Breaking News
Home / Biologia / Classificação das Bactérias

Classificação das Bactérias

PUBLICIDADE

Você conhece a classificação das bactérias?

As bactérias são seres vivos microscópicos que apresentam, entre suas características, a ausência de envoltório nuclear, portanto, são chamadas de procariontes. Elas são seres unicelulares, ou seja, formados por uma única célula e, comparadas aos outros seres vivos, são organismos bastante simples, pertencendo ao Reino Monera.

As bactérias podem ser classificadas de acordo com suas características, tais como tamanho (variam de 0,3 por 0,8 μm até 10 por 25 μm), morfologia (a forma em que elas se apresentam) e arranjo (como elas estão dispostas). Entre as morfologias apresentadas, estão: esférica (coco), cilíndrica (bacilos), cocobacilos, espiralada,espiroqueta e vibrião.

As bactérias esféricas, também chamadas de cocos, tem formato “arredondados” e podem, inclusive, ser classificadas por conta do seu arranjo.

Por exemplo: quando há dois cocos, elas recebem o nome de diplococos; quanto há quatro cocos, recebem o nome de tétrades; quando são oito cocos, em forma de cubo, recebem o nome de sarcina; já quando os cocos se agrupam em cadeias, o nome é estreptococos; já quando os cocos se arranjam em formato semelhantes a um cacho de uva, o nome é estafilococos.

Classificação das Bactérias

Os bacilos, por sua vez, têm formato similar a um bastão. Eles tanto podem ter formato mais longo ou delgado, como também podem ser pequenos ou grossos, com as extremidades retas ou arredondadas. Os bacilos também podem ser classificados conforme seu arranjo. No caso de haver dois bacilos, o nome é diplobacilos. Se houver vários bacilos organizados em cadeias, o nome é estreptobacilos.

As bactérias espiraladas, por sua vez, apresentam célula em formato espiral, ocorrendo na maior parte das vezes de forma isolada. Quando têm corpos rígidos e flagelos (estruturas locomotoras), recebem o nome de espirilos. Quando são mais flexíveis e têm locomoção por meio de contrações do citoplasma, recebem o nome de espiroquetas. O vibrião, por sua vez, apresenta formato de espirilos muito curtos, assumindo formatos de “vírgula”.

Juliano Schiavo é biólogo e mestre em Agricultura e Ambiente

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Palinologia

PUBLICIDADE Palinologia é o estudo do pólen da planta, esporos e certos organismos microscópicos do plâncton (chamados coletivamente de palinomorfos) …

Bioindicador

Bioindicador

PUBLICIDADE Definição Um bioindicador são espécies cujo desaparecimento ou perturbação dá um aviso prévio da degradação de …

Diatomáceas

PUBLICIDADE As diatomáceas são fitoplâncton onipresente que representam a fonte primária de fotossíntese (e produção de oxigênio) …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.