Breaking News
QUESTION 1 You have a hybrid Exchange Server 2016 organization. Some of the mailboxes in the research department are hosted on-premises. Other mailboxes in the research department are stored in Microsoft Office 365. You need to search the mailboxes in the research department for email messages that contain a specific keyword in the message body. What should you do? A. From the Exchange Online Exchange admin center, search the delivery reports. B. Form the on-premises Exchange center, search the delivery reports. C. From the Exchange Online Exchange admin SY0-401 exam center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. D. From the Office 365 Compliance Center, create a new Compliance Search. E. From the on-premises Exchange admin center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. Correct Answer: E QUESTION 2 You have an Exchange Server 2016 organization. You plan to enable Federated Sharing. You need to create a DNS record to store the Application Identifier (AppID) of the domain for the federated trust. Which type of record should you create? A. A B. CNAME C. SRV D. TXT Correct Answer: D QUESTION 3 Your company has an Exchange Server 2016 200-310 exam Organization. The organization has a four- node database availability group (DAG) that spans two data centers. Each data center is configured as a separate Active Directory site. The data centers connect to each other by using a high-speed WAN link. Each data center connects directly to the Internet and has a scoped Send connector configured. The company's public DNS zone contains one MX record. You need to ensure that if an Internet link becomes unavailable in one data center, email messages destined to external recipients can 400-101 exam be routed through the other data center. What should you do? A. Create an MX record in the internal DNS zone B. B. Clear the Scoped Send Connector check box C. Create a Receive connector in each data center. D. Clear the Proxy through Client Access server check box Correct Answer: AQUESTION 4 Your network contains a single Active Directory forest. The forest contains two sites named Site1 and Site2. You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains two servers in each site. You have a database availability group (DAG) that spans both sites. The file share witness is in Site1. If a power failure occurs at Site1, you plan to mount the databases in Site2. When the power is restored in Site1, you Cisco CCNP Security 300-207 exam SITCS need to prevent the databases from mounting in Site1. What should you do? A. Disable AutoReseed for the DAG. B. Implement an alternate file share witness. C. Configure Datacenter Activation Coordination (DAC) mode. D. Force a rediscovery of the EX200 exam network when the power is restored. Correct Answer: C QUESTION 5 A new company has the following: Two offices that connect to each other by using a low-latency WAN link In each office, a data center that is configured as a separate subnet Five hundred users in each office You plan to deploy Exchange Server 2016 to the network. You need to recommend which Active Directory deployment to use to support the Exchange Server 2016 deployment What is the best recommendation to achieve the goal? A. Deploy two forests that each contains one site and one site link. Deploy two domain controllers to each forest. In each forest configure one domain controller as a global catalog server B. Deploy one forest that contains one site and one site link. Deploy four domain controllers. Configure all of the domain controllers as global catalog servers. C. Deploy one forest that contains two sites and two site links. Deploy two domain controllers to each site in each site, configure one domain controller as a global catalog server D. Deploy one forest that contains two sites and one site link. Deploy two domain controllers to each site. Configure both domain controllers as global catalog servers Correct Answer: C QUESTION 6 How is the IBM Content Template Catalog delivered for installation? A. as an EXE file B. as a ZIP file of XML files C. as a Web Appli cati on Archive file D. as a Portal Application Archive file Correct Answer: D QUESTION 7 Your company has a data center. The data center contains a server that has Exchange Server 2016 and the Mailbox server role installed. Outlook 300-101 exam anywhere clients connect to the Mailbox server by using thename outlook.contoso.com. The company plans to open a second data center and to provision a database availability group (DAG) that spans both data centers. You need to ensure that Outlook Anywhere clients can connect if one of the data centers becomes unavailable. What should you add to DNS? A. one A record B. two TXT records C. two SRV records D. one MX record Correct Answer: A QUESTION 8 You have an Exchange Server 2016 EX300 exam organization. The organization contains a database availability group (DAG). You need to identify the number of transaction logs that are in replay queue. Which cmdlet should you use? A. Test-ServiceHealth B. Test-ReplicationHealth C. Get-DatabaseAvailabilityGroup D. Get-MailboxDatabaseCopyStatus Correct Answer: D QUESTION 9 All users access their email by using Microsoft Outlook 2013 From Performance Monitor, you discover that the MSExchange Database\I/O Database Reads Average Latency counter displays values that are higher than normal You need to identify the impact of the high counter values on user connections in the Exchange Server organization. What are two client connections 400-051 exam that will meet performance? A. Outlook on the web B. IMAP4 clients C. mobile devices using Exchange ActiveSync D. Outlook in Cached Exchange ModeE. Outlook in Online Mode Correct Answer: CE QUESTION 10 You work for a company named Litware, Inc. that hosts all email in Exchange Online. A user named User1 sends an email message to an Pass CISCO 300-115 exam - test questions external user User 1 discovers that the email message is delayed for two hours before being delivered. The external user sends you the message header of the delayed message You need to identify which host in the message path is responsible for the delivery delay. What should you do? A. Review the contents of the protocol logs. B. Search the message tracking logs. C. Search the delivery reports 200-355 exam for the message D. Review the contents of the application log E. Input the message header to the Exchange Remote Connectivity Analyzer Correct Answer: E QUESTION 11 You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains three Mailbox servers. The servers are configured as shown in the following table You have distribution group named Group1. Group1 contains three members. The members are configured as shown in the following table. You discover that when User1 sends email messages to Group1, all of the messages are delivered to EX02 first. You need to identify why the email messages sent to Group1 are sent to EX02 instead. What should you identify? A. EX02 is configured as an expansion server. B. The arbitration mailbox is hosted 300-320 exam on EX02.C. Site2 has universal group membership caching enabled. D. Site2 is configured as a hub site. Correct Answer: A
Home / Saúde / Alopecia areata

Alopecia areata

PUBLICIDADE

Alopecia areata – Definição

O termo alopecia significa perda de cabelo.

Na alopecia areata, uma ou mais manchas calvas redondas aparecem repentinamente, na maioria das vezes no couro cabeludo.

A alopecia areata também é chamada de alopecia autoimune.

O que é Alopecia areata?

Alopecia areata é uma condição da pele que pode afetar o cabelo na cabeça ou no corpo e nas unhas. É bastante comum, pois afeta 1,7% das pessoas em algum momento de suas vidas.

Não é uma doença grave: não “esconde” nada e não há nenhuma doença subjacente que os médicos precisem procurar.

Alopecia areata – Perda de Cabelo

Alopecia areata é uma desordem auto-imune caracterizada por perda de cabelo transitória, não-cicatricial e preservação do folículo piloso.

A perda de cabelo pode assumir várias formas, desde a perda de manchas bem definidas até a perda de cabelo difusa ou total, o que pode afetar todos os locais de produção de cabelo.

A Alopecia areata irregular que afeta o couro cabeludo é o tipo mais comum.

Alopecia areata afeta quase 2% da população geral em algum momento durante a sua vida.

Alopecia areata
Alopecia areata

As biópsias de pele da alopecia areata da pele afetada mostram infiltrado linfocitário no bulbo ou na parte inferior do folículo capilar na fase anágena (crescimento capilar).

Acredita-se que um colapso do privilégio imunológico do folículo piloso seja um fator importante na alopecia areata.

A alopecia areata geralmente é diagnosticada com base em manifestações clínicas, mas a dermoscopia e a histopatologia podem ser úteis.

A alopecia areata é difícil de administrar medicamente, mas recentes avanços na compreensão dos mecanismos moleculares revelaram novos tratamentos e a possibilidade de remissão em um futuro próximo.

Princípios

A alopecia areata é um tipo recorrente de perda de cabelo que pode afetar qualquer área de formação de cabelo e pode se manifestar em muitos padrões diferentes.

Embora seja uma condição benigna e a maioria dos pacientes seja assintomática, pode causar sofrimento emocional e psicossocial.

Alopecia areata
Alopecia areata

Alopecia areata
Alopecia areata

Com o que se parece?

A alopecia areata pode aparecer na forma de manchas sem pêlo que geralmente são redondas ou ovais; esta é a forma mais comum.

Às vezes, começa na parte de trás da cabeça e gradualmente se espalha para os lados e acima das orelhas.

Mais raramente, pode afetar toda a cabeça (alopecia totalis).

Se o pelo do corpo também for afetado, isso é conhecido como alopecia universalis.

As unhas podem mostrar pequenos amassados que se parecem com aqueles em um dedal (pitting) ou podem ser danificados em uma área mais ampla, com uma aparência áspera, como se tivessem sido ralados longitudinalmente (traquioníquia).

Qualquer uma das estruturas capilares do corpo pode ser afetada individualmente: sobrancelhas, pêlos de barba nos homens, algumas áreas dos pêlos do corpo e a queda de cabelo pode ser desigual ou generalizada.

Nas bordas das manchas, podem ser vistos pêlos de exclamação, que são pequenos pêlos quebrados que têm apenas alguns milímetros de comprimento e se soltam facilmente.

O que causa a alopecia areata?

Alopecia areata é classificada como um distúrbio auto-imune.

É histologicamente caracterizado por células T ao redor dos folículos pilosos.

Essas células T CD8 (+) do grupo NK 2D positivo (NKG2D (+)) liberam citocinas pró-inflamatórias e quimiocinas que rejeitam o cabelo. O mecanismo exato ainda não é compreendido.

O aparecimento ou a recorrência de perda de cabelo é, por vezes, desencadeada por:

Infecção viral
Trauma
Alteração hormonal
Estressores emocionais / físicos

O que é a Alopecia Totalis?

Alopecia totalis é um tipo de alopecia que causa perda total de cabelo na cabeça, incluindo todos os pelos faciais, sobrancelhas e cílios.

Esta calvície total geralmente ocorre dentro de seis meses após o início da condição. Acredita-se que a causa subjacente da alopecia total e de outros tipos de alopecia seja um distúrbio autoimune. Muitas pessoas com essa condição acham que a perda de cabelo é exacerbada pelo estresse, mas a alopecia não se limita a pessoas com estilos de vida de alto estresse.

Alopecia totalis é uma versão mais grave da alopecia areata, na qual o cabelo é perdido em manchas do couro cabeludo e outras áreas do corpo.

Um terceiro tipo de alopecia, chamado alopecia universalis, leva à perda de todos os pêlos do corpo, incluindo o couro cabeludo, face, tronco, membros e área genital.

Todos esses tipos de alopecia são condições recorrentes que não causam nenhum dano à saúde física de uma pessoa, mas podem causar estresse psicológico e emocional considerável.

Uma quantidade considerável de evidências aponta para um distúrbio auto-imune como a causa da alopecia.

Células imunológicas e anticorpos que são sensibilizados para destruir os folículos capilares foram encontrados em pessoas com alopecia, indicando que seus sistemas imunológicos se tornaram, de alguma forma, preparados para atacar essas células. Em um estudo, descobriu-se que 90% das pessoas com alopecia tinham anticorpos capazes de atacar certas estruturas nos folículos pilosos.

Alopecia areata
A alopecia não causa danos à saúde física de uma pessoa,
mas pode causar estresse psicológico e emocional considerável

Evidências científicas também sugerem que a genética desempenha um papel no desenvolvimento da alopecia totalis. Um estudo descobriu que até 20 por cento das pessoas com alopecia têm uma história familiar da doença, enquanto menos de dois por cento das pessoas que não têm alopecia têm essa história familiar.

Esta e outras evidências indicam que certos genes podem aumentar a probabilidade de alguém desenvolver alopecia. Na população global, um indivíduo tem aproximadamente 1,7 por cento de chance de desenvolver alguma forma de alopecia; o tipo mais comum é a alopecia areata.

O tratamento da Alopecia totalis envolve o uso de medicações tópicas ou injeções. Para pessoas com menos de 50% de perda de cabelo no couro cabeludo, as mais comumente usadas são injeções de corticosteróides ou cremes tópicos. Aproximadamente 60% das pessoas que recebem injeções regulares de corticosteróides no couro cabeludo experimentarão o crescimento do cabelo dentro de quatro a seis semanas da primeira injeção.

Quando mais de 50 por cento do cabelo do couro cabeludo foi perdido, o tratamento é mais provável que consista em medicamentos de imunoterapia tópica.

O que é Alopecia Universalis?

Alopecia areata
Alopecia Universalis

Alopecia universalis é uma condição marcada pela extensa perda de cabelo na cabeça e no corpo. Uma pessoa com esta condição normalmente terá perda de cabelo completa em sua cabeça, no nariz, nas axilas e em todo o corpo.

Apesar desse nível extremo de perda de cabelo, as pessoas com alopecia universal são normalmente saudáveis.

Este tipo de perda de cabelo pertence à mesma classe de uma condição chamada alopecia areata, que geralmente envolve perda de cabelo em pequenas manchas redondas, principalmente no couro cabeludo.

Existem diferentes variações de condições que estão no grupo alopecia areata.

A alopecia universalis recebe esse nome porque é muito mais extensa do que outras formas de alopecia e envolve todo o corpo de uma pessoa.

Pode parecer razoável que uma pessoa com essa condição teria outros problemas de saúde.

A maioria das pessoas com alopecia universalis não estão com problemas de saúde, no entanto. Aqueles com a condição são um pouco mais propensos a doenças da tireóide e uma condição da pele chamada vitiligo do que outros, mas uma pessoa pode ter alopecia universalis sem quaisquer outras condições de saúde.

Os cientistas determinaram que a alopecia universalis é causada pela mutação de um gene e é uma condição hereditária. Aqueles com a condição pode nascer com o cabelo, embora eles normalmente começam a sentir a perda de cabelo logo após o nascimento. Esta condição de perda de cabelo é extremamente rara, e os cientistas ainda precisam descobrir o que causa a mutação do gene que leva a ela.

Algumas pessoas com alopecia universal também lidam com problemas nas unhas. Em alguns casos, eles desenvolvem pequenos recortes em suas unhas. Em outros casos, as unhas se desenvolvem de forma mais séria, deformando as alterações que afetam a unha de uma pessoa.

Uma pessoa com esta condição pode não sentir perda de cabelo durante toda a sua vida. Algumas pessoas começam a crescer de novo depois de um curto período de tempo. Outros podem lidar com a falta de cabelos durante toda a vida. O potencial está sempre presente para uma pessoa regenerar o cabelo, mesmo depois de muitos anos de calvície terem passado. Neste momento, os médicos e cientistas são incapazes de prever quem experimentará a regeneração e quando a regeneração ocorrerá.

Não há cura para a alopecia universalis.

Muitas pessoas com essa condição usam perucas. Outros podem tentar tratar a doença com imunoterapia tópica, o que envolve provocar uma reação alérgica na pele da pessoa afetada. Este tratamento é pensado para irritar os folículos pilosos em produzir o cabelo mais uma vez. Infelizmente, isso não é eficaz para todos os pacientes. Alguns pacientes tentam injeções de cortisona, com sucesso limitado e alto potencial de efeitos colaterais.

Fonte: www.ncbi.nlm.nih.gov/emedicine.medscape.com/www.therapeutique-dermatologique.org/www.wisegeek.org/www.dermnetnz.org

Conteúdo Relacionado

 

Veja também

Síndrome de Williams

Síndrome de Williams

PUBLICIDADE A síndrome de Williams é um distúrbio do desenvolvimento que afeta muitas partes do …

Líquen Escleroso

Líquen Escleroso

PUBLICIDADE O líquen escleroso é uma condição dermatológica que afeta principalmente mulheres após a menopausa …

Irite

Irite

PUBLICIDADE O que é A irite é inflamação da íris (a parte colorida do olho). …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

300-209 exam 70-461 exam hp0-s41 dumps 640-916 exam 200-125 dumps 200-105 dumps 100-105 dumps 210-260 dumps 300-101 dumps 300-206 dumps 400-201 dumps Professor Messer's CompTIA N10-006 exam Network+