Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Chegada Homem à Lua  Voltar

Chegada do Homem à Lua

 

20 de Julho

O projeto Apollo

O Projeto Apollo, iniciado com o intuito de levar o homem à Lua, começou com o desenvolvimento de um foguete potente o suficiente para colocar uma nave com três tripulantes no caminho da Lua.

Era o foguete Saturno 5, o maior já construído até hoje.

Chegada Homem à Lua

Antes do projeto Apollo os americanos tentavam ultrapassar os russos na corrida espacial com os projetos pioneiros Mercury (naves orbitais de um só tripulante) e Gemini (de dois tripulantes e manobráveis).

Eram preparativos para ganhar tecnologia, experiência e treino para as viagens de maior duração rumo à Lua.

Em outubro de 1968 era lançada a Apollo 7, a primeira missão da série.

Ela apenas orbitou a Terra, testando o equipamento. Em dezembro do mesmo ano veio a Apollo 8 que foi até a Lua e realizou algumas órbitas antes de retornar.

As Apollo 9 e 10 repetiram o caminho e testaram os módulos de comando e de pouso.

O Homem na Lua

Apollo 11 seria a primeira missão destinada a pousar na superfície lunar. Escalados como seus tripulantes estavam o comandante Neil Armstrong, e os astronautas Michael Collins e Edwin Buzz Aldrin.

Em 16 de julho de 1969 a Apollo seria lançada de Cabo Canaveral, na Flórida, rumo à Lua no caminho já conhecido, mas com o objetivo de fazer descer Armstrong e Aldrin na superfície.

Após efetuarem algumas órbitas no satélite, os dois passaram para o módulo lunar de pouso, batizado de Eagle (Águia). Desacoplaram da Apollo, que ficou em órbita de espera com Collins a bordo.

Armstrong manobrou o módulo até a região de mares Tranquilitatis e pousou em terreno plano. Eram 17h17min (hora de Brasília) de 20 de julho de 1969 quando eles confirmaram o pouso: " Houston. Aqui Base Tranquilidade. A Águia pousou."

Armstrong só desceu do módulo para pisar na Lua às 23h56min (hora de Brasília), numa transmissão ao vivo para todo o planeta Terra (aliás, uma das primeiras transmissões ao vivo por TV em larga escala) para uma audiência até então recorde.

Um pouco depois Aldrin também desceu para ser o segundo homem na Lua.

Ficaram 131 minutos no solo lunar e trouxeram amostras dele, deixando lá alguns equipamentos e uma placa comemorativa. Voltaram ao módulo principal que ficou em órbita e retornaram a Terra em 24 de julho.

Outras naves Apollo estariam na Lua depois: as missões 12, 14, 15, 16 e 17, sempre com três astronautas de cada vez.

Apenas a Apollo 13 teve problemas no caminho de ida e precisou retornar sem pousar na Lua.

Foguete

O foguete usado no Projeto Apollo é o Saturno 5, um dos maiores foguetes construídos até hoje.

Chegada do Homem à Lua
Foguete Saturno V

Família de Foguetes Saturno V

Chegada do Homem à Lua

Fonte: geocities.com.br

Chegada do Homem à Lua

Tudo começou com um compromisso público do então Presidente dos Estados Unidos da América, John F. Kennedy, no dia 25 de maio de 1961, em colocar um americano na Lua até o final da década de 1960. Motivados pela Guerra Fria, os norte-americanos disputavam com os russos o lugar de principal potencial global.

A promessa era uma resposta à União Soviética que no dia 4 de outubro de 1957 havia lançado ao espaço o primeiro satélite artificial, o Sputinik-1. Depois, foi a vez do astronauta Yuri Gagárin, primeiro ser humano colocado em órbita.

Chegada Homem à Lua

Até então, o Projeto Apollo havia sido toda a promessa dos EUA. Mas...O sonho de voar para cima, em direção ao espaço, para longe, na conquista de regiões exteriores à Terra não começou e nem termina aí...

Mesmo diante de todos os desafios e dificuldades, em 20 de julho de 1969, às 23 horas, 56 minutos e 20 segundos de Brasília, o astronauta americano Neil Armstrong, 38 anos, entrava para a história como o primeiro homem a pisar na Lua e avistar a Terra de lá.

"Este é um pequeno passo para o homem, um gigantesco salto para a humanidade" ("That's one small step for man, one giant leap for mankind"): essa foi a frase dita pelo astronauta ao colocar seu pé esquerdo, coberto pela bota azul, no chão fino e poroso do solo lunar. As palavras de Armstrong foram ouvidas no mundo inteiro, graças à transmissão via satélite do episódio.

Como comandante da nave Apolo XI, Armstrong pilotou o módulo lunar com o astronauta Aldrin, enquanto Collins, piloto do módulo de comando, permaneceu em seu módulo em órbita lunar. Por quase duras horas e meia, os dois coletaram amostras do solo lunar, fizeram experimentos e tiraram fotografias. Muitos deram suas vidas e outras infelizmente ainda serão ceifadas para que o incansável espírito do homem avance em seu infindável caminho em busca da aventura e do conhecimento ampliando seus horizontes na procura dos mundos distantes.

Fonte: AstroManual ; IBGE teen; Soleis

Chegada do Homem à Lua

20 de Julho

Neil Armstrong - o primeiro homem a pisar na Lua

Armstrong: “Um pequeno passo para o homem, um gigantesco salto para a Humanidade”.

Neil Armstrong foi o primeiro homem a pisar na Lua, em 20 de julho de 1969.

Realizou, assim, uma das maiores ambições da humanidade, um sonho cultivado pelo homem desde que começou a reparar no grande disco prateado que brilhava no céu à noite.

Chegada Homem à Lua

Formado em engenharia aeronáutica, com mestrado em engenharia aeroespacial, Neil Armstrong foi aviador da marinha americana, escolhido para o programa aeroespacial na segunda seleção de astronautas, em 1962. Voou em aviões de caça supersônicos e se tornou comandante nos treinamentos feitos na Terra, bem como nos vôos espaciais da Gemini 8 (1966) e da Apollo 11 (1969).

Para realizar a façanha de chegar à lua, além de trabalho e muito dinheiro, os norte-americanos tiveram de enfrentar uma verdadeira a corrida espacial.

Em 4 de outubro de 1957, a extinta União Soviética saiu na frente, colocando em órbita da Terra o satélite Sputnik. Os soviéticos se mantiveram na dianteira, por alguns anos, com outras experiências bem sucedidas, inclusive o primeiro vôo espacial tripulado por um ser humano, Iuri Gagarin, em 1961.

Em meio à Guerra fria, os americanos não podiam ficar atrás. Em maio de 1961, o presidente Kennedy fez um discurso em que lançou à nação o desafio de levar o homem à Lua antes que a década terminasse.

A partir de então, os EUA colocaram em marcha um ambicioso programa espacial tripulado que iniciou com o Projeto Mercury, que usava uma cápsula com capacidade para um astronauta em manobras em órbita terrestre, seguido pelo Projeto Gemini com capacidade para dois astronautas, e finalmente o Projeto Apollo, cuja espaçonave tinha capacidade de levar três astronautas e pousar na Lua.

A jornada para a Lua teve início na manhã do dia 16 de julho de 1969, no Centro Espacial Kennedy, na Flórida, de onde a nave espacial "Apolo 11" decolou, tripulada pelos astronautas Edwin "Buzz" Aldrin, Michael Collins e Neil Armstrong.

Quatro dias depois, a cerca de 384 mil quilômetros da Terra, o módulo pousou na superfície lunar, na noite do dia 20. Armstrong teve de fazer a aterrissagem usando o controle manual e o recado que transmitiu à NASA foi "A águia pousou".

Armstrong foi o primeiro a sair da nave. Ao pôr os pés na Lua, disse a célebre frase: "Um pequeno passo para o homem, um gigantesco salto para a Humanidade".

O acontecimento transmitido pela TV foi assistido por um bilhão e 200 milhões de pessoas no mundo inteiro. Durante duas horas, 31 minutos e 40 segundos, os dois astronautas, Neil e Edwin, percorreram a superfície lunar e recolheram 21,7 quilos de pedras e de amostras de solo.

Deixaram no satélite uma bandeira americana e uma placa com os dizeres: "Aqui homens do planeta Terra pisaram pela primeira vez na Lua em Julho de 1969 d.C.". A placa tinha a assinatura dos astronautas e do então presidente dos Estados Unidos, Richard Nixon.

Depois que retornou, Neil Armstrong assumiu funções administrativas e deixou a NASA em agosto de 1971. Em 1979 tornou-se diretor de uma fábrica de máquinas petrolíferas. Deu aula de engenharia espacial na universidade de Cincinnati até 1980.

Armstrong serviu na Comissão Nacional do espaço de 1985 a 1986. Nesse ano, ele foi apontado vice-diretor da comissão presidencial que investigou a explosão da Challenger.

Neil Armstrong é casado e tem dois filhos. Ele atualmente vive em Ohio e trabalha para uma empresa que presta serviços para o Departamento de Defesa norte-americano.

Fonte: www.universitario.com.br

Chegada do Homem à Lua

20 de Julho

O homem na lua

Com o fim da segunda guerra mundial, em 1945 e a vitória dos EUA e da União Soviética, a corrida espacial começou a se tornar um propósito concreto.

Em 1957, os soviéticos lançaram o primeiro satélite artificial da terra, o Sputnik. Em 12 de abril de 1961, o russo Yúri Gagari fez o primeiro vôo orbital tripulado. Foi o primeiro homem a ir para o espaço e ver o planeta de lá. Sua afirmação mais inesquecível foi: "a Terra é azul".

Chegada Homem à Lua

Quando Nikita Kruschev (líder soviético) resolveu desafiar os EUA em relação a corrida espacial, o president Kennedy resolveu, com seus acessores, elaborar um plano para ganhar manchetes no mundo inteiro: levar o homem à lua. E em poucos anos este plano se realizaria.

Recrutamento de Pessoal

As melhores cabeças do país foram recrutadas entre os pilotos da marinha, força aérea e fuzileiros navais. Eram analizados inúmeros critérios, entre eles: inteligência, ser bom aviador, ter nível universitário e, fundamentalmente, boa estrutura psicológica para enfrentar problemas imprevistos.

Tragédia: Os americanos, em 1967, já tinham tecnologia para a ida e volta à lua, porém, uma explosão no ensaio do lançamento em 27/01/67 (que matou seus astronautas Roger Chaffee, Edward White e Virgil Grissom) fez com que eles se preocupassem mais com a segurança. O projeto Apolo continuou sem tripulação até o número 6. Os outros não iam até a lua. Isto em 1969.

O Lançamento

Collins, Aldrin e Armstrong partiram a bordo da nave apolo 11, na manhã do dia 16 de julho de 1969. A Apolo 11 era pequea, composta módulo de comando, de serviço e lunar, não pesando mais do que 45 toneladas. Foi lançada no bico do Saturno 5, maior foguete já construído.

O Saturno 5 possuia 110 metros de altura e 3000 toneladas, sendo que a maior parte era o peso do combustível que seria necessário para acelerar a 40000 km/hora. O Saturno 5 era um foguete de 3 estágios. O primeiro queimava oxigênio líquido com querosene. Esse combustível produziu uma enorme fogueira que emocionou a todos que assistiam ao evento.

Na subida, o empuxo de 3500 toneladas provocou um barulho tão forte que chegou a matar os pássaros que voavam na região.

O módulo de comando Columbia era o centro de controle, de 6m quadrados, onde ficavam os tripulantes, em cadeiras individuais. Atrás do Columbia ficavam o módulo de serviço, com o sistema de propulsão e retrofoguetes e, por último, o módulo lunar Eagle.
O alvo não era a lua onde ela se encontrava durante a partida, mas o lugar onde ela estaria depois de quatro dias, quando então chegariam a ela. Isto baseando-se no ponto segundo seu movimento ao redor da Terra.

No trajeto, os astronautas utilizaram a técnica do "frango no espeto", fazendo a nave girar em torno de si própria, para evitar que ela torrasse no lado voltado para o Sol e congelasse no outro. Os astronautas acionavam os foguetes durante 3 segundos para posicionar a nave para a distância calculada e fazê-la escapar da gravidade da Terra e ser atraída pela gravidade lunar.

A Chegada

Chegaram (pelo horário de Brasília) às 23 hs, 56 min e 20 s do dia 20 de julho de 1969. Por pouco, os dois astronautas, Armstrong e Aldrin (os que desceram até a Lua), não espatifaram a Eagle enquanto desciam, pousando no Mar da Tranquilidade, uma planície sem muitas crateras próxima ao equador lunar, a 1 km do local mardado para a descida.

Neil Armstrong, de 38 anos, escorregou na escada quando descia da Eagle e por pouco não encostou a mão antes do pé. Ergueu o pé esquerdo e marcou o solo do Mar da Tranquilidade e a frase que ecoou pelo mundo: "este é um pequeno passo para o homem, um gigantesco salto para a humanidade".

Na lua, a 364000 km de distância, explica à base de controle que o chão da Lua "adere à sola e aos lados das minhas botas, formando uma camada fina como poeira de carvão".

Vinte minutos depois, desce Aldrin que com as mãos agarradas à escada deu dois pulos com os pés juntos e disse "lindo, lindo". Permaneceram lá durante 2h e 10min, quando Armstrongleu em voz alta a mensagem na placa comemorativa que leva a assinatura dos três astronautas e do presidente Nixon que dizia: "Aqui, homens do planeta Terra pisaram na Lua pela primeira vez. Nós viemos em paz, em nome de toda a humanidade".

Fixaram a bandeira dos Estados Unidos e ouviram as congratulações de Nixon. Depois, recolheram 27 kg de pedra e pó da Lua. Instalaram um sismógrafo, um refletor de raios lazer, uma antema de comunicação, uma câmara de TV e um painel para estudar os ventos solares.

Voltaram à Eagle e tentaram dormir.

O Regresso

A parte inferior do módulo ficou na Lua a parte superior com os dois astronautas se elevou até encontrar o módulo de comando com Collins que estava esperando a 96 km de altura. Aldrin e Armstrong juntaram-se a Collins e a outra metade da Eagle ficou em órbita até se espatifar na Lua.

Mergulharam no Pacífico Sul no dia 24 de julho de 1969, sãos e salvos. Para evitar que pudessem ter trazido algum microorganismo nocivo aos humanod, ainda ficaram de quarentena junto com cobaias.
Em novembro, outros três astronautas foram à Lua a bordo da Apolo 12. Ao todo foram 18 astronautas em 6 apolos, do dia 11 ao 17, até 1972.

Calcula-se que mais de um milhão de pessoas se amontoaram nas proximidades co Cabo Canaveral para assistir à partida e mais de um bilhão de pessoas acompanhavam pela TV. Um projeto que custou 22 bilhões de dólares aos EUA.

Fonte: Super Interessante

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal