreto (Cl⁻) apresenta 8 elétrons na camada de valência, pela teoria, esta espécie química apresenta a configuração eletrônica de maior estabilidade energética.

Os não metais que têm a camada de valência quase completa, tendem a ganhar elétrons para completar o octeto. Exemplos desses elementos se encontram na família 6A e 7A da tabela periódica.

– O elemento Oxigênio (O) de Z = 8, apresenta a seguinte configuração eletrônica:

O → 1s22s22p4

São seis elétrons na camada de valência (2s22p4). Para completar o octeto os átomos de oxigênio atraem dois elétrons para si, ou seja, o O ganha 2 elétrons. Deste modo, na formação da molécula de água, por exemplo, cada Hidrogênio (H) compartilha 1 elétron com o O. Assim, para completar o octeto, tem-se:

Teoria do Octeto

O carbono (C) apresenta 4 elétrons de valência, podem compartilhar quatro elétrons para completar o octeto. O Nitrogênio (N) apresenta 5 elétrons na camada de valência, podem compartilhar 3 elétrons para completar o octeto.  Exemplos:

Teoria do Octeto

– O elemento Sódio (Na), metal alcalino da família 1A de Z = 11, apresenta a seguinte configuração eletrônica:

Na → 1s22s22p63s1

Há 1 elétron na camada de valência (3s1). Neste caso, o Na perde 1 elétron para ficar com a camada anterior com o octeto completo. Deste modo, tem-se:

Na → 1s22s22p6

O cátion Na+ apresenta 8 elétrons na camada mais externa, pela teoria, esta espécie química apresenta a configuração eletrônica de maior estabilidade energética.

Os metais alcalinos e alcalinos terrosos têm tendência a perder elétrons para ficar com o octeto completo.

Neste sentido, o átomo de Na perde um elétron formando um cátion (Na+ : 1s22s22p6) ficando com 8 elétrons na camada de valência. A tendência do cloro é receber 1 elétron para completar a camada de valência, formando um ânion (Cl: 1s22s22p63s23p6). Desse modo, temos:

Teoria do Octeto

Tendências das Famílias

Teoria do Octeto

Exceções à Teoria do Octeto

Alguns elementos são exceções e não correspondem a teoria do octeto, essa característica está relacionada com as propriedades dos elementos e da forma como os átomos se organizam para compor uma molécula, estrutura ou composto.

Esses elementos são considerados exceções devido ao tamanho do raio iônico, da quantidade de elétrons que os átomos desses elementos podem acomodar na camada de valência (excesso ou deficiência de elétrons). Desta forma, são estáveis mesmo com um número de elétrons menor ou maior que oito na camada de energia mais externa. Exemplos:

 Hidrogênio – Acomoda no máximo 2 elétrons na camada de valência, portanto, compartilha somente 2 elétrons com outro átomo para formar um composto.

H = 1s1 → Camada de valência (CV).

Exemplos: H2; CH4.

Berílio: o berílio possui 2 elétrons na camada de valência, portanto faz duas ligações covalentes podendo acomodar dois pares de elétrons ao seu redor.

Be = 1s22s2 → CV

Exemplo: BeCl2.

Boro: o boro possui 3 elétrons na camada de valência formando 3 ligações covalentes, podendo acomodar até 6 elétrons no subnível p. Por ser uma espécie deficiente em elétrons apresenta tendência a receber um par de elétrons de outro átomo ou íon para completar o octeto.

B = 1s22s22p1 → CV

Exemplo: BF3.

Alumínio: Haletos de alumínio podem compor estruturas cujo o Al apresenta deficiência de elétrons.

Al = 1s22s22p63s23p1 → CV

Exemplo: Al2Cl6;AlCl3

Teoria do Octeto

Elementos não metálicos do terceiro período da tabela periódica ou de períodos mais abaixo, apresentam orbitais disponíveis podendo acomodar mais de 4 pares de elétrons de valência ou até 5, 6 ou 7 pares a mais. É o que chamamos de camada de valência expandida, como por exemplos, o P; Si; S. Isso se deve ao tamanho do átomo central na configuração de uma estrutura química. Átomos grandes acomodam um número maior de átomos ao seu redor.  Por exemplo, átomos de fósforo (P) são maiores do que os átomos de nitrogênio (N), isso explica por que o composto PCl5 é conhecido enquanto o NCl5, não.

Na formação do PCl5 gasoso, a camada de valência é expandida acomodando 10 elétrons, ou seja, são 5 pares de elétrons na camada de valência.

Teoria do Octeto

Outros exemplos de elementos que podem formar ligações com camada de valência expandida: Sn, S, As, Se, Cl, Br, I.

A teoria do octeto nos fornece uma base de conhecimento para compreendermos a natureza das Ligações químicas: Ligação Covalente, Iônica e Metálica.

Bons Estudos!

David Pancieri Peripato

Teoria do Octeto

A regra do octeto é uma regra química básica que permite a fácil memorização de certas propriedades atômicas.

De acordo com esta regra prática útil, muitos átomos, se não a maioria, tentarão perder ou ganhar elétrons para ter um total de oito na concha externa. Os cientistas descobriram que um átomo é mais estável com oito elétrons na camada externa, e os átomos parecem tentar e mover-se para este equilíbrio.

A popularidade da regra de octeto é geralmente atribuída a Gilbert Lewis, um cientista nascido em Massachusetts e professor do início do século XX.

Enquanto ensinava na Universidade de Harvard em 1902, Lewis baseou-se em sua própria pesquisa, bem como a de um contemporâneo, químico alemão Richard Albegg, para criar um modelo para a regra de octeto.

A idéia tinha sido em torno de algum tempo, embora Lewis foi o primeiro a visualizar o conceito, teorizando que os átomos tinham uma estrutura cúbica concêntrica que tinha oito cantos, criando assim o desejo de oito elétrons.

A regra do octeto do termo foi popularizada por um outro químico que trabalhou no mesmo conceito, um cientista americano nomeado Irving Langmuir.

A estabilidade e reatividade de um átomo está geralmente relacionada à configuração de seus elétrons. Gases nobres, como néon, argônio, criptônio e xenônio, tendem a ter oito elétrons na camada de energia externa. O hélio é uma grande exceção à regra do octeto, tendo apenas dois elétrons. Quando um átomo tem oito elétrons, geralmente é considerado estável e geralmente não reage com outros elementos. Átomos com menos de oito elétrons são muitas vezes muito mais reativos, e irá juntar-se ou criar ligações com outros átomos para tentar alcançar o nível de octeto.

Teoria do octeto
Átomos com menos de oito elétrons muitas vezes juntam-se ou criam ligações com outros átomos para tentar alcançar o nível de octeto

Químicos e estudantes perplexos são rápidos em apontar que a regra de octeto não deve ser realmente considerada uma regra em tudo, pois há muitas exceções ao comportamento.

Isso não é surpreendente. Como os elementos são tão amplamente variável no comportamento em outros casos, seria extremamente incomum para todos para subscrever a esta regra interessante.

O hidrogênio, por exemplo, tem apenas um elétron, o que o impede de ter espaços suficientes para que outros sete elétrons se prendam de outros átomos.

Berílio e boro, têm apenas dois e três elétrons, respectivamente, e da mesma forma nunca poderia chegar a um octeto completo.

Alguns átomos, como o enxofre, podem realmente ter mais de oito elétrons na camada externa. O enxofre tem seis elétrons, mas ordinariamente só dois estão disponíveis para a ligação. Às vezes, ocorre um processo de absorção de energia, fazendo com que todos os seis elétrons fiquem alvoroçados e disponíveis para colagem, fazendo um total de 12 elétrons possíveis na camada externa.

Química

Teoria do Octeto, em química, é o arranjo de oito elétrons na camada externa de elétrons dos átomos de gás nobre.

Esta estrutura é considerada responsável pela relativa inércia dos gases nobres e pelo comportamento químico de certos outros elementos.

Os elementos químicos com números atômicos próximos aos dos elementos de gás nobre tendem a se combinar com outros tais elementos perdendo, ganhando ou compartilhando elétrons. Como resultado desses processos seus átomos atingem a configuração de oito elétrons externos dos átomos de gás nobre.

Esta observação, publicada em jornais separados (1916) pelo químico alemão Walther Kossel e pelo químico americano Gilbert Newton Lewis.

A regra do octeto

A regra do octeto é uma regra química de ouro que reflete observação de que átomos de elementos do grupo principal tendem a combinar de tal maneira que cada átomo tem oito elétrons em sua camada de valência, dando-lhe a mesma configuração eletrônica como um gás nobre.

A regra é especialmente aplicável ao carbono, nitrogênio, oxigênio e halogênios, mas também a metais como o sódio ou o magnésio.

A regra do octeto: os átomos tendem a ganhar, perder ou compartilhar elétrons até que eles estejam rodeados por 8 elétrons de valência (4 pares de elétrons).

Fonte: www.wisegeek.com/global.britannica.com

Conteúdo Relacionado

 

Veja também

Dopamina

PUBLICIDADE A dopamina é um neurotransmissor, uma das substâncias químicas responsáveis ​​pela transmissão de sinais …

Antagonista

PUBLICIDADE Um antagonista do receptor é um tipo de ligante receptor ou droga que bloqueia …

Agonista

Definição PUBLICIDADE Um agonista é uma molécula que pode se ligar e ativar um receptor …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

300-209 exam 70-461 exam hp0-s41 dumps 640-916 exam 200-125 dumps 200-105 dumps 100-105 dumps 210-260 dumps 300-101 dumps 300-206 dumps 400-201 dumps Professor Messer's CompTIA N10-006 exam Network+