Breaking News
Home / Animais / Pomba da Mata

Pomba da Mata

PUBLICIDADE

Pomba da Mata

Um cantor incansável

Nome comum: Pombo da mata
Nome científico: Columba palumbus
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Columbiformes
Família: Columbidae
Comprimento: cerca de 40 cm

O pombo da mata é um pássaro cinza – azulado, com cauda negra, pescoço verde e roxo, e asas com manchas brancas.

Empoleirado em uma árvore, ele canta sem abrir o bico. Sua garganta se avoluma e a cabeça balança para cima e para baixo, no compasso do canto.

Quando nasce o dia, começa a cantar e outros pombos o acompanham. Somente no inverno ele não canta. Essa espécie de pombo é encontrada em quase toda a Europa, norte da África, leste da Sibéria e no Irã. É um pássaro tímido que gosta de ficar oculto na folhagem. Durante o vôo, suas asas fazem um som sibilante. Sua alimentação inclui sementes, grãos, folhas, brotos, nozes, frutos e, ocasionalmente, lesmas e vermes. Vivem sempre aos pares. O macho corteja a fêmea na primavera, com batidas de asas e exibição de vôos elaborados.

O ninho, bem escondido em uma árvore, é constituído em abril. Feito de gravetos, resiste a grandes tempestades. O macho e a fêmea chocam os ovos. Os filhotes, sem penas, são alimentados e protegidos pelos pais. As aves de rapina caçam esses pombos para comer; o homem, para divertir-se.

Fonte: www.felipex.com.br

Pomba da Mata

Columba palumbus

Um cantor incansável

O pombo da mata é um pássaro cinza-azulado. com cauda negra, pescoço verde e roxo, e asas com manchas brancas. Empoleirado em uma árvore, ele canta sem abrir o bico.

Sua garganta se avoluma e a cabeça balança para cima e para baixo, no compasso do canto. Quando nasce o dia. começa a cantar e outros pombos o acompanham. Somente no inverno ele não canta. Essa espécie de pombo é encontrada em quase toda a Europa, norte da África, leste da Sibéria e no Irã. É um pássaro tímido que gosta de ficar oculto na folhagem. Durante o vôo, suas asas fazem um som sibilante.

Sua alimentação inclui sementes, grãos, folhas, brotos, nozes, frutos e, ocasionalmente, lesmas e vermes. Vivem sempre aos pares.

O macho corteja a fêmea na primavera, com batidas de asas e exibição de vôos elaborados. O ninho, bem escondido em uma árvore, é construído em abril. Feito de gravetos, resiste a grandes tempestades. O macho e a fêmea chocam os ovos. Os filhotes, sem penas, são alimentados e protegidos pelos pais. As aves de rapina caçam esses pombos para comer: o homem, para divertir-se.

Nome comum: Pombo da mata
Nome científico: Columba palumbus
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Columbiformes
Família: Columbidae
Comprimento: cerca de 40 cm

Fonte: www.achetudoeregiao.com.br

Pomba da Mata

Onde observar

Na Primavera e no Verão, é mais fácil de observar na metade norte do país; no Outono e no Inverno, é no Alentejo que ocorrem as maiores concentrações.

Entre Douro e Minho

Bem distribuído, pode ser encontrado com relativa facilidade um pouco por toda a região, desde o estuário do Minho até à serra da Peneda. Ocorre igualmente no Parque da Cidade, no Porto.

Trás-os-Montes

O pombo-torcaz é relativamente comum no nordeste e pode ser observado na serra da Coroa, na serra de Montesinho, na zona de Miranda do Douro.

Beira Litoral

Ocorre principalmente nas zonas de pinhal, por exemplo no pinhal de Mira e no pinhal de Leiria, sendo estes os melhores locais para procurar a espécie no litoral centro.

Beira interior

Pode ser visto na serra da Estrela e na região do Sabugal.

Lisboa e Vale do Tejo

O estuário do Tejo (Pancas) e a serra da Arrábida são os melhores locais para observar este pombo – em ambos os locais ele está presente durante todo o ano, embora seja mais numeroso no Inverno. Também ocorre na serra de Sintra e na cidade de Lisboa.

Alentejo

O estuário do Sado alberga um enorme dormitório de Inverno, sendo aqui que podem ser vistas as maiores concentrações de pombos-torcazes do país. Outros locais onde é frequente no Inverno incluem a zona de Alpalhão. Na Primavera as melhores zonas para observar este pombo situam-se na região de Moura, nas serras de Odemira e na serra de São Mamede. Ocorre também junto à ribeira do Divor.

Algarve

Durante a época de nidificação apenas pode ser visto no interior da região, nomeadamente nas serras do Caldeirão, de Monchique e de Espinhaço de Cão. Na passagem migratória outonal observam-se esporadicamente bandos em movimentação junto à costa, nomeadamente na ria de Alvor ou no cabo de São Vicente.

Fonte: www.avesdeportugal.info

Pomba da Mata

COLUMBIDAE

Columba palumbus (Pombo-torcaz)

É uma ave migradora, a mais corpulenta do seu grupo, muito familiar na Europa.

É caçada no nosso país.

Vive nos espaços abertos e nas árvores, em geral nas zonas agrícolas. Estes pombos não têm medo das pessoas, quando lhes dão de comer, e aproximam-se das casas.

Podem tornar-se uma praga.

Fonte: www.triplov.com

Veja também

Rinoceronte

Rinoceronte, Reprodução, Características, Espécies, Mamíferos, Hábitos, Fotos, Classificação, Habitat, Tamanho, Animal, Anatomia, Comportamento, Rinoceronte

Rinoceronte Branco

Rinoceronte Branco, Características, Tamanho, Alimentação, Habitat, Extinção, Espécie, Hábitos Alimentares, Reprodução, Peso, Visão, Rinoceronte Branco

Rinoceronte de Java

Rinoceronte de Java, Características, Tamanho, Alimentação, Habitat, Extinção, Espécie, Hábitos Alimentares, Reprodução, Peso, Rinoceronte de Java

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.