Breaking News
QUESTION 1 You have a hybrid Exchange Server 2016 organization. Some of the mailboxes in the research department are hosted on-premises. Other mailboxes in the research department are stored in Microsoft Office 365. You need to search the mailboxes in the research department for email messages that contain a specific keyword in the message body. What should you do? A. From the Exchange Online Exchange admin center, search the delivery reports. B. Form the on-premises Exchange center, search the delivery reports. C. From the Exchange Online Exchange admin SY0-401 exam center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. D. From the Office 365 Compliance Center, create a new Compliance Search. E. From the on-premises Exchange admin center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. Correct Answer: E QUESTION 2 You have an Exchange Server 2016 organization. You plan to enable Federated Sharing. You need to create a DNS record to store the Application Identifier (AppID) of the domain for the federated trust. Which type of record should you create? A. A B. CNAME C. SRV D. TXT Correct Answer: D QUESTION 3 Your company has an Exchange Server 2016 200-310 exam Organization. The organization has a four- node database availability group (DAG) that spans two data centers. Each data center is configured as a separate Active Directory site. The data centers connect to each other by using a high-speed WAN link. Each data center connects directly to the Internet and has a scoped Send connector configured. The company's public DNS zone contains one MX record. You need to ensure that if an Internet link becomes unavailable in one data center, email messages destined to external recipients can 400-101 exam be routed through the other data center. What should you do? A. Create an MX record in the internal DNS zone B. B. Clear the Scoped Send Connector check box C. Create a Receive connector in each data center. D. Clear the Proxy through Client Access server check box Correct Answer: AQUESTION 4 Your network contains a single Active Directory forest. The forest contains two sites named Site1 and Site2. You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains two servers in each site. You have a database availability group (DAG) that spans both sites. The file share witness is in Site1. If a power failure occurs at Site1, you plan to mount the databases in Site2. When the power is restored in Site1, you Cisco CCNP Security 300-207 exam SITCS need to prevent the databases from mounting in Site1. What should you do? A. Disable AutoReseed for the DAG. B. Implement an alternate file share witness. C. Configure Datacenter Activation Coordination (DAC) mode. D. Force a rediscovery of the EX200 exam network when the power is restored. Correct Answer: C QUESTION 5 A new company has the following: Two offices that connect to each other by using a low-latency WAN link In each office, a data center that is configured as a separate subnet Five hundred users in each office You plan to deploy Exchange Server 2016 to the network. You need to recommend which Active Directory deployment to use to support the Exchange Server 2016 deployment What is the best recommendation to achieve the goal? A. Deploy two forests that each contains one site and one site link. Deploy two domain controllers to each forest. In each forest configure one domain controller as a global catalog server B. Deploy one forest that contains one site and one site link. Deploy four domain controllers. Configure all of the domain controllers as global catalog servers. C. Deploy one forest that contains two sites and two site links. Deploy two domain controllers to each site in each site, configure one domain controller as a global catalog server D. Deploy one forest that contains two sites and one site link. Deploy two domain controllers to each site. Configure both domain controllers as global catalog servers Correct Answer: C QUESTION 6 How is the IBM Content Template Catalog delivered for installation? A. as an EXE file B. as a ZIP file of XML files C. as a Web Appli cati on Archive file D. as a Portal Application Archive file Correct Answer: D QUESTION 7 Your company has a data center. The data center contains a server that has Exchange Server 2016 and the Mailbox server role installed. Outlook 300-101 exam anywhere clients connect to the Mailbox server by using thename outlook.contoso.com. The company plans to open a second data center and to provision a database availability group (DAG) that spans both data centers. You need to ensure that Outlook Anywhere clients can connect if one of the data centers becomes unavailable. What should you add to DNS? A. one A record B. two TXT records C. two SRV records D. one MX record Correct Answer: A QUESTION 8 You have an Exchange Server 2016 EX300 exam organization. The organization contains a database availability group (DAG). You need to identify the number of transaction logs that are in replay queue. Which cmdlet should you use? A. Test-ServiceHealth B. Test-ReplicationHealth C. Get-DatabaseAvailabilityGroup D. Get-MailboxDatabaseCopyStatus Correct Answer: D QUESTION 9 All users access their email by using Microsoft Outlook 2013 From Performance Monitor, you discover that the MSExchange Database\I/O Database Reads Average Latency counter displays values that are higher than normal You need to identify the impact of the high counter values on user connections in the Exchange Server organization. What are two client connections 400-051 exam that will meet performance? A. Outlook on the web B. IMAP4 clients C. mobile devices using Exchange ActiveSync D. Outlook in Cached Exchange ModeE. Outlook in Online Mode Correct Answer: CE QUESTION 10 You work for a company named Litware, Inc. that hosts all email in Exchange Online. A user named User1 sends an email message to an Pass CISCO 300-115 exam - test questions external user User 1 discovers that the email message is delayed for two hours before being delivered. The external user sends you the message header of the delayed message You need to identify which host in the message path is responsible for the delivery delay. What should you do? A. Review the contents of the protocol logs. B. Search the message tracking logs. C. Search the delivery reports 200-355 exam for the message D. Review the contents of the application log E. Input the message header to the Exchange Remote Connectivity Analyzer Correct Answer: E QUESTION 11 You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains three Mailbox servers. The servers are configured as shown in the following table You have distribution group named Group1. Group1 contains three members. The members are configured as shown in the following table. You discover that when User1 sends email messages to Group1, all of the messages are delivered to EX02 first. You need to identify why the email messages sent to Group1 are sent to EX02 instead. What should you identify? A. EX02 is configured as an expansion server. B. The arbitration mailbox is hosted 300-320 exam on EX02.C. Site2 has universal group membership caching enabled. D. Site2 is configured as a hub site. Correct Answer: A
Home / Saúde / Mielofibrose

Mielofibrose

PUBLICIDADE

O que é Mielofibrose?

mielofibrose é uma forma de leucemia que afeta a medula óssea e é mais comum em pessoas com idade superior a 50 anos.

A mielofibrose muda gradualmente o tecido da medula óssea no tecido cicatricial, inibindo a capacidade da medula óssea para criar novas células sanguíneas.

Como resultado desta doença, outros órgãos do corpo, particularmente o baço e fígado, podem se tornar ampliados na tentativa de fornecer ao corpo as células sanguíneas necessárias. Em alguns casos, o baço torna-se tão ampliado que é necessário removê-lo, para que o paciente experimente menos dor.

Mielofibrose

Muitas vezes, a mielofibrose não é tratada porque o único tratamento disponível é o transplante de medula óssea. Uma vez que isso envolve um procedimento bastante difícil e quimioterapia depois, aqueles que são muito mais velhos, acima de 50 anos, são considerados com minimas condições de sobreviver ao tratamento.

A condição pode progredir muito devagar nos idosos, e muitos vivem por anos com a condição, embora a taxa de sobrevivência média após o diagnóstico seja de cinco anos.

Em raras ocasiões, as crianças desenvolvem essa forma de leucemia e, nestes casos, o transplante de medula óssea é o tratamento preferido, pois pode interromper o curso da doença e prolongar a vida do paciente. Mesmo com o transplante de medula óssea, a perspectiva não é favorável, no entanto, e a doença pode se repetir, exigindo outro transplante.

Os sintomas desta doença incluem baixa contagem de plaquetas, anemia e um baço aumentado. Podem, também podem sentir-se incomodados com pressão no estômago, ocorrem hemorragias ou hematomas mais significativos após lesões leves, exibem palidez, sentem-se cansados e ficam doentes com mais facilidade e com mais frequência.

Um exame completo de contagem sanguínea e um exame físico do baço geralmente são usados para ajudar a diagnosticar a mielofibrose. Um profissional médico pode confirmar suas suspeitas por amostragem da medula óssea para avaliar sua qualidade.

Em alguns pacientes, a condição pode resultar em apenas sintomas menores, mas em geral, os estágios finais são dolorosos e difíceis. Os pacientes podem passar muito tempo nos estágios finais da doença, e desta vez pode ser difícil para ambos e suas famílias.

Condições como a mielofibrose, onde a cura não é muito melhor que a própria doença, muitas vezes exigem mais pesquisas médicas. Essas doenças muitas vezes roubam o sofredor da capacidade de morrer com dignidade. Em vez disso, a morte pode ser um período prolongado e doloroso.

Visão geral

A mielofibrose é um transtorno grave da medula óssea que perturba a produção normal de células sanguíneas do seu corpo. O resultado é uma cicatrização extensa na medula óssea, levando a anemia grave, fraqueza, fadiga e, muitas vezes, um baço ampliado.

A mielofibrose é um tipo incomum de leucemia crônica – um câncer que afeta os tecidos formadores de sangue no organismo. A mielofibrose pertence a um grupo de doenças chamadas distúrbios mieloproliferativos.

Muitas pessoas com mielofibrose ficam progressivamente pior, e algumas eventualmente podem desenvolver uma forma mais grave de leucemia. No entanto, também é possível ter mielofibrose e viver livre de sintomas durante anos. O tratamento para a mielofibrose, que se concentra no alívio dos sintomas, pode envolver uma variedade de opções.

O que causa a mielofibrose?

Os pacientes desenvolvem a mielofibrose – também referida como mielofibrose idiopática crônica e metaplasia mielóide – quando as células-tronco do sangue vermelho na medula óssea são mutantes, causando a cicatriz da medula. Os pesquisadores ainda não determinaram a causa exata da mutação, embora vários fatores de risco para o desenvolvimento da doença tenham sido identificados.

Estudos descobriram que um número significativo de pacientes com mielofibrose apresentava um distúrbio de células sanguíneas preexistente. Os especialistas acreditam que a exposição a certos produtos químicos e tipos de radiação também pode aumentar o risco de desenvolver a mielofibrose. A idade também pode ser um fator, já que a maioria dos casos ocorre em indivíduos com idade igual ou superior a 50 anos.

A mutação genética envolvida na mielofibrose ocorre em células estaminais encontradas na medula óssea; Em circunstâncias normais, estas células se desenvolvem em glóbulos vermelhos. Um gatilho desconhecido faz com que as células funcionem mal, limitando severamente a produção de glóbulos vermelhos, o que, por sua vez, resulta em anemia.

As células-tronco então se dividem; As células novas formadas a partir da divisão também carregam a mutação, eventualmente se espalhando por toda a medula óssea. Uma deficiência nos glóbulos vermelhos e um excesso de glóbulos brancos pode causar tecido cicatricial para se desenvolver na medula óssea, um sintoma característico da mielofibrose.

Embora a causa da mutação seja geralmente desconhecida, os pesquisadores acreditam que certas doenças do sangue aumentam o risco que um paciente tem de desenvolver a mielofibrose. Policitemia vera, uma doença em que os glóbulos vermelhos proliferam a taxas anormalmente elevadas, tende a aumentar a probabilidade de que uma mutação nas células ocorra e se espalhe. A trombocitose essencial, na qual a medula óssea produz uma superabundância de plaquetas, aumenta o risco de forma semelhante.

Outro fator de risco associado à mielofibrose é a superexposição a certos produtos químicos industriais. O tolueno, um solvente químico comumente usado, foi identificado como uma substância que pode levar ao desenvolvimento da condição. O produto químico é usado em muitos procedimentos industriais, incluindo cimento de poliestireno, dissolução de tinta e até mesmo na produção de xarope de cola. Os montantes em que os indivíduos estão expostos na vida cotidiana geralmente são considerados seguros, no entanto, com a exposição insegura sendo uma raridade.

Um número significativo de pacientes diagnosticados com mielofibrose cai na faixa etária de 50 a 70 anos, levando alguns especialistas a acreditar que a idade desempenha um fator no seu desenvolvimento. A medula óssea mais antiga pode ser mais propensa à mutação, embora não esteja claro como.

Indivíduos com idade igual ou superior a 50 anos também podem ter sido expostos a produtos químicos com fatores de risco mais do que pessoas mais jovens, indicando a possibilidade de que os efeitos da exposição química prejudicial possam ser cumulativos.

Sintomas da Mielofibrose?

mielofibrose geralmente se desenvolve lentamente. Em seus estágios iniciais, muitas pessoas não experimentam sinais ou sintomas.

À medida que a interrupção da produção normal de células sanguíneas aumenta, os sinais e sintomas podem incluir:

– Sentindo-se cansado, fraco ou com falta de ar, geralmente por causa da anemia;

– Dor ou plenitude abaixo de suas costelas no lado esquerdo, devido a um baço ampliado;

– Hematomas fáceis;

– Saudação fácil;

– Suoração excessiva durante o sono (suores noturnos);

– Febre;

– Dor no osso.

Resumo

A mielofibrose, também conhecida como osteomielofibrose, é um câncer de medula óssea relativamente raro. Atualmente, é classificada como neoplasia mieloproliferativa, na qual a proliferação de um clone anormal de células-tronco hematopoiéticas na medula óssea e outros locais resulta em fibrose ou a substituição da medula por tecido cicatricial.

O termo “mielofibrose isolada” geralmente refere-se a mielofibrose primária, também conhecida como mielofibrose idiopática crônica

Os termos idiopáticos e primários significam que, nesses casos, a doença é de origem desconhecida ou espontânea. Isso contrasta com a mielofibrose que se desenvolve secundariamente à policitemia vera ou trombocitemia essencial.

A mielofibrose é uma forma de metaplasia mieloide, que se refere a uma mudança no tipo de célula no tecido formador de sangue da medula óssea, e muitas vezes os dois termos são usados de forma sinônima.

Os termos metaplasia mieloide agnogênica e mielofibrose com metaplasia mieloide também são utilizados para se referir a mielofibrose primária.

Fonte: www.wisegeek.org/www.mayoclinic.org/www.oncolink.org

Conteúdo Relacionado

 

Veja também

Síndrome de Williams

Síndrome de Williams

PUBLICIDADE A síndrome de Williams é um distúrbio do desenvolvimento que afeta muitas partes do …

Líquen Escleroso

Líquen Escleroso

PUBLICIDADE O líquen escleroso é uma condição dermatológica que afeta principalmente mulheres após a menopausa …

Irite

Irite

PUBLICIDADE O que é A irite é inflamação da íris (a parte colorida do olho). …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

300-209 exam 70-461 exam hp0-s41 dumps 640-916 exam 200-125 dumps 200-105 dumps 100-105 dumps 210-260 dumps 300-101 dumps 300-206 dumps 400-201 dumps Professor Messer's CompTIA N10-006 exam Network+