Breaking News
Home / Biologia / Gêmeos Fraternos

Gêmeos Fraternos

PUBLICIDADE

O que são gêmeos fraternos?

Existem dois tipos de gêmeos: idênticos (também chamados monozigóticos) e fraternos (também chamados dizigóticos). Um zigoto é o óvulo fertilizado formado quando um espermatozóide se combina (fertiliza) um óvulo na concepção. O zigoto então começa a se dividir e formar um embrião. O embrião é chamado de feto em estágios posteriores do desenvolvimento pré-natal (antes do nascimento).

Os gêmeos fraternos ou dizigóticos são provenientes de óvulos diferentes.

Durante a ovulação, a mulher libera dois ou mais óvulos (no mesmo ou em diferentes momentos durante o ciclo) e, cada um é fecundado por um espermatozoide diferente.

Denomina-se dizigótico quando ocorrem duas fecundações, ou seja, dois óvulos são liberados durante a ovulação e fecundados por dois espermatozoides.

Formam-se, assim, dois zigotos distintos, cada um com seu próprio DNA e desenvolvimento separado.

Os gêmeos fraternos não são idênticos e os zigotos formados vão se desenvolver independentes um do outro, em placentas diferentes e com constituição genética diferente.

Esta gestação tem grandes chances de ocorrer quando o casal faz tratamentos para ter filhos. Em algumas técnicas, vários óvulos fertilizados in vitro são implantados no útero, para que tenha uma maior chance de sucesso.

Gêmeos Fraternos

Gêmeos fraternos não são mais parecidos ou diferentes do que quaisquer dois irmãos seriam. Se os gêmeos são um menino e uma menina, claramente eles são gêmeos fraternos, pois não possuem o mesmo DNA.

Um menino tem cromossomos XY e uma menina tem cromossomos XX. Gêmeos menino-menina ocorre quando um óvulo X é fertilizado com um espermatozoide X e um espermatozoide Y fertiliza o outro óvulo X.

Os gêmeos idênticos, univitelinos ou monozigóticos são formados quando um óvulo fecundado por um espermatozoide se divide em duas ou mais células completas.

Estas células continuam seu desenvolvimento embrionário, formando gêmeos idênticos, que possuem o mesmo código genético, o mesmo sexo, dividem a mesma placenta e são morfologicamente idênticos.

O termo monozigótico significa que só houve uma fecundação, ou seja, um único óvulo foi fecundado por um único espermatozoide. Esse tipo de gêmeos é menos comum que os fraternos.

Durante a vida, apesar de possuírem o mesmo genótipo, os gêmeos univitelinos apresentam algumas diferenças em seus fenótipos, devido a fatores externos, tais como: alimentação, cigarro, álcool, atividades físicas, etc.

Qual é a diferença entre gêmeos fraternos e idênticos?

Gêmeos fraternos e idênticos têm muitas diferenças. Gêmeos idênticos são freqüentemente descritos como crianças resultantes de uma gravidez idênticas.

Na verdade, mais do que semelhança está envolvida, e nem todos os gêmeos idênticos se parecem “completamente”, embora compartilhem muitas das mesmas características físicas. À medida que envelhecem, eles terão diferenças com base nas escolhas de estilo de vida, experiências e uma variedade de outros fatores.

Gêmeos fraternos, embora compartilhem um útero, têm menos semelhanças, e ambos os tipos de gêmeos são mais identificados pela forma como começam a vida.

Gêmeos fraternos às vezes são um menino e uma menina

Mais comumente, a maneira como os gêmeos começam a vida pode ser chamada de dizigótica e monozigótica.

Dizigóticos, ou gêmeos fraternos, ocorrem quando uma mulher tem dois óvulos ou óvulos fertilizados por dois espermatozoides separados. Isso pode significar que gêmeos fraternos são do mesmo sexo ou diferentes.

Embora sejam irmãos, eles não compartilham material genético quase idêntico.

Dentro de cada espermatozóide ou óvulo, há uma variação no que é herdado e expresso, e essas crianças são tão parecidas quanto irmãos, que podem ser muito parecidos ou diferentes.

Eles também podem compartilhar um relacionamento especial porque compartilharam um útero. Embora esses gêmeos tenham a mesma idade, eles geralmente são facilmente distinguidos um do outro, assim como seria simples distinguir irmãos de idades diferentes.

Gêmeos idênticos nem sempre são exatamente iguais

A concepção de gêmeos monozigóticos (idênticos) é muito diferente. Em vez de dois óvulos separados serem fertilizados por dois espermatozoides, esses gêmeos começam como um óvulo e um espermatozoide.

Durante o processo inicial em que o óvulo fertilizado começa a produzir mais células, ele se duplica e cria dois embriões ou dois bebês, em vez de um. Uma vez que os dois bebês são produzidos a partir do mesmo óvulo fertilizado, eles compartilham quase todos os mesmos cromossomos e estrutura de DNA, e terão notável semelhança entre si. Eles são realmente mais parentes do que gêmeos fraternos por causa de seu início.

Existem outras diferenças entre gêmeos fraternos e idênticos. Gêmeos idênticos são muito mais raros e apenas 8% de todos os gêmeos são idênticos. Além disso, a geminação fraterna pode ser hereditária, mas a geminação idêntica raramente é hereditária e ocorre com a mesma probabilidade geral em todas as populações.

Há uma diferença muito maior no número de gêmeos fraternos nascidos em várias populações, sugerindo um certo grau de herança. A geminação fraterna nem sempre é produto da genética.

Os nascimentos múltiplos são menos comuns em mulheres vegetarianas e muito mais prováveis quando as mulheres passam por tratamentos de fertilidade para engravidar.

Não importa como os gêmeos começam a vida, todos eles terão diferenças. As escolhas na vida podem ter um impacto significativo no modo como o DNA é expresso.

Isso significa que gêmeos idênticos irão evoluir ao longo de caminhos separados, embora muitos deles permaneçam muito próximos.

A maioria dos especialistas em desenvolvimento infantil acredita que gêmeos idênticos e fraternos devem ser encorajados a celebrar sua individualidade, visto que considerá-los iguais não dá a cada gêmeo a oportunidade de encontrar seus próprios dons e qualidades.

Fonte: overlakeobgyn.com/www.wisegeek.com/www.healthychildren.org/raisingchildren.net.au

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Fator Rh

PUBLICIDADE Fator Rh – O que é O fator Rhesus, também conhecido como fator Rh, é um …

Flavonoides

PUBLICIDADE Os flavonoides ou bioflavonoides, são compostos naturais de plantas que constituem os pigmentos responsáveis …

Aldosterona

PUBLICIDADE Aldosterona – Hormônio A maioria das pessoas nunca ouviu falar desse hormônio em particular, mas ele …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.