Breaking News
Home / Biologia / Leucoplasto

Leucoplasto

O que é Leucoplasto?

PUBLICIDADE

Os plastos, também conhecidos por plastídios, são organelas presentes nas células vegetais.  Estas organelas celulares apresentam diversas funções, como síntese de aminoácidos e ácidos graxos, armazenamento de substâncias e fotossíntese. Os plastos podem ser classificados de acordo com o tipo de pigmento que eles possuem. Portanto, há cloroplastos, cromoplastos e leucoplastos.

Neste texto, abordamos sobre os Leucoplastos. Porém, é importante compreender o que diferencia estas organelas. Os cloroplastos e os cromoplastos apresentam pigmentos. No caso dos cloroplastos, eles contam com clorofila, enquanto que os cromoplastos apresentam como pigmentos os caratenóides. Por sua vez os leucoplastos apresentam outras substâncias, as quais são armazenadas em seu interior.

A palavra leucoplasto vem do grego leuko, que significa branco, e plasein, cujo significado é formar. Dentre os leucoplastos, podemos destacar os amiloplastos, que são encarregados de armazenar amido. Geralmente este tipo de leucoplasto é encontrado em tecidos ou órgãos de reserva e, principalmente, em órgãos subterrâneos, como as raízes e os caules. Eles também podem estar presentes em sementes e frutos. Como exemplo, temos a batata(Solanumtuberosum), que é um tubérculo, assim como a mandioca (Manihotesculentum).

Uma característica dos amiloplastos é que, em contato com a luz, eles podem se transformar em cloroplastos. É o que se pode observar com as batatas: caso elas fiquem expostas a luz, os amiloplastos se transformam em cloroplastos e, portanto, passam a ficar verdes (por isso a batata fica verde). Além disso, em momentos de ausência de glicose para a planta, o amido (que é uma reserva energética) é convertido em glicose e utilizado pelo vegetal.

Leucoplasto

Outro tipo de leucoplasto é o que consegue armazenar proteínas. Eles são denominados proteinoplastos e são encontrados nos elementos crivados de monocotiledôneas e, também, podem estar presentes em algumas dicotiledôneas. Vale ressaltar que existe um terceiro tipo de leucoplasto: o que consegue armazenar óleos. Desta forma, ele é conhecido por armazenar lipídios, apresentando poucos tilacóides e pouca ou nenhum pigmentos, como clorofila ou carotenoides.

Juliano Schiavo
Biólogo e mestre em Agricultura e Ambiente

Referências

APPEZZATO-DA-GLÓRIA, Beatriz (2006.). Anatomia Vegetal. Viçosa: 2ª ed. Viçosa: Universidade Federal de Viçosa. pp. 438 p.

SENSEAGENT.Oleoplasto. Disponível em: <dicionario.sensagent.com/OLEOPLASTO/pt-pt/>. Acesso em 05/07/17

Conteúdo Relacionado

 

Veja também

Síntese de Proteínas

PUBLICIDADE O que é a síntese de proteínas? A síntese de proteínas é um processo …

Teoria do Encaixe Induzido

PUBLICIDADE O que é a teoria do encaixe induzido? A teoria do encaixe induzido foi proposta …

Sinalização Celular

PUBLICIDADE O que é sinalização celular? A sinalização celular é um processo de comunicação entre …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.