Breaking News
Home / Biologia / Conservação dos Alimentos

Conservação dos Alimentos

PUBLICIDADE

A comida é uma fonte de energia para todos nós. Alimentos não saudáveis ou estragados são a principal causa de doenças em humanos. Isso é conhecido como intoxicação alimentar. Para evitar isso, os alimentos precisam ser preservados de várias maneiras.

Vários métodos de Conservação dos Alimentos têm sido utilizados para evitar a deterioração dos alimentos e intoxicação alimentar desde os tempos antigos. Estes são, salga, secagem e fumagem. Hoje em dia, são usados, congelamento, fermentação, secagem ao sol, desidratação e de conservas, métodos de refrigeração são algunas técnicas de preservação de alimentos.

Com o advento da tecnologia, foram desenvolvidos métodos modernos de preservação de alimentos. Produtos químicos e outras substâncias naturais eram usados para preservação.

Essas substâncias são conhecidas como conservantes.

Objetivos da Preservação de Alimentos

A seguir estão os objetivos importantes da preservação de alimentos:

Para prevenir a contaminação microbiana.
Para matar patógenos.
Para minimizar a deterioração e intoxicação alimentar.

Preservação de Alimentos ou Conservação dos Alimentos tornou-se um componente cada vez mais importante da indústria de alimentos à medida que menos pessoas comem alimentos produzidos em suas próprias terras e os consumidores esperam poder comprar e consumir alimentos fora da estação.

A grande maioria dos casos de deterioração de alimentos pode ser atribuída a uma de duas causas principais:

1) o ataque de patógenos (microrganismos causadores de doenças), como bactérias e fungos, ou
2)
 oxidação que causa a destruição de compostos bioquímicos essenciais e/ou a destruição de células vegetais e animais.

Os vários métodos que foram concebidos para conservar alimentos são todos concebidos para reduzir ou eliminar um ou outro (ou ambos) desses agentes causadores.

O que é preservação de alimentos?

preservação de alimentos é a ciência que estende a vida útil dos alimentos enquanto mantém o máximo possível de sua qualidade nutricional e evita o crescimento de microrganismos indesejados.

Existem várias maneiras de conservar os alimentos. Alguns envolvem métodos de armazenamento, alguns envolvem embalagem e alguns envolvem tratar o alimento de maneiras particulares antes ou durante o armazenamento, seja cozinhando-o no todo ou em parte ou combinando-o com outros alimentos ou substâncias. Essa ciência tem sido praticada de várias maneiras por centenas de anos.

Manter os alimentos resfriados ajuda a preservá-los

Resfriar os alimentos é uma forma de mantê-los. Alguns alimentos se adaptam bem ao nível de temperatura que a maioria das pessoas associa à refrigeração, enquanto outros alimentos devem ser mantidos congelados.

Os porões frios ou porões de raiz foram historicamente usados para manter a produção e ainda são usados hoje.

Na maioria dos países, é comum encontrar uma combinação de geladeira e freezer como eletrodoméstico padrão na maioria das cozinhas. Ainda mais especializada é a bandeja hidratante oferecida na maioria dos refrigeradores para controlar a umidade para armazenar frutas e vegetais, e o recipiente de manteiga que mantém a manteiga e a margarina um pouco mais quentes do que o resto da geladeira para melhorar sua espalhabilidade.

Os métodos de armazenamento usados na preservação de alimentos incluem selagem a vácuo, enlatamento e engarrafamento.

Essas técnicas selam os alimentos em sacos, potes ou latas esterilizados, e o enlatamento costuma ser combinado com outros métodos de preservação, como decapagem ou confecção de conservas, geleias ou geleias.

Embrulhar os alimentos com cuidado, por exemplo, em filme plástico e depois em papel alumínio, é outro impedimento à deterioração dos alimentos.

Os alimentos podem ser embrulhados em filme plástico para preservar o
frescor como uma medida temporária

Outros métodos de preparação de alimentos além de decapagem e conserva que contribuem para preservar a vida e a qualidade dos alimentos incluem o seguinte:

A secagem, que pode ser feita ao ar, ou usando um dispositivo de desidratação especializado;
Salga ou cura, que usa osmose para tirar a umidade da carne, e às vezes é obtida com produtos químicos chamados nitratos e nitritos;
Defumação, um processo de secagem frequentemente usado com carnes e peixes que usa o calor para remover a umidade dos alimentos, mas para antes de cozinhá-los;
Irradiação, sujeitando alimentos a radiação ionizante, por exemplo, na forma de raios X ou raios gama, que é um método relativamente novo de tratamento de alimentos para matar microorganismos e insetos e reduzir a deterioração.

Além disso, a preservação pode ser realizada através da pasteurização, aquecimento de alimentos para a efetivação de certos microrganismos; fermentação láctica, um método de preservação parecido com a decapagem que reduz o valor do pH; usando soda cáustica como conservante – mas observe que aumenta a alcalinidade para impedir o crescimento de microorganismos; e preservação com etanol.

Esses métodos podem ser aplicados individualmente ou, em alguns casos, combinados, e são escolhidos de acordo com o alimento a ser conservado.

Quais são os diferentes métodos de preservação de alimentos?

Preservação de Alimentos ou Conservação dos Alimentos

Existem vários métodos diferentes de preservação de alimentos que podem manter os perecíveis embalados e seguros para consumo posterior.

As técnicas comerciais de preservação de alimentos geralmente envolvem a adição de conservantes ou outros aditivos aos alimentos para prevenir o crescimento bacteriano; os alimentos embalados comprados no supermercado são tipicamente preservados para o frescor dessa maneira. Muitas pessoas desejam cultivar e conservar seus próprios alimentos por vários motivos, como para economizar dinheiro ou evitar a exposição a pesticidas ou aditivos químicos. Existem vários métodos diferentes de preservação de alimentos que podem ser realizados em casa, como enlatamento, congelamento ou secagem de muitos tipos diferentes de alimentos. Alguns são mais fáceis do que outros e é importante compreender os métodos para garantir que o alimento seja seguro para consumo.

O congelamento é um dos meios mais simples de preservação de alimentos. Muitos tipos diferentes de alimentos podem ser congelados, desde vegetais frescos a ensopados, sopas ou molhos preparados.

Alguns vegetais precisam ser cortados e escaldados primeiro, o que envolve fervê-los por vários minutos e depois mergulhá-los em água fria, para garantir que durem no congelador.

Outros podem ser simplesmente colhidos e congelados. O segredo é congelá-los quando forem recém-colhidos e reduzir ao máximo a exposição ao ar. Algumas pessoas usam um selador a vácuo para fazer isso.

Outro dos métodos mais comuns de preservação de alimentos é o enlatamento. Isso funciona bem para muitos tipos diferentes de frutas e vegetais, bem como alimentos em conserva.

O enlatamento em banho-maria e o enlatamento sob pressão são dois métodos diferentes que garantem que os potes de enlatamento sejam aquecidos a uma temperatura suficiente para matar as bactérias; se isso não for feito corretamente, os alimentos enlatados podem ser extremamente inseguros. Fazer geléias ou conservas com frutas frescas é outro método um pouco mais fácil de conservar os alimentos. Independentemente disso, certifique-se de fazer pesquisas antes de enlatar qualquer coisa.

Secar ou defumar os alimentos são algumas das formas mais tradicionais de conservar os alimentos.

Alimentos desidratados não são cozidos, mas a umidade é removida para evitar o crescimento de bactérias. Hoje, muitas pessoas usam simplesmente um desidratador de alimentos para secar alimentos de forma rápida e simples, embora também seja possível usar apenas o forno. Com prática e consciência, muitas pessoas descobrem que esses diferentes métodos de preservação de alimentos lhes permitem desfrutar de alimentos saudáveis e frescos durante todo o ano, sem conservantes ou outros aditivos.

Por que preservar os alimentos?

Conservação dos Alimentos

A deterioração de alimentos é o processo pelo qual os alimentos se tornam inseguros ou inaceitáveis para consumo humano. A deterioração é normalmente causada pelo crescimento de microrganismos nos alimentos.

Outras perdas de qualidade são causadas por atividades naturais em tecidos de alimentos frescos, por exemplo, o amolecimento excessivo em frutas maduras causado por enzimas de frutas.

A deterioração e as perdas de qualidade são parcial ou totalmente controladas em alimentos devidamente conservados.

preservação de alimentos é a manutenção de alimentos seguros e nutritivos por um longo período de tempo. Exemplos de alimentos em conserva incluem produtos devidamente embalados, refrigerados, congelados, enlatados e secos.

Fonte: www.puntofrancoagro.com/ucanr.edu/www.wisegeek.com/www.cuidardosalimentos.fiocruz.br/tecalim.vilabol.uol.com.br/www.encyclopedia.com

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Fator Rh

PUBLICIDADE Fator Rh – O que é O fator Rhesus, também conhecido como fator Rh, é um …

Flavonoides

PUBLICIDADE Os flavonoides ou bioflavonoides, são compostos naturais de plantas que constituem os pigmentos responsáveis …

Aldosterona

PUBLICIDADE Aldosterona – Hormônio A maioria das pessoas nunca ouviu falar desse hormônio em particular, mas ele …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.