Breaking News
Home / Biologia / Quimigação

Quimigação

PUBLICIDADE

Entre as décadas de 40 e 50 produtores americanos começaram a realizar aplicações de defensivos agrícolas através da água de irrigação por sistemas tipo “pivot central”.

O que é

Quimigação é o processo de aplicação de substâncias químicas agrícolas para o solo ou para a superfície das plantas com um sistema de irrigação injetando a substância química na água de irrigação.

Por se tratar de produtos químicos destinados ao controle fitossanitário das culturas recebeu a denominação “quimigação”, porém diversos tipos de produtos agrícolas podem ser aplicados via pivot central recebendo outras denominações específicas:

Aplicação de Fertilizantes Líquidos: Fertirrigação
Aplicação de Herbicidas: Herbigação
Aplicação de Inseticidas: Insetigação
Aplicação de Fungicidas: Fungigação
Aplicação de Nematicidas: Nematigação

Quimigação

Vantagens e desvantagens do sistema

Inúmeras vantagens são citadas por diversos produtores que utilizam a técnica de aplicação de agroquímicos via pivot:

1) Uniformidade das aplicações – A estrutura dos encanamentos do Pivot Central é construída para promover boa distribuição da água de irrigação. Os bicos de aplicação devem ser sempre checados para garantir a boa uniformidade de aplicação de água do sistema de irrigação.
2) Prescrição das aplicações –
Os agroquímicos são aplicados com a água de irrigação em quantidades determinadas em locais específicos no solo.
3) Economia nas aplicações –
Os custos com aplicações via pivot são freqüentemente menores quando comparadas com aplicações convencionais. Perdas indiretas provocadas por danos mecânicos na cultura e compactação do solo poderão ser evitados. Economias na manutenção das máquinas, operadores, combustível e outros.
4) Aplicações oportunas –
O pivot pode aplicar agroquímicos em condições desfavoráveis para outros equipamentos: culturas muito altas, época de florada, terreno molhado, outros. O pivot pode aplicar também durante a noite, sem a necessidade de adoção de tecnologias para balizamento das máquinas, mecanismos adicionais de iluminação e sistemas de visão noturna.
5) Menor compactação do solo –
A compactação do solo com o pivot é dezenas de vezes menor quando comparada com pulverizadores tratorizados ou outros sistemas convencionais comumente utilizados.
6) Menores danos na cultura –
A grande altura do vão livre entre a estrutura de aplicação do pivot e o solo não provoca danos mecânicos à cultura, evitando perdas na produtividade.
7) Segurança dos operadores –
Os operadores não correm riscos de serem contaminados, pois não estão montados no sistema de aplicação e não ficam expostos aos agroquímicos.

Podemos citar também algumas desvantagens da Quimigação:

1) Maior gerenciamento da operação – A aplicação de agroquímicos com pivot central requer operadores com maiores conhecimentos sobre irrigação, calibração e sistemas de injeção de produtos químicos.
2) Equipamentos adicionais –
Sistemas injetores de agroquímicos, sistemas de segurança, intensiva manutenção e checagem nos sistemas de segurança, locais específicos para estocagem de equipamentos e produtos químicos.
3) Riscos de contaminação ambiental –
Riscos de contaminação ambiental são possíveis se equipamentos de segurança não forem corretamente utilizados. Escape de águas com agroquímicos para fora da área de aplicação é possível. Possíveis vazamentos ocasionados pela corrosão dos produtos químicos nos encanamentos dos sistemas de irrigação e de injeção possibilitariam a contaminação do solo, dos operadores e do lençol freático.

Sistemas de Injeção

O sistema de injeção é utilizado para adicionar os produtos químicos na água de irrigação.

O sistema é composto por:

1) Bomba injetora – Na aplicação de defensivos agrícolas normalmente é utilizado bomba de diafragma de baixo volume que podem ser ajustadas durante o bombeamento, facilitando a calibração. Nas aplicações de fertilizantes o mais indicado seriam as bombas de pistão, quando são aplicados altos volumes;
2)
Tubo de calibração;
3)
Tanque-depósito com agitador;
4)
Conexões e tubulações associadas.

Quimigação
Sistema de Bomba para Injeção de Agroquímicos e Fertilizantes

Quimigação
Tanque de Mistura

Quimigação
Sistema de Injeção Móvel

Quimigação
Trailer Completo para Injeção de Fertilizantes

Quimigação
Sistema Móvel de Injeção com Backflow Preventer*

*válvula de segurança que evita o retorno da água de irrigação com o produto químico.

Sistemas de segurança

O maior risco da tecnologia de aplicação via pivot central é o retorno do fluxo da água de irrigação com as substâncias químicas para as fontes de coleta naturais, como rios, lagos, poços e outros. Objetivando minimizar os riscos de problemas de retorno do fluxo da água com os agroquímicos, são instalados em vários pontos do sistema mecanismos de segurança que impedirão o refluxo da calda de aplicação.

Componentes do Pivot Central e Sistemas de Segurança:

1) Motor Elétrico;
2) Painel da Bomba;
3) Painel do Sistema de Injeção;
4) Interruptor de Baixa Pressão;
5) Válvula de Alívio;
6) Locais de Inspeção;
7) Válvula de Checagem;
8) Ponto de Injeção;
9) Linha de Irrigação;
10) Dreno de Baixa Pressão;
11) Bomba de Injeção;
12) Tanque de Agroquímicos;
13) Unidade de Retenção.

Novas tecnologias estão sendo incorporadas aos sistemas de irrigação tipo pivot central objetivando melhorar a precisão e a qualidade das aplicações de agroquímicos com esses equipamentos.

Dentre essas novas tecnologias podemos citar os novos sistemas de injeção de agroquímicos equipados com mecanismos de segurança cada vez mais eficientes, controles informatizados de aplicação conectados a tecnologias GPS de posicionamento global possibilitando aplicações de produtos em doses variáveis em locais específicos com a máxima precisão e eficiência minimizando os riscos de contaminação ambiental e monitoramento do sistema de irrigação e da aplicação dos agroquímicos através de fotos aéreas com infravermelho, sensoriamento remoto e sensores eletrônicos.

Essas novas tecnologias deverão servir de alavanca para a adoção desses sistemas pelos produtores rurais das grandes áreas irrigadas em um futuro próximo.

Fonte: www.pulverizador.com.br

Veja também

Algas Dinophytas

Algas Dinophytas

PUBLICIDADE O que são algas dinophytas? As algas dinófitas, pertencem ao Filo Dinophyta e a …

Endoderma

PUBLICIDADE Definição de endoderma Endoderma ou Endoderme é a mais interna das três camadas germinativas, …

Alelos Múltiplos

PUBLICIDADE O que são alelos múltiplos? Os alelos múltiplos ou polialelia são casos em que …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.