Breaking News
Home / História Geral / História do Hip Hop

História do Hip Hop

PUBLICIDADE

O que é Hip Hop?

Atualmente, o rap é um estilo musical bastante conhecido e difundido no Brasil. A forma cadenciada da batida que o acompanha (beat), e as palavras cantadas de forma encaixada (flow), conquista cada dia mais jovens pelo país, e até ganhou espaço na grande mídia. Mas você sabia que o rap é só uma parte de um grande movimento chamado Hip Hop?

Gênese

O Hip Hop como cultura ou movimento cultural, surge na década de 70 nos Estados Unidos, após os conflitos raciais no país, e o de movimentos como o Partido dos Panteras Negras, e a imigração de jovens jamaicanos, trazendo a cultura dos Sound System para os guetos de Nova York, precisamente no Bronx. Apareceu como um movimento de cultura juvenil, unindo elementos dos jovens negros latino-americanos nos guetos e centros urbanos.

Nessa época as ruas do Bronx eram as mais esquecidas pelo poder público, grande parte das casas e construções destruídas ou condenadas. O lugar acabou se tornando um cenário de gangues, conflitos, viciados em drogas e o crime operando fortemente. Em meio a esse cenário, jovens buscavam formas de sobreviverem e diversão através da arte. Numa dessas buscas por diversão, o jamaicano Clive Campbel, conhecido como, DJ KoolHerc, fez uma blockpartie (festas de bairro) para comemorar o aniversário de sua irmã, e acabou por agregar elementos que viriam a ser conhecidos como estruturantes na cultura Hip Hop. DJ’s, Rap, Grafite e Break.

Em novembro de 1973, percebendo o potencial de diálogo dessa nova cultura que estava se estabelecendo, AfrikaBambaata funda a Zulu Nation, uma organização com objetivo de auto-afirmação de jovens, que tinha por objetivo promover o combate da violência estabelecida, através da arte dos quatro elementos do Hip Hop, para o lema Paz, União e Diversão.

Hip Hop

No Brasil

No Brasil, o movimento aparece cerca de 10 anos depois, na década de 80, absorvido pelos jovens negros paulistanos, que utilizavam os elementos do Hip Hop para expressar demandas sociais e vivências. Anterior aos anos 90, o Hip Hop no Brasil ganhou força principalmente com o b-boys e b-girls, que expressavam sua arte através do break. Posteriormente, na década de 90 foi onde principalmente o estilo Gangsta Rap ganha força nas periferias brasileiras, vai ocupando espaços além das festas e se torna ponto de partida para pensar as relações sociais.

Muitos grupos de rap ou coletivos de Hip Hop foram ganhando forma e força, ocupando espaços inicialmente negados. Por fim, é importante evidenciar que o Hip Hop pode dialogar com as massas, principalmente atuando desenvolvimento intelectual e crítico dos seus participantes, e ser uma potente ferramenta de acesso a conteúdos de formação para a juventude.

Por Ana Rosa Calheiro Luz

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

O Mundo Pós-Guerra

PUBLICIDADE O que foi o Mundo Pós-Guerra? O mundo se dividiu em dois blocos antagônicos …

Crise de 1929

Crise de 1929

PUBLICIDADE A Crise de 1929 – O Crack da Bolsa de Nova York Em 1919 …

Descolonização da África e da Ásia

PUBLICIDADE O que foi a Descolonização da África e da Ásia? Com o enfraquecimento das nações …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.