Breaking News
QUESTION 1 You have a hybrid Exchange Server 2016 organization. Some of the mailboxes in the research department are hosted on-premises. Other mailboxes in the research department are stored in Microsoft Office 365. You need to search the mailboxes in the research department for email messages that contain a specific keyword in the message body. What should you do? A. From the Exchange Online Exchange admin center, search the delivery reports. B. Form the on-premises Exchange center, search the delivery reports. C. From the Exchange Online Exchange admin SY0-401 exam center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. D. From the Office 365 Compliance Center, create a new Compliance Search. E. From the on-premises Exchange admin center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. Correct Answer: E QUESTION 2 You have an Exchange Server 2016 organization. You plan to enable Federated Sharing. You need to create a DNS record to store the Application Identifier (AppID) of the domain for the federated trust. Which type of record should you create? A. A B. CNAME C. SRV D. TXT Correct Answer: D QUESTION 3 Your company has an Exchange Server 2016 200-310 exam Organization. The organization has a four- node database availability group (DAG) that spans two data centers. Each data center is configured as a separate Active Directory site. The data centers connect to each other by using a high-speed WAN link. Each data center connects directly to the Internet and has a scoped Send connector configured. The company's public DNS zone contains one MX record. You need to ensure that if an Internet link becomes unavailable in one data center, email messages destined to external recipients can 400-101 exam be routed through the other data center. What should you do? A. Create an MX record in the internal DNS zone B. B. Clear the Scoped Send Connector check box C. Create a Receive connector in each data center. D. Clear the Proxy through Client Access server check box Correct Answer: AQUESTION 4 Your network contains a single Active Directory forest. The forest contains two sites named Site1 and Site2. You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains two servers in each site. You have a database availability group (DAG) that spans both sites. The file share witness is in Site1. If a power failure occurs at Site1, you plan to mount the databases in Site2. When the power is restored in Site1, you Cisco CCNP Security 300-207 exam SITCS need to prevent the databases from mounting in Site1. What should you do? A. Disable AutoReseed for the DAG. B. Implement an alternate file share witness. C. Configure Datacenter Activation Coordination (DAC) mode. D. Force a rediscovery of the EX200 exam network when the power is restored. Correct Answer: C QUESTION 5 A new company has the following: Two offices that connect to each other by using a low-latency WAN link In each office, a data center that is configured as a separate subnet Five hundred users in each office You plan to deploy Exchange Server 2016 to the network. You need to recommend which Active Directory deployment to use to support the Exchange Server 2016 deployment What is the best recommendation to achieve the goal? A. Deploy two forests that each contains one site and one site link. Deploy two domain controllers to each forest. In each forest configure one domain controller as a global catalog server B. Deploy one forest that contains one site and one site link. Deploy four domain controllers. Configure all of the domain controllers as global catalog servers. C. Deploy one forest that contains two sites and two site links. Deploy two domain controllers to each site in each site, configure one domain controller as a global catalog server D. Deploy one forest that contains two sites and one site link. Deploy two domain controllers to each site. Configure both domain controllers as global catalog servers Correct Answer: C QUESTION 6 How is the IBM Content Template Catalog delivered for installation? A. as an EXE file B. as a ZIP file of XML files C. as a Web Appli cati on Archive file D. as a Portal Application Archive file Correct Answer: D QUESTION 7 Your company has a data center. The data center contains a server that has Exchange Server 2016 and the Mailbox server role installed. Outlook 300-101 exam anywhere clients connect to the Mailbox server by using thename outlook.contoso.com. The company plans to open a second data center and to provision a database availability group (DAG) that spans both data centers. You need to ensure that Outlook Anywhere clients can connect if one of the data centers becomes unavailable. What should you add to DNS? A. one A record B. two TXT records C. two SRV records D. one MX record Correct Answer: A QUESTION 8 You have an Exchange Server 2016 EX300 exam organization. The organization contains a database availability group (DAG). You need to identify the number of transaction logs that are in replay queue. Which cmdlet should you use? A. Test-ServiceHealth B. Test-ReplicationHealth C. Get-DatabaseAvailabilityGroup D. Get-MailboxDatabaseCopyStatus Correct Answer: D QUESTION 9 All users access their email by using Microsoft Outlook 2013 From Performance Monitor, you discover that the MSExchange Database\I/O Database Reads Average Latency counter displays values that are higher than normal You need to identify the impact of the high counter values on user connections in the Exchange Server organization. What are two client connections 400-051 exam that will meet performance? A. Outlook on the web B. IMAP4 clients C. mobile devices using Exchange ActiveSync D. Outlook in Cached Exchange ModeE. Outlook in Online Mode Correct Answer: CE QUESTION 10 You work for a company named Litware, Inc. that hosts all email in Exchange Online. A user named User1 sends an email message to an Pass CISCO 300-115 exam - test questions external user User 1 discovers that the email message is delayed for two hours before being delivered. The external user sends you the message header of the delayed message You need to identify which host in the message path is responsible for the delivery delay. What should you do? A. Review the contents of the protocol logs. B. Search the message tracking logs. C. Search the delivery reports 200-355 exam for the message D. Review the contents of the application log E. Input the message header to the Exchange Remote Connectivity Analyzer Correct Answer: E QUESTION 11 You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains three Mailbox servers. The servers are configured as shown in the following table You have distribution group named Group1. Group1 contains three members. The members are configured as shown in the following table. You discover that when User1 sends email messages to Group1, all of the messages are delivered to EX02 first. You need to identify why the email messages sent to Group1 are sent to EX02 instead. What should you identify? A. EX02 is configured as an expansion server. B. The arbitration mailbox is hosted 300-320 exam on EX02.C. Site2 has universal group membership caching enabled. D. Site2 is configured as a hub site. Correct Answer: A
Home / Saúde / Anticoagulante

Anticoagulante

PUBLICIDADE

Definição

Os anticoagulantes evitam que o sangue coagule ou se transformem em aglomerados sólidos de células que se unem. A maioria vem em forma de pílula.

Os anticoagulantes estão intimamente relacionados aos medicamentos antiplaquetários e trombolíticos, manipulando as várias vias da coagulação sanguínea.

Especificamente, os antiagregantes plaquetários inibem a agregação plaquetária (aglutinação), enquanto os anticoagulantes inibem a cascata da coagulação por fatores de coagulação que ocorrem após a agregação plaquetária inicial.

O que é um Anticoagulante?

Um anticoagulante é um tipo de medicamento que pode ser usado para impedir que o sangue coagule ou coagule.

Existem tipos de anticoagulantes e eles têm diferentes formas de agir.

A maioria deles são medicamentos que são administrados às pessoas para prevenir a coagulação sanguínea em certas doenças, mas às vezes em laboratório ou em consultórios médicos um anticoagulante é usado para prevenir coisas como entupimento de linhas intravenosas ou de coagulação sanguínea em tubos de ensaio e seringas.

Para uso médico em pessoas, também é importante mencionar medicamentos antiplaquetários, que têm um propósito semelhante ao dos anticoagulantes, embora a maneira como eles funcionam seja diferente.

Há um número de maneiras diferentes que um anticoagulante pode trabalhar para manter o sangue de coagulação.

Alguns dos mais conhecidos, como a varfarina (Coumadin®), inibem a ação da vitamina K e são chamados de cumarínicos.

Outros medicamentos podem inibir a trombina, que é uma enzima no sangue que ajuda na coagulação do sangue.

Tais medicamentos são menos comumente usados para terapia anticoagulante diária porque devem ser injetados, mas incluem drogas como hirudina, melagatrane e lepirudina.

Outros medicamentos, como a heparina, podem atuar indiretamente sobre a trombina, produzindo anti-trombina, e são úteis tanto como remédio para as pessoas quanto para prevenir a coagulação em equipamentos e suprimentos médicos.

Anticoagulante
Para aqueles que tomam medicamentos anticoagulantes, até pequenos arranhões e cortes
podem exigir ajuda médica para interromper o sangramento

A categoria de medicamentos anti-plaquetários é digna de menção também. Estes evitam coágulos sanguíneos de uma maneira diferente, impedindo o que é chamado de agregação plaquetária.

O termo significa simplesmente que as plaquetas, uma parte necessária do sangue, tendem a se acumular no local das lesões para ajudar a interromper o sangramento. Quando uma pessoa é prescrita uma mediação anti-plaquetária, é uma tentativa de parar a agregação que pode ocorrer dentro do corpo e formar perigosos coágulos sanguíneos. Medicamentos anti-plaquetários comuns incluem aspirina e Plavix®.

Terapia anticoagulante e, às vezes, terapia antiplaquetária, pode ser usada quando as pessoas têm certos problemas cardíacos.

Existe uma necessidade significativa de prevenir a possibilidade de formação de coágulos sanguíneos, o que pode ser mais provável se as pessoas tiverem uma válvula artificial ou derivação, ou se tiverem outras condições como trombose venosa profunda, aterosclerose ou fibrilação atrial.

A terapia geralmente envolve tomar anticoagulantes como warfarin diariamente, e as pessoas devem fazer exames de sangue com frequência para garantir que a coagulação do sangue seja reduzida o suficiente, mas não muito. Muitas pessoas recorrem a clínicas de anticoagulação ou varfarina para monitorizar os seus níveis sanguíneos.

Existem alguns riscos para este tratamento, especialmente se ocorrerem lesões na cabeça, mas com alguma atenção, tomar coisas como a varfarina pode diminuir muito o risco de derrame ou embolia pulmonar.

Às vezes, um medicamento anticoagulante é usado por um período de tempo muito curto após uma pessoa ter feito uma cirurgia cardíaca ou diretamente após um derrame.

Os fármacos antiplaquetários também têm algum uso a este respeito.

Em geral, os anticoagulantes tendem a prevenir a coagulação sanguínea mais do que os medicamentos antiplaquetários, mas os medicamentos antiplaquetários são extremamente úteis. A maioria dos médicos geralmente recomenda tomar uma aspirina quando as pessoas suspeitam que estão tendo um ataque cardíaco ou derrame, pois isso pode reduzir significativamente os danos.

Qual é a diferença entre coagulantes e anticoagulantes?

Ambos os coagulantes e anticoagulantes são substâncias que têm um uso primário no mundo da medicina. Ambos lidam especificamente com sangue, mas a diferença está no impacto que cada um tem nessa substância.

Os coagulantes promovem a coagulação do sangue e são, portanto, usados principalmente como um meio de prevenção da perda de sangue. Em contraste, os anticoagulantes impedem a formação de coágulos sanguíneos ou dissolvem coágulos já formados. Estas substâncias impedem principalmente o bloqueio do fluxo sanguíneo.

O corpo usa a coagulação como um mecanismo para aliviar as conseqüências dos danos nos vasos sanguíneos. Quando o trauma rasga ou dói um vaso sanguíneo, ocorre sangramento. A perda abundante de sangue pode causar várias consequências perigosas, desde o choque corporal até a morte. Para interromper o sangramento, os fragmentos de células chamados plaquetas se unem a partículas conhecidas como moléculas de fibrina para engrossar o sangue ao redor de uma área ferida. A coagulação subsequente interrompe o fluxo de sangue fora dos vasos.

Coagulantes são medicamentos projetados para ajudar a facilitar o processo de coagulação. Alguns, como a desmopressina, fortalecem as plaquetas. Outros, como o concentrado de complexo de protrombina, combatem o trabalho de agentes anticoagulantes.

A hemofilia hereditária do transtorno talvez represente melhor as condições que se beneficiam dos coagulantes. Nessa condição, as anormalidades impedem a formação adequada de coágulos sanguíneos, o que leva a um sangramento prolongado, mesmo com pequenos cortes e arranhões. O gerenciamento dessa condição muitas vezes requer o uso de substâncias de coagulação, como os Fatores VII, VIII e IX. Essas substâncias proteicas trabalham com um material chamado fator tecidual encontrado fora dos vasos sanguíneos para criar agentes coagulantes.

Anticoagulante
Os coagulantes promovem a coagulação do sangue e são usados como um meio de prevenir a perda de sangue

Coagulantes e anticoagulantes diferem em seus objetivos em relação à coagulação.

Embora os coágulos sanguíneos sejam benéficos na maior parte do tempo, eles podem causar seus próprios danos em alguns casos.

Irregularidades como a composição ou fluxo sanguíneo incomum podem causar a formação de grandes e indesejados coágulos dentro dos vasos sanguíneos: uma conseqüência conhecida como trombose. Esses coágulos podem eventualmente bloquear o fluxo regular de sangue, o que pode impedir que partes do corpo recebam oxigênio ou outros nutrientes necessários. Se o coágulo de sangue viaja para os pulmões ou cérebro, os danos resultantes de um derrame ou embolia pulmonar podem ser particularmente graves.

Os cientistas desenvolveram anticoagulantes como medidas de anticoagulação para os cenários acima mencionados.

A heparina de ativação da antitrombina e a coumadina antagonista da vitamina K são duas substâncias que podem prevenir a coagulação indesejada. Outros anticoagulantes trabalham diretamente contra a coagulação, em vez de ativar ou inibir uma substância natural do corpo para a tarefa. Esses tipos incluem hirudina e argatrobana. Do mesmo modo, a plasmina e o ativador do plasminogénio tecidular humano recombinante podem ajudar a dissolver os coágulos já formados.

Além disso, os profissionais médicos geralmente acrescentam anticoagulantes a equipamentos que rotineiramente mantêm ou transportam sangue. Esse equipamento varia de sacos de transfusão para tubos de ensaio. O sangue deve permanecer em um estado normalizado para procedimentos médicos, portanto, os anticoagulantes ajudam a prevenir o espessamento inconveniente. A presença de anticoagulantes em equipamentos médicos representa outra distinção entre coagulantes e anticoagulantes.

De um modo geral, os usos de coagulantes e anticoagulantes são de finalidade cruzada. As substâncias e processos que os anticoagulantes trabalham para impedir, os coagulantes procurarão promover e preservar. Além disso, os perigos dos coagulantes e anticoagulantes são fortemente divergentes. Embora os coagulantes corram o risco de formar coágulos indesejáveis, os anticoagulantes correm um risco equivalente de causar sangramento excessivo.

Como ocorre a coagulação do sangue

Anticoagulante

coagulação do sangue é o mecanismo protetor do corpo contra o sangramento. Quando ocorre dano a um vaso sanguíneo, ocorre uma série de reações envolvendo substâncias conhecidas como fatores de coagulação. Eles são chamados porque contribuem para a formação de um coágulo sanguíneo.

Fatores de coagulação são normalmente encontrados circulando no sangue.

A maioria dos fatores de coagulação são proteínas produzidas pelo fígado que circulam no sangue em uma forma inativa.

Quando um fator é ativado, por exemplo, por dano a uma parede do vaso sanguíneo, ele funciona como uma enzima, ativando o próximo fator de coagulação na via. O passo final na coagulação resulta na conversão do fibrinogénio em fibrina. A fibrina é uma proteína que adere às paredes dos vasos sanguíneos. Quando ativada, a fibrina adere à parede do vaso sanguíneo e retém as células sangüíneas (incluindo plaquetas) à medida que elas passam, formando uma massa que sela o dano no vaso sangüíneo.

Fonte: www.nhs.uk/www.healthnavigator.org.nz/www.wisegeek.org/anticoagulationtoolkit.org/www.myvmc.com/www.britannica.com/www.mydr.com.au/medlineplus.gov

Conteúdo Relacionado

 

Veja também

Fenômeno de Ashman

PUBLICIDADE Definição O fenômeno de Ashman, também conhecido como batimento do Ashman, descreve um tipo particular …

Lipogênese

Lipogênese

PUBLICIDADE Definição Lipogênese é a formação metabólica de gordura, a transformação de materiais alimentares não gordurosos …

Cortisol

PUBLICIDADE Definição O cortisol é um hormônio baseado em esteróides e é sintetizado a partir do colesterol …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

300-209 exam 70-461 exam hp0-s41 dumps 640-916 exam 200-125 dumps 200-105 dumps 100-105 dumps 210-260 dumps 300-101 dumps 300-206 dumps 400-201 dumps Professor Messer's CompTIA N10-006 exam Network+