Breaking News
Home / Química / Ânodo

Ânodo

PUBLICIDADE

Definição de Ânodo

ânodo é onde as espécies são oxidados.

O ânodo é um eletrodo carregado positivamente pelo qual elétrons deixam um dispositivo elétrico.

O ânodo é o eletrodo negativo em uma bateria e o eletrodo positivo em uma célula eletrolítica.

O ânodo é o eletrodo positivo que normalmente é oxidado e perde elétrons em uma reação química dentro da célula.

O que é

Um ânodo é o eletrodo em um sistema elétrico através do qual a corrente elétrica entra no sistema.

Dependendo do tipo de sistema, esse eletrodo pode ser carregado positiva ou negativamente; na maioria dos casos, possui uma carga positiva.

Os ânodos são um componente das baterias e dos tanques com carga elétrica que são usados para polarizar ou depositar camadas de vários metais.

Também existem vários dispositivos que usam tipos especiais de eletrodos, chamados ânodos de sacrifício, para proteger outros componentes metálicos.

As baterias, que são células galvânicas, usam ânodos para transmitir energia do processo químico no interior da célula para o dispositivo que requer energia.

Embora a maioria dos ânodos esteja carregada positivamente, nesse caso, o ânodo é o lado negativo da bateria. Nesses dispositivos, o metal nesse eletrodo se dissolve lentamente no líquido como parte da reação química que ocorre na bateria. Depois que o eletrodo se dissolve completamente, a bateria não tem mais energia, embora as baterias capazes de recarregar alterem a função do ânodo e do cátodo durante o carregamento, permitindo que o metal seja reposicionado no ânodo.

Dispositivos como diodos e tubos de raios catódicos também fazem uso de ânodos. Nestes casos, os ânodos estão do lado positivo do sistema elétrico.

A energia viaja para esses tipos de sistemas através do ânodo e sai através do diodo. Enquanto a energia está entrando no sistema dessa maneira, os elétrons estão deixando o sistema através do ânodo.

Os ânodos de sacrifício são usados em dispositivos como aquecedores de água. Eles recebem esse nome pelo modo como “se sacrifica” para preservar outros materiais no dispositivo, como o tanque de metal do aquecedor de água.

A eletricidade usada para alimentar esse tipo de dispositivo faz com que os componentes metálicos se quebrem com o tempo, de modo que os ânodos de sacrifício são colocados neles para impedir que os outros componentes metálicos se deteriorem.

Desde que o ânodo seja feito de um metal que seja mais “ativo” que o metal no restante do dispositivo, ele se deteriorará em vez dos outros metais.

Em alguns casos, a presença de um metal menos ativo pode acelerar a deterioração do ânodo metálico, o que significa que eles podem precisar ser substituídos com mais frequência.

Qual é a diferença entre diodos, ânodos e cátodos?

Um diodo semicondutor é um componente básico de um grande número de sistemas elétricos. Esses componentes têm dois terminais – um que absorve eletricidade e outro que libera energia.

Esse processo funciona de uma maneira; se um terminal absorve eletricidade, não deixa a energia voltar.

O cátodo é a parte de um diodo que permite que a energia flua para fora, e um ânodo é a parte que permite que ela flua.

É a combinação desses dois elementos que permite que o diodo funcione.

A construção física de um diodo varia um pouco com base no motivo de seu uso, mas certos fatores permanecem os mesmos. O diodo possui dois terminais, um cátodo e um ânodo, que são conectados por uma pequena quantidade de material semicondutor. Este material é tipicamente silício, mas uma grande variedade de materiais diferentes pode ser usada.

Toda a montagem é cercada por uma cobertura de vidro ou plástico. Os diodos podem ter qualquer tamanho e, embora a maioria dos diodos não seja muito grande, eles podem ser quase microscopicamente pequenos.

O ânodo absorve eletricidade. Este terminal recebe esse nome dos ânions carregados negativamente que se movem em sua direção durante uma reação eletroquímica comum.

A carga do ânodo varia de acordo com a função do dispositivo. Se o dispositivo usa energia, a carga é negativa e, se produz energia, sua carga é positiva.

Essa mudança de polaridade permite que a eletricidade flua corretamente do terminal.

Um cátodo é essencialmente o oposto de um ânodo. O cátodo permite que a energia flua para fora do dispositivo. Este terminal recebe esse nome dos cátodos com carga positiva que atrai durante uma reação.

Quando um dispositivo usa energia, o cátodo é positivo e negativo quando gera energia.

O material no meio de um diodo é um semicondutor.

Semicondutores são materiais que não conduzem eletricidade como um condutor padrão, mas não a impedem como um isolador.

Esses materiais se encaixam entre si e têm propriedades muito específicas quando a eletricidade flui através deles. A maioria dos diodos produzidos em massa usa um semicondutor de silício, mas os feitos de germânio não são incomuns.

Desde sua invenção no final de 1800, os diodos básicos não mudaram muito. Os materiais usados para fazê-los melhoraram e o design básico tornou-se muito menor, mas isso foi realmente tudo o que mudou.

Nem os princípios para fazê-los nem seu design são muito diferentes da criação original.

A maior inovação com diodos está nas versões alternativas inspiradas na invenção inicial. Existem dezenas de tipos diferentes de diodos que funcionam de maneira um pouco diferente.

Esses diodos diferentes têm todos os tipos de funções adicionais além dos métodos de entrada e saída da forma básica. Eles variam desde o diodo do túnel que opera em escala quântica até o diodo emissor de luz (LED) usado como fonte de luz em muitos eletrônicos modernos.

Ânodo
Dependendo do tipo de sistema, um ânodo pode ser carregado positiva ou negativamente,
na maioria dos casos, possui uma carga positiva

Ânodo e Cátodo
Ânodo e cátodo

Fonte: chemistry.stackexchange.com/www.chemicool.com/www.wisegeek.org/www.definitions.net/www.merriam-webster.com/dictionary.cambridge.org/www.macmillandictionary.com

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Xileno

PUBLICIDADE Definição O termo xileno refere-se a um grupo de três derivados de benzeno, cada …

Processo Químico

PUBLICIDADE Definição de Processo Químico Os processos químicos, físicos e biológicos podem ser vistos como reações …

Cátodo

Cátodo

PUBLICIDADE Um cátodo é um eletrodo de metal carregado negativamente a partir do qual a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.