Breaking News
Home / Biologia / Alelopatia

Alelopatia

PUBLICIDADE

O que é Alelopatia?

A Alelopatia deriva das palavras gregas alleton que significa mútuo e pathos definida como prejuízo. Ocorrem com plantas, bactérias, algas e fungos e, é usado principalmente para indicar qualquer efeito causado por substâncias químicas ou metabólitos secundários, que influenciam o desenvolvimento de outros indivíduos, atuando de forma direta ou indireta, sendo benéfico ou prejudicial. Este processo é entendido como interação entre indivíduos podendo ser bom ou ruim.

As plantas, por exemplo, liberam no ambiente uma grande variedade de metabólitos primários e secundários.Estas substâncias alelopáticas estão dissolvidas no substrato que é usado por outras plantas que vão crescer, podendo sofrer interferências diminuindo a germinação, desenvolvimento e reprodução.

Alelopatia

Plantas invasoras são capazes de produzir compostos químicos, que liberados no ambiente de outras, influenciam de forma favorável ou desfavorável o seu desenvolvimento que podem alterar o crescimento e produtividade destas. As interações planta-planta são a combinação de competição direta por fontes de luz, água e nutrientes. Devido à complexidade biológica destes mecanismos de ataque e defesa na natureza, é difícil diferenciar e identificar os efeitos de cada um.

A alelopatia é considerada importante principalmente quando uma planta invasora afeta uma espécie cultivada que causa prejuízos. Também tais substâncias podem atuar de forma favorável acelerando o crescimento.

Os agricultores enfrentam problemas com a infestação de plantas daninhas nas lavouras, elevando os custos da produção, sendo necessário o controle da produtividade quer pela competição direta ou pelos compostos alelopáticos liberados no meio.Um aspecto importante é a identificação de compostos aleloquímicos envolvidos nas interações entre plantas e seus possíveis mecanismos de ação.

Os alelos químicos têm sido utilizados como alternativa ao uso de defensivos agrícolas, devido ao fator que plantas têm defensivos naturais contra a ação de microrganismos, insetos, patógenos ou predadores, seja inibindo a ação destes ou estimulando o crescimento ou desenvolvimento das mesmas.

Camila Correia

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Risco Biológico

PUBLICIDADE Definição de Risco biológico Os perigos biológicos ou Riscos biológico são substâncias orgânicas que representam uma ameaça …

Carragenina

PUBLICIDADE Definição de Carragenina A carragenina é um aditivo alimentar comum extraído de algas vermelhas, usada principalmente …

Algas Vermelhas

PUBLICIDADE Definição de Algas Vermelhas Todas as algas marinhas podem ser amplamente divididas em três …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.