Breaking News
Home / Animais / Mutum Pinima

Mutum Pinima

PUBLICIDADE

Mutum Pinima – Crax fasciolata

Características

Possui penacho com a ponta das penas recurvadas para cima.

A região das narinas é amarela. Dimorfismo sexual acentuado. Os machos são negros, barriga branca, o amarelo das narinas é maior e a ponta das penas da cauda é branca.

As fêmeas são marrom-café, rajadas de branco. Topete com a base das penas branca. Peito mais claro e barriga branca. Pernas compridas.

É o mais conhecido dos mutuns. Mede aproximadamente 85 cm de comprimento e pesa quase 3 kg. Podem viver por 40 anos.

Habitat: Florestas densas, próximas de rios, matas ciliares e orla de matas.

Ocorrência: Sul do Amazonas, do Pará, Maranhão, Brasil central até oeste de São Paulo, Paraná e Minas Gerais.

Hábitos

À tarde e pela manhã circulam pelas praias locais.

São monógamos.

O macho dá comida à fêmea.

Dormem empoleirados no tronco das árvores (Arborícola).

Alimentação: Frutas, sementes, restos vegetais, folhas, brotos, gafanhotos, pererecas, lagartos e aranhas.

Reprodução

Atingem a maturidade aos 2 anos. Reproduzem-se de setembro a janeiro.

A incubação dura 33 dias, produzindo-se de 2 a 4 filhotes.

Apesar de logo ao nascer serem capazes de andar, os pintos ficam sob a guarda da fêmea por até quatro meses.

Período Reprodutivo: julho a novembro

Ameaças: Caça e destruição do habitat. Espécie ameaçada de extinção.

Mutum Pinima – O que é

Conhecido também como mutum-pinima (Pará), nome que significa “mutum cheio de pintas”.

É uma ave arborícola um pouco maior do que uma galinha com comprimento 83 cm e peso 2,7 Kg.

Possui um penacho com a ponta das penas recurvadas para cima.

A região das narinas é amarela.

Apresenta dimorfismo sexual acentuado, os machos são negros com a barriga branca, o amarelo das narinas é maior e a ponta das penas da cauda é branca; a fêmea é marrom-café, rajada de branco, cabeça e pescoço preto, peito canela e barriga bege.

O topete é com a base das penas branca.

As pernas são compridas.

Habita a mata ciliar, orla de mata à tarde e pela manhã circula pelas praias locais, prefere o chão de florestas de galeria e bordas de florestas densas.

Vive aos pares ou em pequenos grupos familiares.

Alimenta-se de frutos, caramujos, gafanhotos, pererecas e outros pequenos animais.

Embora passe a maior parte do tempo no chão, empoleira-se para dormir.

Põe ovos brancos com a casca bastante áspera, levando 30 dias para o nascimento dos filhotes, que dormem sob as asas da mãe.

Tem ampla distribuição e é o mais conhecido dos mutuns, encontra-se no sul do Amazonas, na região compreendida entre o Rio Tapajós e o Maranhão, Pará, Brasil central até oeste de São Paulo, Paraná e Minas Gerais. Encontrado também na Bolívia, Paraguai e Argentina.

Mutum Pinima – Aves

São aves arborícolas um pouco maiores que uma galinha.

Possuem penacho com a ponta das penas recurvadas para cima.

Tem ampla distribuição e é o mais conhecido dos mutuns sendo encontrado com frequência nos Jardins Zoológicos.

Ocorre no sul do Amazonas, do Pará, Maranhão; Brasil central até oeste de São Paulo, Paraná e Minas Gerais.

Presente ao sul do Rio Amazonas, na região compreendida entre o Rio Tapajós e o Maranhão, estendendo-se para o sul até São Paulo.

As populações da Amazônia, pertencentes à subespécie Crax fasciolata pinima, encontram-se ameaçadas de extinção, sobretudo em conseqüência da caça. Habita o chão de florestas de galeria e bordas de florestas densas. Vive aos pares ou em pequenos grupos familiares.

Alimenta-se de frutos, caramujos, gafanhotos, pererecas e outros pequenos animais. Embora passe a maior parte do tempo no chão, empoleira-se para dormir.

Põe ovos brancos com a casca bastante áspera, levando 30 dias para o nascimento dos filhotes, que dormem sob as asas da mãe.

O macho é preto com a região da barriga branca; a fêmea tem a plumagem preta listrada de branco, cabeça e pescoço preto, peito canela e barriga bege.

Conhecido também como mutum-pinima (Pará), nome que significa “mutum cheio de pintas”.

Classificação científica

Nome Científico: Crax fasciolata Spix, 1825
Nome vulgar: 
Mutum pinima
Nome em Inglês: Bare-faced Curassow
Reino: 
Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Galliformes
Família: Cracidae Rafinesque, 1815
Gênero: 
Crax
Espécie: C. fasciolata
Distribuição: Brasil (Paraná, Norte do Maranhão, leste e sul de Goiás, Oeste de Minas Gerais e Panamá)
Habitat: Zonas tropicais
Longevidade: 40 anos
Hábitos: São monógamos. O macho dá comida à fêmea
Maturidade: 2 anos
Época reprodutiva: Setembro a Janeiro
Incubação: 33 dias
Nº de filhotes: 2 a 4
Comprimento: 
83 cm
Peso: 2,7 kg.

Mutum Pinima – Fotos

Fonte: www.vivaterra.org.br/www.diagnostico.org.br/www.taenos.com/www.hbw.com/www.oiseaux-birds.com/www.flickr.com/hidephotography.com

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Anaconda

Anaconda

PUBLICIDADE O que é uma Anaconda? Uma anaconda é uma cobra grande e não venenosa. Vive principalmente …

Tigre de Sumatra

PUBLICIDADE O que é um Tigre de Sumatra? Um tigre de Sumatra é uma espécie …

Buldogue Francês

Buldogue Francês

PUBLICIDADE O que é um Buldogue Francês? O Bulldog Francês é uma raça licenciada pelo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.