Breaking News
Home / Biografias / Zé Pereira

Zé Pereira

PUBLICIDADE

Viva o Zé Pereira,

Viva o Zé Pereira,

Viva o Zé Pereira

E viva o Carnaval…

Quem não conhece esse bordão carnavalesco? Pois ele foi a senha para o nascimento do Carnaval de rua no Brasil, há quase 150 anos! Inspirado em uma canção francesa (Les Pompiers de Nanterre), o refrão do Zé Pereira fez história.

“Zé Pereira” era o sapateiro português José Nogueira de Azevedo Paredes, que em um Carnaval, por volta de 1850, reuniu amigos e agitou as ruas do Rio de Janeiro ao som de bumbos, zabumbas e tambores.

Era o que faltava para a popularização definitiva dos festejos na cidade, e o início de uma metamorfose que transformaria não apenas o Carnaval mas toda a música brasileira.

No ano seguinte já havia vários imitadores do Zé Pereira. As primeiras sociedades carnavalescas também abriram as portas para o novo costume. O Zé Pereira viraria até espetáculo teatral (“Zé Pereira Carnavalesco”), encenado em 1869 pelo ator cômico Francisco Correia Vasques (1839-1892).

Fonte: www.educacaopublica.rj.gov.br

Zé Pereira

ZÉ PEREIRA É CARNAVAL

O carnaval foi introduzido no Brasil pelos portugueses, com o nome de entrudo, no ano de 1641.

O entrudo é uma festa popular portuguesa que aparece não somente no carnaval como também nas festas locais e romarias. Na segunda feira do carnaval de 1846, na cidade do Rio de janeiro, José Nogueira de Azevedo Paredes, que era sapateiro, juntou os amigos e realizou uma barulhenta passeata e os participantes trocaram o nome de José Nogueira por José Pereira, daí a denominação Zé Pereira.

Em Itaberaí no Estado de Goiás esse bloco pré-carnavalesco existe desde o início do século XX e desfila pela cidade quase todos os dias antecedendo o carnaval. Seus integrantes são todos mascarados e são acompanhados por uma multidão que param nas esquinas para dançar.

Na nossa região saía um bloco pré-carnavalesco chamado Zé Pereira. Era uma manifestação popular e participava dela quem quisesse. Este bloco desfilava pela cidade e seus integrantes eram todos mascarados, representando caricaturas de personagens de destaque da época (religiosos, políticos, sociais): caracterizavam fatos bastante humorísticos e participavam deste desfile rapazes, moças e crianças.

O carnaval , era o Zé Pereira, que sempre dava abertura para a chegada do Rei Momo. ( Maria Rosa Leite Monteiro, no livro de sua autoria ,HONESTINO). Cel. José de Faria trouxe o Zé Pereira para Itaberaí no início do século XX.

O Sr.Sebastião Coelho, já falecido comandou o Zé Pereira por muito tempo, desde 1936 até 1967, e teve a ajuda do Srs. Benedito Monteiro e Messias Esteves.

A partir de 1970 assumiu o comando o Ildo Silva Espíndola (Ildo do Zé Pereira). É importante que toda a comunidade itaberina una em torno de nossas manifestações culturais, para que ela continue viva e nossos filhos, netos, a conheçam. Nossa cidade é uma das poucas do Brasil que conserva essa tradição.

Fonte: pt.shvoong.com

Conteúdo Relacionado

 

Veja também

Samuel Morse

Samuel Morse

PUBLICIDADE Samuel Morse – Vida/Biografia Samuel Morse foi um artista e inventor norte-americano mais lembrado por …

Jean-Antoine Nollet

Jean-Antoine Nollet

PUBLICIDADE Quem foi Jean-Antoine Nollet? Nascimento: 19 de dezembro de 1700, Pimprez Morte: 25 de …

Vasco da Gama

Vasco da Gama

PUBLICIDADE Quem foi Vasco da Gama? Nascimento: 1469, Sines, Alentejo, Portugal Morte: 24 de dezembro de 1524, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.