Breaking News
Home / Geografia / Vulcão Chimborazo

Vulcão Chimborazo

PUBLICIDADE

 

Antes de conhecer-se bem o Himalaia, acreditava-se que o Chimborazo fosse a montanha mais alta do mundo.

Hoje sabe-se que não é sequer o ponto culminante da cadeia andina, mas seus 6.310m de altura garantem-lhe o título de rei dos Andes.

Vulcão Chimborazo
Vulcão Chimborazo

Pico mais elevado do Equador, o Chimborazo é um vulcão extinto, situado na cordilheira ocidental dos Andes.

Por suas encostas descem numerosas geleiras, responsáveis pelas imensas morenas — acumulações de detritos rochosos — algumas das quais remontam às glaciações quaternárias. Seu terreno, de origem vulcânica, é extremamente poroso, o que explica a desproporção entre a quantidade de neve no cume e a modéstia dos rios que nascem em suas encostas.

Vulcão Chimborazo
O Chimborazo, pico culminante da cordilheira dos Andes no Equador, é um dos mais elevados do continente americano.

Embora inativo há milênios, o Chimborazo apresenta inquestionáveis características vulcânicas. Suas encostas são formadas por extratos profundos de lava, que demonstram a intensa atividade em tempos remotos. Por sua situação, atua como divisor de águas dos rios que desembocam no Pacífico e os que alimentam a bacia amazônica.

A vegetação alpina termina aos 3.900m, e a linha de ervas e plantas criptógamas aos 4.300m; a partir daí, a vegetação é escassa.

O Chimborazo foi escalado pela primeira vez, com fins científicos, em 1745, pela expedição de Charles-Marie de la Condamine.

Em 1802 o naturalista alemão Alexander von Humboldt chegou até 5.760m. Mas o primeiro a escalar o cume foi o inglês Edward Whymper, em 1880.

Atualmente é possível ir de trem até o povoado de Urbina, situado a 3.600m

Vulcão Chimborazo
Vulcão Chimborazo

Fonte: geocities.yahoo.com.br

Vulcão Chimborazo

Chimborazo é um estrato vulcão do Equador situado na província de Chimborazo, elevando a 6.267 m de altitude e situado perto de Riobamba, a cerca de 180 km a sul do Quito.

É o pico mais alto dos Andes equatoriais, dominando uma região de 50 000 km2 e apresentando uma base de 20 km de diâmetro. É o 17º monte de maior proeminência topográfica do mundo.

Até o início do século XIX, o Chimborazo era considerado a mais alta montanha da Terra (a partir do nível do mar), e tal consideração levou a diversas tentativas de escalada. Em 1802, o naturalista alemão Alexander vou Humboldt tentou escalá-lo, acompanhado por Aimé Bonpland e pelo equatoriano Carlos Montúfar, mas teve que abandonar a tarefa a 5875 m por causa do escasso ar.

A essa altura, eles alcançaram a maior altitude confirmada nunca mais atingida por um ser humano.

Assim, é ao britânico Edward Whymper e aos irmãos Louis e Jean-Antoine Carrel que cabe a oportunidade, em 1880, de serem os primeiros a atingir o pico do Chimborazo.

Diversas pessoas duvidaram de tal feito, e Whymper escalou o vulcão mais uma vez no mesmo ano em companhia dos equatorianos David Beltrán e Francisco Campanha.

O Chimborazo ensinou, mais tarde, o libertador Simón Bolívar, que compôs um poema sobre o vulcão.

A sua última erupção data de mais de dez mil anos, sendo assim considerado extinto.

Ele chama-se Taita Chimborazo, ou seja Pai Chimborazo, sendo a Mãe Tungurahua.

Vulcão Chimborazo
Localização do Vulcão Chimborazo

Fonte: sigarra.up.pt

Vulcão Chimborazo

Vulcão Chimborazo
Vulcão Chimborazo

Chimborazo é um estratovulcão do Equador situado na província de Chimborazo, culminando a 6.267 m de altitude e situado perto de Riobamba, a cerca de 180 km ao sul de Quito.

É o pico mais alto dos Andes equatoriais, dominando uma região de 50 000 km2 e apresentando uma base de 20 km de diâmetro. É o 17º monte de maior proeminência topográfica do mundo.

Até o início do século XIX, Chimborazo era considerado a mais alta montanha da Terra (a partir do nível do mar), e tal reputação levou a diversas tentativas de escalada.

Em 1802, o naturalista alemão Alexander von Humboldt tentou escalá-lo, acompanhado por Aimé Bonpland e pelo equatoriano Carlos Montúfar, mas teve que abandonar a empreitada a 5875 m por causa da rarefação do ar. A essa altura, eles alcançaram a maior altitude confirmada jamais atingida por um ser humano.

Assim, é ao britânico Edward Whymper e aos irmãos Louis e Jean-Antoine Carrel que cabe a honra, em 1880, de serem os primeiros a atingir o pico do Chimborazo.

Diversas pessoas duvidaram de tal feito, e Whymper escalou o vulcão mais uma vez no mesmo ano em companhia dos equatorianos David Beltrán e Francisco Campaña.

O Chimborazo inspirou, mais tarde, o libertador Simón Bolívar, que compôs um poema sobre o vulcão.

Sua última erupção data de mais de dez mil anos, sendo assim considerado extinto.

Ele é apelidado de Taita Chimborazo, ou seja Papai Chimborazo, a mãe sendo Mama Tungurahua.

O Chimborazo como extremo da Terra

O pico do Chimborazo é o ponto da Terra mais afastado do seu centro, pois ela é mais larga na altura do equador.

Altura

O vulcão Chimborazo: com 6310 metro

Vulcão Chimborazo
Último retrato de Alexander von Humboldt, de Julius Schrader (1859). Ao fundo o Chimborazo

Fonte: www.goecities.com

Veja também

Planejamento Urbano

PUBLICIDADE Planejamento Urbano é o estudo ou profissão que lida com o crescimento e funcionamento …

Aborígenes Australianos

Aborígenes Australianos

PUBLICIDADE Definição Aborígenes é considerada uma pessoa, animal ou planta que tenha estado em um país …

Gêiser

Gêiser

PUBLICIDADE Definição Gêiser uma fonte termal em que a água ferve intermitentemente, enviando uma alta coluna …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.