Breaking News
Home / Biologia / Inseminação Artificial

Inseminação Artificial

PUBLICIDADE

O que é inseminação artificial?

A inseminação artificial ou inseminação intrauterina é uma técnica de reprodução que consiste na deposição artificial de espermatozoides de um macho no trato reprodutivo de uma fêmea, ou seja, os espermatozoides são previamente recolhidos, processados e selecionados os morfologicamente mais normais e móveis e transferidos para a cavidade uterina.

Inseminação Artificial em Animais

Inseminação artificial é comumente usada em vez de acasalamento natural em muitas espécies de animais por causa dos muitos benefícios, tais como: maior segurança dos animais e do produtor, maior eficiência de produção e melhor genética.

A inseminação artificial também aumenta a eficiência. A maioria dos machos geralmente produz esperma suficiente para ser diluído e estendido o suficiente para criar mais de cem doses. Para algumas espécies, o sêmen diluído é então empacotado em “canudos” e congelado. Essas palhetas de sêmen congelado são normalmente armazenadas em um tanque de nitrogênio, onde duram anos e podem ser usadas conforme necessário.

A inseminação artificial pode melhorar drasticamente a genética do animal. Com a mesma se tornando cada vez mais popular muitos produtores coletam sêmen de seus touros de rebanho e disponibilizam para outros produtores para compra. Isso dá a eles a oportunidade de selecionar o que querem em seus animais.

Inseminação Artificial

Inseminação Artificial em Humanos

Hoje, a inseminação artificial em humanos é considerada uma forma de tecnologia reprodutiva assistida. O procedimento pode ser usado para muitos tipos de problemas de fertilidade, tanto do homem, quanto da mulher e pode ajudar alguns casais que não conseguem engravidar.

Na inseminação artificial, um médico insere espermatozoides diretamente no colo do útero da mulher, nas trompas de Falópio ou no útero. O método mais comum é chamado de “inseminação intra-uterina (IIU)”, quando um médico coloca o espermatozoide no útero, o que torna a viagem mais curta para o esperma e evita obstruções.

Camila Correia

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Bioindicador

Bioindicador

PUBLICIDADE Definição Um bioindicador são espécies cujo desaparecimento ou perturbação dá um aviso prévio da degradação de …

Diatomáceas

PUBLICIDADE As diatomáceas são fitoplâncton onipresente que representam a fonte primária de fotossíntese (e produção de oxigênio) …

Cromossomos homólogos

PUBLICIDADE Definição Os Cromossomos homólogos são dois cromossomos, um de origem paterna e outro de origem materna, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.