Breaking News
Home / Biologia / Parasitismo

Parasitismo

O que é Parasitismo?

PUBLICIDADE

Quando falamos em Parasitismo, estamos falando de uma relação ecológica desarmônica, em que um indivíduo, de uma espécie diferente, leva vantagens sobre outro, prejudicando-o. Assim, para entender melhor o conceito, é preciso compreender o que é um parasita. Por parasita se compreende organismos que parasitam outros seres vivos, se alimentando deles, porém sem leva-los à morte. O parasita pode se fixar na superfície ou no interior de um hospedeiro.

É importante explicar, antes, a diferença entre um parasita e um parasitoide. No caso de um parasita, ele necessariamente depende do hospedeiro vivo para continuar seu ciclo de vida. Caso o hospedeiro morra, o parasita também é afetado. No caso do parasitoide, ele leva seu hospedeiro à morte.

Ao analisarmos os seres vivos, podemos destacar que há parasitas internos (que vivem no interior dos seres vivos) e, inclusive, podemos encontrar parasitas que são externos (que ficam na superfície dos hospedeiros). Entre os parasitas internos, podemos destacar as lombrigas, tênias, oxiúros, entre outros. Estes organismos vivem no interior de seus hospedeiros. Já entre os parasitas externos temos como exemplo os carrapatos, piolhos, pulgas e sanguessugas que se fixam sobre a pele de seus hospedeiros.

Vale lembrar que alguns parasitas podem, inclusive, levar seus hospedeiros à morte. Isso depende do grau de infestação do indivíduo (número de parasitas presentes no hospedeiro) e da oferta de alimentos a que o hospedeiro tem acesso. Além disso, alguns animais, por terem seus recursos drenados pelos parasitas, se tornam mais fracos, tornando-se presas mais fáceis.

Outros parasitas podem ainda ser transmissores de doenças. Como exemplo, temos o carrapato-estrela que, caso esteja contaminado, pode transferir ao seu hospedeiro a bactéria Rickettsia rickettsii, causadora da febre maculosa.

As pulgas também foram responsáveis, por exemplo, pela disseminação da peste bubônica, ou peste negra, que dizimou um terço da população europeia na Idade Média. A peste negra é uma doença causada pela bactéria Yersiniapestis, que afeta primariamente roedores. Ela é transmitida quando uma pulga, ao morder um roedor afetado, morde um ser humano.

Juliano Schiavo
Biólogo e mestre em Agricultura e Ambiente

Referências

 IBB. UNESP. Interação interespecífica. Disponível em: <www.ibb.unesp.br/Home/Departamentos/Fisiologia/ComunicacaoAnimal/comunica_aula10_inter-especifica.pdf>. Acesso em 13/07/17

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Palinologia

PUBLICIDADE Palinologia é o estudo do pólen da planta, esporos e certos organismos microscópicos do plâncton (chamados coletivamente de palinomorfos) …

Bioindicador

Bioindicador

PUBLICIDADE Definição Um bioindicador são espécies cujo desaparecimento ou perturbação dá um aviso prévio da degradação de …

Diatomáceas

PUBLICIDADE As diatomáceas são fitoplâncton onipresente que representam a fonte primária de fotossíntese (e produção de oxigênio) …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.