Breaking News
Home / Geografia / Deriva Continental

Deriva Continental

PUBLICIDADE

A Deriva Continental (A Dança dos Continentes)

Uma das teorias que mais revolucionou as ciências do início do século XIX surgiu dentro das geociências, que em geral são áreas do conhecimento científico que se debruçam a entender a estrutura, a dinâmica atual, a história geológica e as transformações do planeta Terra.

Essa teoria ficou conhecida como Deriva Continental e foi desenvolvida e/ou elaborada em 1912 por Alfred Wegener, um geocientista e meteorologista muito importante para a sua época e para os estudos da atualidade.

Em aspectos gerais, a teoria da Deriva Continental afirma que, em um passado geológico distante, todas as terras emersas do atual planeta Terra já foram um dia unidas e formavam, portanto, um único continente.

Clique para aumentar

Neste passado geológico proposto por Wegener, as massas de terras que formavam a superfície sólida do planeta Terra uniam-se num único continente, este ficou conhecido como o supercontinente Pangeia. Esta palavra é composta pelos radicais gregos Pan (que significa Todo) e Gea (Terra): “Toda a Terra”.

Para chegar a essa teoria, o cientista estudou pesquisas científicas de diversas áreas do conhecimento, uma dela refere-se a Paleontologia. Wagener observou que registros paleontológicos de diversos animais já extintos eram encontrados tanto na costa do continente africano quanto na costa do continente americano, em especial na América do Sul. De forma a evidenciar que seria impossível essas espécies migrarem de um continente para o outro e serem encontradas numa área com características ambientais parecidas.

Outra área estudada pelo autor foi a Geografia Física e a Geologia ao que se refere às feições litorâneas e as rochas. Weneger observou que grande parte da costa leste da América se encaixava com a costa oeste da África, bem como as rochas e os minerais eram bem parecidos.

Embora tenha feito tais observações e reflexões, não chegou a propor de maneira coerente o que fez o grande continente Pangeia se dividir. Após apresentar sua teoria a comunidade científica, foi prontamente recusado, vindo apenas a ser aceita 10 anos após a sua morte, já durante a Segunda Guerra Mundial, onde observaram e comprovaram que a crosta terrestre se movimenta gradualmente e continua se movimentando, deslocando os continentes ao longo do tempo geológico.

A teoria de Wegener teve grande impacto para a ciência moderna, pois a partir delas descobriu-se a existência das Placas Tectônicas, as grandes massas descontínuas responsáveis pela movimentação dos continentes após sofrer forças vindas do interior da Terra.

Isso facilitou no desenvolvimento de tecnologias que melhoram a vida dos seres humanos frente aos tremores de terra, os famosos terremotos, principalmente em países que são periodicamente afetados.

Gean Alef Cardoso

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Estrutura do Solo

Estrutura do Solo

PUBLICIDADE Definição e importância da estrutura do solo A estrutura do solo é definida pela maneira como …

Crosta Terrestre

PUBLICIDADE Definição Crosta descreve um revestimento ou cobertura externa. Em geologia, é o termo dado …

Atividades que mais consomem água

Atividades que mais consomem água

PUBLICIDADE Quais são as atividades que mais consomem água? Os impactos deixados pelas diversas atividades …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.