Breaking News
Home / Saúde / Hipertricose

Hipertricose

PUBLICIDADE

O que é Hipertricose?

Hipertricose é o crescimento excessivo de pelos.

As pessoas com essa condição podem ter hipertricose localizada, em que uma região do corpo é excepcionalmente cabeluda ou uma forma generalizada, com todo o corpo com mais cabelo do que o normal.

Diferentes tipos de cabelo podem estar envolvidos e o cabelo pode ser excepcionalmente longo além de extraordinariamente denso.

Existem opções disponíveis para o tratamento da hipertricose, embora essa condição não seja perigosa e possa ser deixada sem tratamento.

Casos documentados de hipertricose datam da Idade Média, quando os médicos notaram vários casos envolvendo indivíduos invulgarmente cabeludos, homens e mulheres. Esta condição é distinta do hirsutismo, uma condição observada em mulheres e crianças onde aparecem padrões de cabelo masculino, incluindo pelos pubianos grossos, pelos no peito e barba.

Pessoas com hirsutismo desenvolvem crescimento excessivo de pelos terminais, que são encaracolados, densos, cabelos escuros como os vistos nas axilas.

Algumas pessoas têm hipertricose congênita causada por uma condição genética. Várias famílias têm uma história dessa condição e foram estudadas por pesquisadores para aprender mais sobre os genes por trás da hipertricose.

Mais comumente, essa condição é adquirida. As pessoas podem desenvolver pelos excessivos em resposta a certos medicamentos, assim como a distúrbios endócrinos e outras condições.

Alterações nos padrões capilares corporais podem ser usadas como um sinal diagnóstico pelos médicos que procuram explicações para o problema médico de um paciente.

Às vezes referida como “síndrome do lobisomem”, essa condição é principalmente um problema estético, e não médico.

Ter cabelo extra não representa riscos para as pessoas, embora possa ser um indicador de um problema de saúde subjacente.

As pessoas que procuram tratamento geralmente o fazem porque acham o excesso de cabelo socialmente indesejável.

Pessoas com hipertricose tendem a atrair atenção, especialmente se forem mulheres, e, de fato, historicamente, algumas pessoas com essa condição a aproveitaram e se exibiram em espetáculos e circos.

Tratamentos de curto prazo podem incluir barbear e aplicar depilatórios para remover o cabelo.

O cabelo vai crescer novamente, mas essas medidas podem proporcionar alívio temporário.

Também é possível usar lasers e outras opções permanentes de remoção de pelos para remover o pelo e evitar que ele volte a crescer.

A remoção do pelo pode ser dispendiosa e dolorosa, mas uma vez que as sessões de remoção de pelos estejam completas, o paciente não experimentará uma recorrência do crescimento do pelo.

Algumas companhias de seguros vão cobrir esses procedimentos, com base no fato de que o excesso de cabelo é uma questão de qualidade de vida que pode contribuir para problemas psicológicos para o paciente.

Tipos de hipertricose

Existem vários tipos de hipertricose:

Hipertricose congênita lanuginosa: Aparece pela primeira vez como lanugo normal, o cabelo fino encontrado em um bebê, no nascimento. Mas em vez de desaparecer durante as semanas subsequentes, o cabelo fino e macio continua a crescer em vários lugares do corpo do bebê.

Terminal da hipertricose congênita: O crescimento anormal do cabelo começa no nascimento e continua ao longo da vida de uma pessoa. O cabelo, geralmente comprido e grosso, cobre o rosto e o corpo da pessoa.

Hipertricose Nevóide: O crescimento excessivo de pelos de qualquer tipo aparece em uma área definida. Em alguns casos, mais de um patch de cabelo está presente.

Hirsutismo: Esta forma de hipertricose é limitada a mulheres. Isso resulta em cabelos escuros e espessos crescendo em lugares onde as mulheres normalmente não têm cabelo, como rosto, peito e costas.

Hipertricose adquirida: Diferentemente da hipertricose congênita, a forma adquirida da doença tende a se desenvolver mais tarde na vida.

Além disso, resulta em dois tipos de cabelo além do lanugo: pelos vellus ou pelos terminais. O excesso de pelos pode crescer em pequenas manchas ou em todas as áreas de crescimento de pelos do corpo de uma pessoa.

Hipertricose – Fotos

Fonte: Colégio São Francisco

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Neuroendocrinologia

PUBLICIDADE Definição A neuroendocrinologia é a disciplina que estuda a produção de hormônios pelos neurônios, a sensibilidade …

Teste de Watson

Teste de Watson

PUBLICIDADE Definição O teste de Watson é um teste de diagnóstico para instabilidade entre os ossos escafoide …

Síndrome de Lesch-Nyhan

PUBLICIDADE Definição A síndrome de Lesch-Nyhan é uma condição genética rara que resulta em anormalidades …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.