Breaking News
Home / Geografia / Distribuição de Água no Brasil

Distribuição de Água no Brasil

PUBLICIDADE

O que é a Distribuição de Água no Brasil?

O tema água sempre foi um desafio para as autoridades políticas e sociais, uma vez que envolve diversas análises que vão desde a questão ambiental à ética. Certamente, uma das discussões mais complicadas dentro dessa temática refere-se a sua distribuição pelo território, pois automaticamente isso repercute direto a conflitos entre entidades civis e governamentais e à sua gestão.

Sabe-se que apenas aproximadamente 3% de toda a água presente nos recursos hídricos do planeta Terra é doce própria para o consumo, logo, potável, mas grande parte dessa água encontra-se no lençol freático e nas geleiras, o que dificulta o seu uso, gerando, portanto, conflitos. Tais conflitos ainda são acentuados pela distribuição “desigual” da água pelo planeta e pela poluição massiva desses recursos pela humanidade ao longo da história.

Distribuição de Água no Brasil

O Brasil possui uma das maiores reservas de água potável do mundo, dos 3% encontrados no planeta Terra, 12% encontram-se no território do Estado brasileiro, o que naturalmente faria com que o país tivesse poucos ou nenhum problema com relação a sua distribuição para a população.

Mas isso só acontece teoricamente, uma vez que na prática social a realidade é totalmente outra, que acaba evidenciando um dos grandes problemas da distribuição de água no Brasil: a desigualdade e o conflito para a sua obtenção.

Essa desigualdade é contraditória e pode ser vista do ponto de vista regional e da distribuição geográfica da água e da população brasileira, ou seja, as áreas menos densamente ocupadas são as que mais possuem reservatórios hídricos potáveis.

Para exemplificar essas situações, têm-se as seguintes análises segundo os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e da Agência Nacional de Águas (ANA):

– A região Norte possui uma densidade demográfica de aproximadamente 4,12 habitantes por quilômetros quadrado e possui de maneira concentrada, cerca de 70% de todos os recursos hídricos presentes no Brasil. Sendo esses recursos encontrados principalmente na Bacia do Amazonas e no Aquífero Alter do Chão que é superior ao Guarani em volume de água.

– Na região Nordeste a realidade já é totalmente o contrário, pois sua densidade demográfica é de 34,15 hab/km² e possui apenas 3,3% de todo os recursos hídricos do Brasil. Isto causa diversos problemas a população nordestina, principalmente àquelas que se encontram no Polígono das Secas e outras partes do sertão.

– Na região Centro-Oeste sua densidade demográfica é de 8,75 hab/km², detendo 15,7% dos recursos hídricos do país, fazendo com que os especialistas a considerem como uma área de equilíbrio entre disponibilidade de água e população.

– Na região Sudeste a taxa de densidade demográfica é extremamente elevada, cerca de 86 hab/km², detendo apenas 6% da água do país, evidenciando um real desequilíbrio que é acentuado pela poluição massivas dos recursos hídricos pelas grandes indústrias e pela urbanização. São Paulo é um dos grandes exemplos que sofrem com crise hídrica periodicamente.

– Na região Sul com densidade de 48,58 hab/km², possuindo 6,5% dos recursos hídricos potáveis do Brasil. A realidade é muito parecida com o Sudeste, embora o desequilíbrio seja menos acentuado, o que não impede a preocupação.

Essas situações se modificam ao longo do tempo, pois a sociedade muda no decorrer da história, principalmente ao que se refere ao seu crescimento, a sua interação com o meio e a distribuição dos recursos hídricos pelos territórios.

Gean Alef Cardoso

Conteúdo Relacionado

 

Veja também

Espaço Geográfico

Espaço Geográfico

PUBLICIDADE O que é espaço geográfico? Quando se pergunta a alguém o que é Geografia …

Guerra Fiscal

Guerra Fiscal

PUBLICIDADE O que é a guerra fiscal? A influência do sistema capitalista vai além das …

Imigração Venezuelana para o Brasil

Imigração Venezuelana para o Brasil

PUBLICIDADE A imigração é um fenômeno complexo, não pode ser analisado por apenas um ponto …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.