Breaking News
QUESTION 1 You have a hybrid Exchange Server 2016 organization. Some of the mailboxes in the research department are hosted on-premises. Other mailboxes in the research department are stored in Microsoft Office 365. You need to search the mailboxes in the research department for email messages that contain a specific keyword in the message body. What should you do? A. From the Exchange Online Exchange admin center, search the delivery reports. B. Form the on-premises Exchange center, search the delivery reports. C. From the Exchange Online Exchange admin SY0-401 exam center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. D. From the Office 365 Compliance Center, create a new Compliance Search. E. From the on-premises Exchange admin center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. Correct Answer: E QUESTION 2 You have an Exchange Server 2016 organization. You plan to enable Federated Sharing. You need to create a DNS record to store the Application Identifier (AppID) of the domain for the federated trust. Which type of record should you create? A. A B. CNAME C. SRV D. TXT Correct Answer: D QUESTION 3 Your company has an Exchange Server 2016 200-310 exam Organization. The organization has a four- node database availability group (DAG) that spans two data centers. Each data center is configured as a separate Active Directory site. The data centers connect to each other by using a high-speed WAN link. Each data center connects directly to the Internet and has a scoped Send connector configured. The company's public DNS zone contains one MX record. You need to ensure that if an Internet link becomes unavailable in one data center, email messages destined to external recipients can 400-101 exam be routed through the other data center. What should you do? A. Create an MX record in the internal DNS zone B. B. Clear the Scoped Send Connector check box C. Create a Receive connector in each data center. D. Clear the Proxy through Client Access server check box Correct Answer: AQUESTION 4 Your network contains a single Active Directory forest. The forest contains two sites named Site1 and Site2. You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains two servers in each site. You have a database availability group (DAG) that spans both sites. The file share witness is in Site1. If a power failure occurs at Site1, you plan to mount the databases in Site2. When the power is restored in Site1, you Cisco CCNP Security 300-207 exam SITCS need to prevent the databases from mounting in Site1. What should you do? A. Disable AutoReseed for the DAG. B. Implement an alternate file share witness. C. Configure Datacenter Activation Coordination (DAC) mode. D. Force a rediscovery of the EX200 exam network when the power is restored. Correct Answer: C QUESTION 5 A new company has the following: Two offices that connect to each other by using a low-latency WAN link In each office, a data center that is configured as a separate subnet Five hundred users in each office You plan to deploy Exchange Server 2016 to the network. You need to recommend which Active Directory deployment to use to support the Exchange Server 2016 deployment What is the best recommendation to achieve the goal? A. Deploy two forests that each contains one site and one site link. Deploy two domain controllers to each forest. In each forest configure one domain controller as a global catalog server B. Deploy one forest that contains one site and one site link. Deploy four domain controllers. Configure all of the domain controllers as global catalog servers. C. Deploy one forest that contains two sites and two site links. Deploy two domain controllers to each site in each site, configure one domain controller as a global catalog server D. Deploy one forest that contains two sites and one site link. Deploy two domain controllers to each site. Configure both domain controllers as global catalog servers Correct Answer: C QUESTION 6 How is the IBM Content Template Catalog delivered for installation? A. as an EXE file B. as a ZIP file of XML files C. as a Web Appli cati on Archive file D. as a Portal Application Archive file Correct Answer: D QUESTION 7 Your company has a data center. The data center contains a server that has Exchange Server 2016 and the Mailbox server role installed. Outlook 300-101 exam anywhere clients connect to the Mailbox server by using thename outlook.contoso.com. The company plans to open a second data center and to provision a database availability group (DAG) that spans both data centers. You need to ensure that Outlook Anywhere clients can connect if one of the data centers becomes unavailable. What should you add to DNS? A. one A record B. two TXT records C. two SRV records D. one MX record Correct Answer: A QUESTION 8 You have an Exchange Server 2016 EX300 exam organization. The organization contains a database availability group (DAG). You need to identify the number of transaction logs that are in replay queue. Which cmdlet should you use? A. Test-ServiceHealth B. Test-ReplicationHealth C. Get-DatabaseAvailabilityGroup D. Get-MailboxDatabaseCopyStatus Correct Answer: D QUESTION 9 All users access their email by using Microsoft Outlook 2013 From Performance Monitor, you discover that the MSExchange Database\I/O Database Reads Average Latency counter displays values that are higher than normal You need to identify the impact of the high counter values on user connections in the Exchange Server organization. What are two client connections 400-051 exam that will meet performance? A. Outlook on the web B. IMAP4 clients C. mobile devices using Exchange ActiveSync D. Outlook in Cached Exchange ModeE. Outlook in Online Mode Correct Answer: CE QUESTION 10 You work for a company named Litware, Inc. that hosts all email in Exchange Online. A user named User1 sends an email message to an Pass CISCO 300-115 exam - test questions external user User 1 discovers that the email message is delayed for two hours before being delivered. The external user sends you the message header of the delayed message You need to identify which host in the message path is responsible for the delivery delay. What should you do? A. Review the contents of the protocol logs. B. Search the message tracking logs. C. Search the delivery reports 200-355 exam for the message D. Review the contents of the application log E. Input the message header to the Exchange Remote Connectivity Analyzer Correct Answer: E QUESTION 11 You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains three Mailbox servers. The servers are configured as shown in the following table You have distribution group named Group1. Group1 contains three members. The members are configured as shown in the following table. You discover that when User1 sends email messages to Group1, all of the messages are delivered to EX02 first. You need to identify why the email messages sent to Group1 are sent to EX02 instead. What should you identify? A. EX02 is configured as an expansion server. B. The arbitration mailbox is hosted 300-320 exam on EX02.C. Site2 has universal group membership caching enabled. D. Site2 is configured as a hub site. Correct Answer: A
Home / Biologia / Cílios e Flagelos

Cílios e Flagelos

PUBLICIDADE

 

Cílios e Flagelos – O que são

Cílios e flagelos são organelas celulares que são estruturalmente semelhantes, mas são diferenciados com base em sua função e / ou comprimento. Os cílios são curtos e geralmente há muitos (centenas) cílios por célula.

Por outro lado, os flagelos são mais longos e há menos flagelos por célula (normalmente 1-8).

Embora eucariótica flagelos e cílios móveis são estruturalmente idênticos, o padrão de batimento dos dois organelos pode ser diferente.

O movimento dos flagelos é muitas vezes ondulante e wave-like, enquanto os cílios móveis, muitas vezes realizar um movimento de 3D mais complicada com um poder e golpe de recuperação.

As estruturas responsáveis pela motilidade celular são constituídas por pequenos apêndices, especialmente diferenciados, que variam em número e tamanho. Se são escassos e longos recebem o nome de flagelos, ao passo que se são numerosos e curtos são denominados cílios.

O batimento ciliar é uma forma exaustivamente estudada de movimento celular.

Os cílios são apêndices finos, semelhantes a cabelos com O,25 micromêtros de diâmetro, contendo no seu interior um feixe de microtúbulos; estendem-se a partir da superfície de muitos tipos de células e são encontrados na maioria das espécies animais, em muitos protozoários e em algumas plantas inferiores.

A função primária dos cílios consiste em movimentar fluido sobre a superfície celular ou deslocar células isoladas através de um fluido. Os protozoários, -por exemplo, usam os cílios tanto para coletar partículas de alimento como para locomoção.

Nas células epiteliais que revestem o trato respiratório humano, um número gigantesco de cílios ( 109 /cm2 ou mais) limpam as camadas de muco contendo partículas de poeira e células mortas em direcão à boca, onde serão engolidas ou eliminadas. Os cílios também auxiliam no deslocamento do óvulo pelo oviduto e, uma estrutura relacionada, o flagelo, impulsiona os espermatozóides.

Funções de Cílios e Flagelos

Locomoção da Célula
Movimentação de Líquido Extracelular
Limpeza das Vias Respiratórias

Flagelos trabalham como chicotes que puxam (como nas Chlamydomonas ou Halosphaera) ou empurrando (dinoflagellates, um grupo de Protista unicelular) o organismo pela água. Cílios trabalham como remos em um navio viking (o Paramecium tem 17.000 cílios, cobrindo sua superfície exterior, que remam dando-lhe movimento).

Movimentos de cílios

Cílios e Flagelos
Desenho mostrando as diferenças de movimentos entre o cílios e o flagelo

Áreas ciliadas se curvam em ondas unidirecionais coordenadas (Figure acima).

Cada cilio se move com um movimento de chicote: uma batida para a frente, na qual o cilio se estende totalmente golpeando o líquido circundante, seguida por uma fase de recuperação, na qual ele retorna à sue posição original com um movimento de enrolamento que minimize o arrasto viscoso.

Os ciclos dos cilios adjacentes são quase sincrônicos criando um padrão ondulatório de batimento ciliar que pode ser observado ao microscópio.

Os flagelos dos espermatozóides e de muitos protozoários são muito semelhantes aos cilios na sua estrutura interna, mas normalmente são muito mais longos. Ao invés de descreverem movimentos de chicote, se movem em ondas quase-sinusoidais (Figure acima). No entanto, a base molecular para seu movimento é a mesma da dos cíilios. Deve ser registrado que os flagelos das bactérias são completamente diferentes dos cíilios e flagelos das células eucarióticas. O movimento de um cíllio ou de um flagelo é produzido pela curvature de seu núcleo, chamado axonema.

O axonema é composto por microtúbulos e suas proteinas associadas.

Os microtúbulos estão modificados e dispostos num padrão, cujo aspecto curioso e diferente foi uma das revelações mais extraordinárias no inicio da microscopia eletrônica: nove microtúbulos duplos especiais estão dispostos formando um anel ao redor de um par de microtúbulos simples (ver figura). Este arranjo de “9 + 2” é caracteristico de quase todas as formas de cílios ou flagelos eucarióticos- desde protozoários até humanos. Os microtúbulos se estendem de modo contínuo, ao longo do comprimento do axonema que, normalmente possui 10 micromêtros de comprimento, mas, em algumas células, pode alcançar 200 um.

Enquanto cada membro do par de microtúbulos individuals (o par central) é um microtúbulo completo, cada um dos pares externos é composto por um microtúbulo completo e outro parcial, mantidos unidos, compartilhando uma parede tubular comum. Em secções transversals, cada microtúbulo completo parece formado por um anel de 13 subunidades enquanto o túbulo incompleto parece possuir somente 11.

Cílios e Flagelos
Diagrama das partes constituintes de um cílio ou flagelo

Os microtúbulos de um axonema estão associados com numerosas proteínas, que se projetam a distancias regulares ao longo do seu comprimento. Algumas servem para manter os feixes de túbulos unidos através de pontes transversais. Outras geram a força que dirige o movimento de curvatura, enquanto outras formam um sistema de revezamento ativado mecanicamente que controle o movimento de modo a produzir a forma da onde desejada. A mais importante dessas proteínas é a dineina ciliar, cujas cabeças interagem com microtúbulos adjacentes e geram uma força de deslizamento entre eles. Devido as múltiplas pontes que mantém unidos os pares de microtúbulos adjacentes, o que seria um movimento de deslizamento entre microtúbulos livres, transforma-se em movimento de curvature do cílio .

Tal como a dineína citoplasmátic a, dineína ciliar possui um domínio motor que hidrolisa ATP e se move ao longo de um microtúbulo na direção de sue extremidade “menos”, e uma cauda que transporte a carga que, neste cave, é um microtúbulo adjacente. A dineína ciliar é consideravelmente maior do que a dineína citoplasmática, tanto no tamanho de sues cadeias pesadas como no número e na complexidade de sues cadeias polipeptídicas. A dineína do flagelo da alga verde unicelular Chlamydomonas, por exemplo, é formada por 2 ou 3 cadeias pesadas (existem múltiplas formas de dineína no flagelo) e por 10 ou mais polipeptídeos menores . Notar (Figura acima) que a cauda da dineína (em vermelho) ciliar liga-se somente ao túbulo A e não ao túbulo B, cuja estrutura é levemente diferente.

Cílios e Flagelos
Micrografia eletrônica de secções transversal e vertical de um cílio

Os flagelos e cílios crescem a partir de Corpúsculos Basais que estão intimamente relacionados com os Centríolos.

Se os dois flagelos da alga verde Chlamydomonas forem removidos, eles se formam rapidamente de novo por alongamento a partir de estruturas chamadas corpúsculos basais. Os corpúsculos basais possuem a mesma estrutura dos centríolos que são encontrados embutidos no centro dos centrossomos das células animals.

De fato, em alguns organismos, os corpúsculos e os centríolos parecem ser funcionalmente interconversíveis: por exemplo, durante cada mitose da Chlamydomonas, os flagelos são reabsorvidos e os corpúsculos basais se movem para o interior da célula e inserem-se nos pólos do fuso. Os centríolos e os corpúsculos basais são estruturas cilíndricas, com 0,2 um de largura e 0,4 um de comprimento. Nove grupos de três microtúbulos, fundidos em tripletes, formam a parede do centríolo e cada triplete se incline para dentro como as lâminas de uma turbine (Ver Figura). Tripletes adjacentes ligam-se ao longo de seu comprimento a intervalos regulares, enquanto tênues raios protéicos podem ser vistos em micrografias eletrônicas irradiando-se para fore de cada triplete a partir de um núcleo central, formando um padrão semelhante a uma rode de carroça (veja Figura). Durante a formação ou a regeneração de um ci1io, cada par de microtúbulos do axonema se forma a partir de dois dos microtúbulos do triplete do corpúsculo basal e, desta forma, a simetria característica de 9 elementos é preservada. Não se sabe como o par central se forma no axonema; essa estrutura não é encontrada nos corpúsculos basais.

Cílios e Flagelos
Micrografia eletrônica de uma secção transversal de
dois corpúsculos basais no córtex de um protozoário

Cílios e Flagelos
Desenho esquemático da vista lateral de um corpúsculo basal, constituído por
nove tripletes de microtúbulos. A estrutura de um centríolo é essencialmente a mesma

Cílios e Flagelos – Estrutura

Os cílios e flagelos têm a mesma estrutura interna. Os cílios, no entanto, são mais curtos e mais numerosos por célula do que os flagelos. Essas estruturas ocorrem em seres multicelulares e também em muitos protistas, como é o caso dos ciliados e dos flagelados.

Nesses organismos unicelulares, os cílios e os flagelos têm a mesma função básica de promover o deslocamento em meio líquido ou mesmo de promover a movimentação do líquido circundante, de modo a propiciar a obtenção de alimento. Eles são centríolos modificados e muito alongados, que se estendem no interior de evaginações da membrana. Os cílios e flagelos são compostos de nove grupos de dois microtúbulos periféricos e de um grupo de dois microtúbulos centrais.

Cílios e flagelos são apêndices celulares motilidade encontrados na maioria dos microorganismos e dos animais, mas não em plantas superiores.

Em organismos multicelulares, a função dos cílios para mover uma célula ou grupo de células, ou para ajudar a fluido de transporte ou materiais de passar por eles.

O trato respiratório em humanos está alinhada com cílios que mantêm pó inalado, poluição atmosférica e microorganismos potencialmente prejudiciais de entrar nos pulmões.

Entre outras tarefas, os cílios também geram correntes de água para levar alimento e oxigênio passando pelas brânquias de moluscos e transporte de alimentos através dos sistemas digestivos de caracóis.

Flagelos são encontrados principalmente em gametas, mas criar as correntes necessárias de água para a respiração ea circulação em esponjas e celenterados também. Para eucariotas unicelulares, cílios e flagelos são essenciais para a locomoção dos organismos individuais.

Protozoários pertencentes ao filo Cilióforos são cobertas com os cílios, enquanto flagelos são uma característica do grupo protozoário

O que são

Cílios e flagelos são apêndices motilidade de células eucarióticas.

São estruturas grossas, flexíveis, que apresentam um movimento de espancamento e projeto das superfícies de muitas células.

Uma célula que tenha uma ou um pequeno número de apêndices podem ser identificados com os flagelos (singular, flagelo) se forem relativamente longa em proporção com o tamanho da célula. Se a célula tem muitos apêndices curtos, eles são chamados cílios (singular, cílio).

Cílios e flagelos tem a mesma estrutura interna, mas diferem no seu comprimento, o número de ocorrência por célula, e o modo de batimento.

Eles são em forma axonemais, formado por um cilindro principal de túbulos que são cerca de 0,25 milímetros de diâmetro.

O axonema tem um padrão de “9 + 2”, composto por nove duplas exteriores dos túbulos e dois microtúbulos centrais adicionais (o par central).

Os cílios são cerca de 2 -10 mm de comprimento, enquanto os flagelos são muito mais tempo, que vão de 1 mm a vários milímetros, embora sejam mais habitualmente 10-200 mm. Ambos são estruturas intracelulares, ligados por uma extensão da membrana plasmática.

Ambos os cílios e flagelos são usados ??pelas células para se mover através de ambientes aquosos ou para mover os materiais através de superfícies celulares.

Tipos de cílios e flagelos

Há dois tipos de cílios: motilidade e não-móveis ou cílios.

Cílios não-móveis ou primários são encontrados em quase todas as células de todos os mamíferos e, como o nome sugere estes não bater. Elas podem ser encontradas em órgãos sensoriais humanos, tais como o olho e no nariz.
Cílios Motile
são encontrados na superfície das células e que bater de um modo rítmico. Eles podem ser encontrados no forro da traqueia (traqueia), onde o muco e varrer sujidade para fora dos pulmões. Nos mamíferos do sexo feminino, o bater de cílios nas trompas de falópio move o óvulo do ovário ao útero.

Existem três tipos de flagelos: bactérias, archaea e eucariotas.

Flagelos bacterianos são filamentos helicoidais que giram como parafusos. Eles são encontrados em E. coli, Salmonella typhimurium. Pode haver um, dois ou muitos, tais flagelos por célula. Estes flagelos fornecer motilidade para bactérias .
Flagelos Archaea
são semelhantes aos flagelos bacterianos, mas eles têm uma estrutura única, que carece de um canal central.
Flagelos eucarióticos
são projeções celulares complexos que chicoteiam e para trás. (Por exemplo, a célula de esperma, que usa o seu flagelo para impulsionar-se através do trato reprodutivo feminino.

Cílios e Flagelos

São estruturas móveis, que podem ser encontradas tantos em unicelulares como em organismos complexos.

Os cílios são numerosos e curtos e os flagelos são longos , existindo um , ou poucos numa célula.

Papéis:

Permitir a locomoção da célula ou do organismo no meio líquido

Permitir ao meio aquoso deslizar sobre a célula ou o organismo

A estrutura dos cílios e flagelos

Cílios e Flagelos

Cílios e Flagelos – Função

Cílios e Flagelos

Os cílios e flagelos são flexíveis prolongamentos da membrana celular, que variam de comprimento, sendo responsáveis pelo movimento de células como o espermatozóide e organismos unicelulares como o Paramecium.

Essas estruturas são construídas a partir de microtúbulos e proteínas motoras (dineínas).

O microtúbulo forma um feixe central chamado axonema, constituído de nove duplas de microtúbulos dispostos circularmente e dois microtúbulos centrais.

Moléculas de dineína ciliar formam pontes entre os pares de microtúbulos.

O axonema é fixado por corpos basais à superfície celular, que apresenta a mesma forma do centríolo e funciona como um núcleo de montagem de microtúbulos flagelares.

As dineínas do axonema provocam o deslizamento entre os microtúbulos através da hidrólise de ATP, proporcionando os batimentos ciliares e flagelares.

Os cílios

Os cílios estão dispostos sobre a superfície do epitélio, onde os seus movimentos ondulatórios empurram as partículas ou os fluidos numa direção constante.

Encontram-se presentes sobretudo a nível do aparelho genital feminino (pavilhão do ovário, trompas de Falópio) e do aparelho respiratório (árvore bronquial e traqueia).

Forma dos cílios

Cada célula ciliada é provida de cerca de 200 cílios, com um comprimento de cerca de 5 mícrons e uma espessura de 0,25-0,5 mícrons.

Nas células de dimensões normais encontram-se ocasio­nalmente cílios mais curtos, em via de regeneração ou de substituição.

A raiz dos cílios está ligada a um corpúsculo basal que tem sede no citoplasma e que produz o movimento ciliar e o coordena de forma que todos os cílios se movam em maneira homogénea.

Cílios e Flagelos
Cílios e flagelos são expansões da membrana celular dotados de movimentos autônomos

Função dos cílios

Os cílios batem em média 10-20 vezes por segundo com um movimento regular e coordenado que torna possível:

A nível do aparelho reprodutivo feminino, a progressão do óvulo na trompa de Falópio e eventualmente em direção ao útero;
A nível do aparelho respiratório, a expulsão das vias respiratórias do muco juntamente às partículas inaladas e aos ‘agentes infecciosos contri­buindo assim também ao mecanismo de defesa pulmonar. A velocidade do transporte do muco varia, conforme os indivíduos, de 13 a 30 mm por minuto.

Várias doenças crônicas, assim como o fumo, os vapores ou as poeiras irritantes, danificam os cílios respiratórios compro­ metendo a sua função de limpeza. A inalação de vapores tóxicos ou muito quentes destroem os cílios com graves danos para o aparelho respiratório. No aparelho genital feminino a destruição das células ciliadas em seguida a uma infecção aumenta o risco de gravidezes extra­ uterinas ou de esteri­lidades.

IMPORTANTE:

Na natureza existem vários microorganismos ciliados. A função dos cílios é aquela de facilitar os seus deslocamentos num ambiente líquido, por exemplo para aproximarem-se das substâncias nutritivas.

Os flagelos

Com uma estrutura muito semelhante àquela dos cílios, os flagelos encontram-se presentes nos espermatozóides, nos quais constituem a parte mais longa (cerca de 50 mícrons).

O movimento dos flagelos é de tipo sinusoidal, como aquele de uma corda que roda sobre si mesma. Este movimento, que dá a possibilidade aos espermatozóides de se deslocarem, começa somente depois da ejaculação, quando a mobilidade dos flagelos é ativada pelas substâncias prostáticas que se misturam com o esperma. Uma percentagem elevada de flagelos imóveis é sintoma de esterilidade.

Existem também numerosos microorga­nismos flagelados alguns dos quais provocam doenças no homem.

Entre estes parasitas, providos de 1 ou 2 flagelos (quer em permanência quer em certos estados da sua evolução), existem:

O tripanossoma, responsável pela doença do sono;
O Leishmania, responsável pelo kala-azar e pelas leishmanioses cutâneas que têm afetado, por exemplo, os soldados da guerra do Golfo;
Os trichomonas, que infectam o aparelho genital ou o intestino;
Os Giardia ou Lamblia, parasitas do aparelho digestivo.

Contra os parasitas flagelados são de vez em vez prescritos fármacos específicos.

Cílios e Flagelos – Vídeo

Fonte: www.hurnp.uel.br/citoesqueleto1.com/www.ufmt.br

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Minhocas

Minhocas

PUBLICIDADE O que são minhocas? As minhocas são vermes pertencentes ao grupo dos anelídeos, e …

Óvulo

Óvulo

PUBLICIDADE O óvulo, também chamado de ovócito secundário, é o gameta feminino responsável pela reprodução, …

Seleção Sexual

Seleção Sexual

PUBLICIDADE O que é Seleção Sexual? O conceito de Seleção Sexual, proposta por Charles Darwin, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

QUESTION 1 You are managing a SharePoint farm in an Active Directory Domain Services (AD DS) domain. You need to configure a service account to use domain credentials. What should you do first? A. Configure the service account to use a domain user account. B. Register the domain credentials in the Farm Administrators group. C. Configure the service account to use a local user account. D. Register the domain credentials as a SharePoint managed account. Correct Answer: D Explanation QUESTION 2 A company named Contoso, Ltd. has a SharePoint farm. The farm has one Search service application configured. The Search service application contains five crawl databases, all of which contain content. Contoso plans to crawl knowledge base content from its partner company Litware, Inc. The knowledge base content must be stored in a dedicated crawl database. You need to configure crawling. What should you do? A. Add a crawl database that contains the Litware knowledge base to the existing Search service application. B. Provision a new Search service application. Configure the service application to crawl the Litware knowledge base content. C. Set the MaxCrawlDatabase parameter to 6. D. Create a dedicated Microsoft SQL Server instance for the Litware crawl database. Correct Answer: B Explanation Explanation/Reference: The maximum number of crawl databases is 5 per Search service application so we need another Search service application. This maximum limit is increased to 15 with an Office 2013 update but the question doesn't mention that this update is installed so we have to assume the question was written before the update was released. QUESTION 3 A company uses SharePoint 2013 Server as its intranet portal. The Marketing department publishes many news articles, press releases, and corporate communications to the intranet home page. You need to ensure that the Marketing department pages do not impact intranet performance. Which two actions should you perform? (Each correct answer presents part of the solution. Choose two.) A. In Central Administration, set up a User Policy for the Super User and Super Reader accounts. B. Configure IIS to use the Super User and Super Reader accounts for caching. C. Use the Farm Configuration Wizard to configure the Super User and Super Reader accounts. D. Use Windows PowerShell to add the Super User and Super Reader accounts. Correct Answer: AD Explanation Explanation/Reference: A: The way to correct this problem is to first create two normal user accounts in AD. These are not service accounts. You could call them domain\superuser and domain\superreader, but of course that's up to you. The domain\superuser account needs to have a User Policy set for that gives it Full Control to the entire web application. D: If you are using any type of claims based authentication you will need to use Windows PowerShell. And Windows PowerShell is the hipper more modern and sustainable option anyway. If you are using classic mode authentication run the following cmdlets on one of your SharePoint servers: $w = Get-SPWebApplication "http:///" $w.Properties["portalsuperuseraccount"] = "domain\superuser" $w.Properties["portalsuperreaderaccount"] = "domain\superreader" $w.Update() If you are using claims based authentication run these cmdlets on one of your SharePoint servers: $w = Get-SPWebApplication "http:///" $w.Properties["portalsuperuseraccount"] = "i:0#.w|domain\superuser" $w.Properties["portalsuperreaderaccount"] = "i:0#.w|domain\superreader" $w.Update() Note: * If you have a SharePoint Publishing site and you check the event viewer every once in a while you might see the https://www.pass4itsure.com/70-331.html following warning in there: Object Cache: The super user account utilized by the cache is not configured. This can increase the number of cache misses, which causes the page requests to consume unneccesary system resources. To configure the account use the following command 'stsadm -o setproperty -propertynameportalsuperuseraccount -propertyvalue account -urlwebappurl'. The account should be any account that has Full Control access to the SharePoint databases but is not an application pool account. Additional Data: Current default super user account: SHAREPOINT\system This means that the cache accounts for your web application aren't properly set and that there will be a lot of cache misses. If a cache miss occurs the page the user requested will have to be build up from scratch again. Files and information will be retrieved from the database and the file system and the page will be rendered. This means an extra hit on your SharePoint and database servers and a slower page load for your end user. Reference: Resolving "The super user account utilized by the cache is not configured." QUESTION 4 You are managing a SharePoint farm. Diagnostic logs are rapidly consuming disk space. You need to minimize the amount of log data written to the disk. Which two actions should you perform? (Each correct answer presents part of the solution. Choose two.) A. Set the log event level to Information. B. Set the log event level to Verbose. C. Set the log trace level to Medium. D. Set the log trace level to Verbose. E. Set the log event level to Warning. F. Set the log trace level to Monitorable. Correct Answer: EF Explanation Explanation/Reference: E: Event Levels Warning, Level ID 50 Information, Level ID: 80 Verbose, Level ID: 100 F: Trace levels: Monitorable: 15 Medium: 50 Verbose: 100 Note: When using the Unified Logging System (ULS) APIs to define events or trace logs, one of the values you must supply is the ULS level. Levels are settings that indicate the severity of an event or trace and are also used for throttling, to prevent repetitive information from flooding the log files. Reference: Trace and Event Log Severity Levels QUESTION 5 A company's SharePoint environment contains three web applications. The root site collections of the web applications host the company intranet site, My Sites, and a Document Center. SharePoint is configured to restrict the default file types, which prevents users from uploading Microsoft Outlook Personal Folder (.pst) files. The company plans to require employees to maintain copies of their .pst files in their My Site libraries. You need to ensure that employees can upload .pst files to My Site libraries. In which location should you remove .pst files https://www.pass4itsure.com/70-342.html from the blocked file types? A. The File Types area of the Search service application section of Central Administration B. The General Security page in the site settings for the site collection C. The Blocked File Types page in the site settings for the site collection D. The General Security section of the Security page of Central Administration Correct Answer: D Explanation