Breaking News
Home / Biologia / Piracema

Piracema

PUBLICIDADE

Piracema – O que é

A migração de peixes é chamado de Piracema e é o nome dado ao período do ano em que os cardumes de peixes da bacia hidrográfica do rio Paraguai – que inclui a região do Pantanal nos estados brasileiros de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, sobem rio acima para depositar seus ovos e se reproduzem.

A palavra piracema é de origem indígena que significa subida do peixe.

É um fenômeno de arribação de peixes em grandes cardumes, ocorre com diversas espécies de peixes e em várias partes do mundo.

Nessa época ocorre a arribação, ou seja, os peixes sobem o rio contra a correnteza para se reproduzir e ocorrer à desova. Processo este de extrema importância para o sucesso reprodutivo.

Durante o esforço físico acontece um aumento na produção de hormônios.A fecundação ocorre externamente, ou seja, a fêmea lança os óvulos na água, enquanto o macho lança os espermatozoides sobre os mesmos.

Após esse momento, os peixes descem o rio. Enquanto os filhotes amadurecem, também descem o rio no sentido contrário ao da piracema.

PiracemaPiracema

No Brasil, a época da piracema se inicia do dia 1º de novembro ao dia 28 de fevereiro. Processo este que ocorre na época de chuvas, que consequentemente causam aumento no nível dos rios, além do aumento na temperatura do ar e das águas, ideal para a desova.

Um obstáculo durante piracema para os peixes são as barragens, pois ao tentarem subir o rio, encontram tal obstáculo, que por vez, ferem-se gravemente, além de ser um momento propicio para predadores.

As presenças de turbinas podem causar a morte dos peixes, dos ovos e das larvas, além do sistema de transposição que poderia favorecer a extinção dos mesmos.

Alguns pesquisadores acreditam que algumas barragens não são favoráveis para os peixes descerem, não sendo adequado para desova e para o desenvolvimento dos alevinos.

Durante a piracema, a pesca é geralmente proibida por lei, devido ao período de reprodução, podendo ocasionar multa e apreensão do material.

Nesse período se houver a captura de grande quantidade de peixes pode ocorrer diminuição da população.

É obrigatório todo pescador possuir carteira de pesca em qualquer época do ano. O pescador que for pego sem a carteira, poderá ter seu equipamento de pesca apreendido.

Piracema

A temporada vai de outubro a março, durante a qual os peixes nadam rio acima para colocar seus ovos e se reproduzir. Assim, a temporada é crítica para a manutenção das populações de peixes nas águas dos rios e lagos locais. Ambos os estados brasileiros proíbem a pesca neste período.

migração sazonal de peixes a montante para desovar nos rios brasileiros é um fenômeno bem conhecido e é conhecido localmente como Piracema.

No curso de sua jornada rio acima e depois de volta para baixo, os peixes têm que enfrentar muitos obstáculos naturais como pedras, cachoeiras e predadores, que tornam a migração uma aventura perigosa.

A palavra Piracema deriva da língua indígena Tupi e significa Saída dos Peixes (Pira) (Sema) – Saída dos Peixes.

De acordo com a definição mais aceita pelos ictiólogos, cientistas que estudam zoologia de peixes, peixes migratórios são aqueles que mudam regularmente de hábitats, realizando migrações “verticais” rio acima e rio abaixo e entrando e saindo de lagos e riachos, ou que fazem longas viagens em os oceanos. As migrações ocorrem em momentos diferentes; algumas espécies migram uma vez por ano e outras empreendem suas viagens com mais frequência.

Os peixes costumam fazer tais movimentos em busca de áreas de alimentação ou para procriar. Eles são sensíveis a mudanças sutis nas condições da água em seus ambientes, como alterações na acidez e nas concentrações de oxigênio, ou mudanças na temperatura da água que os informam quando é hora de fazer suas viagens.

Os peixes migratórios são classificados em cinco categorias de acordo com as origens e destinos de suas viagens migratórias.

Existem algumas espécies, por exemplo, que passam a maior parte de sua vida em mar aberto, mas entram nos rios de água doce quando desejam se reproduzir, e existem outras espécies que saem de seus habitats de água doce e procuram os oceanos ou outros corpos de água salgada para se reproduzir.

Fonte: Camila Correia

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Fator Rh

PUBLICIDADE Fator Rh – O que é O fator Rhesus, também conhecido como fator Rh, é um …

Flavonoides

PUBLICIDADE Os flavonoides ou bioflavonoides, são compostos naturais de plantas que constituem os pigmentos responsáveis …

Aldosterona

PUBLICIDADE Aldosterona – Hormônio A maioria das pessoas nunca ouviu falar desse hormônio em particular, mas ele …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.