Breaking News
Home / Biologia / Taxonomia

Taxonomia

O que é Taxonomia

PUBLICIDADE

Por Taxonomia se compreende o ramo da ciência responsável por dar nome, descrever e classificar os seres vivos, que vão desde os microrganismos até os animas de grande porte. É por meio da taxonomia que estes organismos podem ser identificados, auxiliando no conhecimento básico sobre a diversidade de espécies existentes no planeta, como também para auxiliar na criação de áreas de conservação biológica.

História

O “pai” da taxonomia é Carl Linnaeus, conhecido como Lineu, (1707-1778), um renomado botânico, médico e zoologista. Ele contribuiu com a ciência ao criar o sistema binomial que permitiu dar nome, como também distinguir e classificar os organismos. Ele propôs, para facilitar os estudos, que os seres vivos recebessem nome com suas palavras: a primeira palavra é o gênero e a segunda, o restritivo específico. Linnaeus foi o primeiro cientista a classificar o ser humano como um animal, dando o nome de Homo sapiens.

Por meio da taxonomia, foram catalogados cerca de 1,78 milhão de espécies, porém as estimativas apontam que há entre 5 a 30 milhões de espécies, desde microrganismos até animais e plantas.

Taxonomia de Lineu

Classificação da Erva Daninha, uma planta muito comum na América do Norte.

Reino: Plantae (Todas as plantas)
Classe
: Angiospermae (Todas as plantas com flores)
Ordem:
Gentianales (Todas as plantas que tem pétalas unidas e estigmas elaborados)
Família:
Asclepiadaceae (todas as plantas que tem uma estrutura elaborada ou estames e estigmas fundidos nas flores)
Gênero:
Asclepia (Ervas daninhas leitosas)
Espécie:
Asclepias tuberosa (distinguidas por suas raízes tuberosas e flores vermelho-alaranjadas)

Mas afinal, o que é espécie?

Por espécie se entende um agrupamento de seres vivos que conseguem se reproduzir entre si, dando origem a descendentes viáveis, os quais podem se reproduzir também.

Exemplo de espécies: leão (Pantheraleo) e tigre (Pantheratigres).

Cada um é de uma espécie diferente e, caso sejam cruzados (por uma ação humana, pois na natureza não há tigres convivendo com leões), haverá a formação de híbridos, que são estéreis.

Taxonomia no Brasil

O Brasil é um dos países com maior número de espécies, com quase 7% do total de espécies descritas pela ciência. As estimativas apontam que há um grande número de organismos que sequer foram descobertos.

Por isso a importância de taxonomistas: eles identificam, catalogam e classificam os seres vivos. Segundo um levantamento feito em 2006, havia cerca de 500 taxonomistas no País – um número considerado baixo, quando levado em consideração que o Brasil é um país com a maior diversidade do planeta.

Juliano Schiavo
Biólogo e mestre em Agricultura e Ambiente

Referências

CONVENTION ON BIOLOGICAL DIVERSITY. Linnaeus LectureSeries. Disponível em: <https://www.cbd.int/doc/publications/linnaeus-brochure-en.pdf>. Acesso em 01/06/17

CONVENTION ON BIOLOGICAL DIVERSITY. What is Taxonomy?.Disponível em: < https://www.cbd.int/gti/taxonomy.shtml>. Acesso em 01/06/17

MARQUES, Antonio Carlos; LAMAS, Carlos José Einicker. Taxonomia zoológica no Brasil: estado da arte, expectativas e sugestões de ações futuras. Papéis Avulsos de Zoologia (São Paulo), v. 46, n. 13, p. 139-174, 2006.

Veja também

Água de Reuso

Água de Reuso

PUBLICIDADE O que é a água de reuso? É grande a preocupação com a disponibilidade …

Torniquete

PUBLICIDADE Definição Um torniquete pode ser definido como um dispositivo de constrição ou compressão usado …

cetose

Cetose

PUBLICIDADE Definição Cetose é um estado metabólico caracterizado por níveis aumentados de corpos cetônicos nos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.